Novo(a) por aqui?
Leia nosso tópico de boas vindas e descubra o que Lodoss tem a oferecer!

>>> Clique Aqui <<<

Tenha uma ótima aventura!


Últimos assuntos
» Tópico de vida
Sab 21 Jan 2017, 2:22 am por ADM Hayate

» Tenkai
Sex 15 Mar 2013, 12:13 am por Bluesday

» Fortitudo Lapidum - Camp
Qui 14 Mar 2013, 11:19 pm por yoda

» Chamada ONE: Attention Please!
Seg 11 Mar 2013, 12:03 pm por Kaien Saller

» Novo Fórum, Novo Domínio!
Seg 11 Mar 2013, 1:30 am por ADM Hayate

» Novo no pedaço
Seg 25 Fev 2013, 1:10 pm por Arcturus Steelbreaker

» Dúvidas sobre ficha
Sex 22 Fev 2013, 8:21 pm por Peregrino

» [FP]Jason Stifler Grace
Sex 22 Fev 2013, 12:40 am por Jason Stifler Grace

» Nostalgia e Parabéns
Seg 18 Fev 2013, 6:48 pm por Bluesday




>Nuvens amaldiçoadas ameaçam cobrir a ilha!

> Leroooy!

> Casa é destruída no Vilarejo de Calm

> Mais notícias...


[ Copy this | Start New | Full Size ]





> Construção de Sede de Guilda

> "Entrega"

> Caçador de Hidra

> Ajudante de Porto

> Pesca em Calm

> Ovos de Dragão

Lodoss RPG Soundtrack by ADM Hayate



Quer continuar ouvindo as trilhas enquanto navega pelo fórum? Clique no botão acima!

A Espada Sutil

Página 5 de 7 Anterior  1, 2, 3, 4, 5, 6, 7  Seguinte

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo

Re: A Espada Sutil

Mensagem por ADM Hayate em Dom 31 Maio 2009, 9:24 pm

[Perdoem-me minha ausência]

@Vang

— Ótimo! — BlackRose parecia animada com a idéia. Certamente era uma garota que gostava de coisas novas, e ainda mais de situações arriscadas. Ela se virou para Kite. — Não vamos perder tempo, aquela loba precisa da gente!

Ela virou-se para Vang e sorriu. Em seguida pegou sua mão e correu na direção da prisão. Kite coçou a cabeça e os seguiu, não parecia gostar muito da situação, mas manteve-se quieto.

Já era tarde, mas deram a volta tranquilamente para os fundos do lugar, e avistaram ao longe Ree e Sora além de três crianças. Se aproximaram no momento em que essas últimas saíram correndo dali.


@Sora/Ree

Os garotos fitaram Sora de forma assustada. Olharam um para o outro, e engoliram em seco. Em seguida o mais velho fechou a cara, mesmo suando frio. Encarou Sora novamente.

— Espero que o demônio engula vocês! — Mostrou a língua, os outros fizeram o mesmo e logo correram para longe dali. Tinha acabado de anoitecer, e logo Sora perdeu de vista os garotos, que correram entre as casas e o que sobrou das barracas e mercadorias na rua.

Aparentemente agora Sora e Ree estavam a sós, mas logo ouviram passos apressados. Mas antes de pensarem em qualquer coisa avistaram Kite, BlackRose e Vang se aproximando.


@Sora/Ree/Vang

— Ah, encontramos vocês! — BlackRose suspirou e soltou Vang. — Ela está aí dentro? Não temos muito tempo, logo vão começar a fazer a ronda noturna e não vai ser legal se nos encontrarem aqui. Nós temos um plano. — Ela virou o rosto para Kite, que pareceu surpreso, mas pigarreou e continuou.

— Nosso amigo sabe alquimia... Não deve ser difícil para ele transmutar alguns dos blocos de pedra dessa parede em algo diferente. Ou ele pode simplesmente diminuir o tamanho das pedras para desencaixá-las, puxarmos para fora e colocarmos devolta em seguida.

— Acho que é nossa melhor opção até agora. Não temos muito tempo!


@Ayame / ClockBunny

Com as palavras de Ayame, Haseo bufou transtornado. Mesmo assim ainda estava em pé, pronto para atacar ClockBunny caso ele se aproximasse demais. Talvez achasse que era comida, pois provavelmente jogavam animais vivos na cela para que o demônio os devorasse. Devia ser algo raro devido ao estado dos ossos que podiam ser vistos no local.

Logo os três ouvem passos apressados. Por reflexo ClockBunny sai da janela e volta para o colo de Ree. Ayame fica tranquilizada quando ouve as vozes de BlackRose e Kite, e consegue ouvir o plano. Haseo rosna alto, mas evita rugir, pelo jeito entendera o que Ayame dissera.

_________________

"Torne-se a brisa que anseia" — Crônicas da Guerra de Lodoss
avatar
ADM Hayate
Administrador

Número de Mensagens : 1041
Reputação : Neutro Wanted :
100 / 100100 / 100

Data de inscrição : 07/09/2008

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: A Espada Sutil

Mensagem por Ayame em Qua 03 Jun 2009, 12:39 pm

*Já tinha escutado todo o plano, só faltava botá-lo em prática. Sua cauda balançou freneticamente, excitada com a notícia de que sairia logo dali para acabar com a raça daquela desgraçada. Um sorriso malígno surgiu nos lábios da loba, e ela apertou uma das mãos, encarando a parede à sua frente.*

Agora aquela desgraçada me paga... *disse baixo, olhando para a janela, quando escuta Haseo.* Quieto garoto, nossa carona pra fora daqui chegou. *Seu tom saiu foi sério, e sua olhada para Haseo também. Se aproximou da janela novamente e saltou, conseguindo ver, enquanto estava no ar, Black Rose e Kite. Quando voltou ao chão, deu uma olhada para o garoto hiena, ele poderia gritar avisando sobre o acontecido mas, por causa da enorme paciência da loba, que adorou tanto o rapaz, o mataria antes que terminasse o primeiro grito.*

Já ouvi o plano. Espero que tenha espaço para mais um *disse quando pulou novamente na janelinha e grudou-se nela para encarar os três de cima.* Meu companheiro de cela também vai comigo. *Olhou para Haseo de canto, sua cauda de forma tranquila.*
avatar
Ayame
Desbravador
Desbravador

Número de Mensagens : 539
Idade : 25
Reputação : Neutro Wanted :
20 / 10020 / 100

Data de inscrição : 09/09/2008

Ficha do personagem
Exp: 520/1000
Lvl: 6
HP: 100%

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: A Espada Sutil

Mensagem por Ree em Qua 03 Jun 2009, 2:55 pm

Ree ficou espiando, de rabo de olho, os garotos irem embora. Ainda tinha um mal pressentimento de que eles poderiam abrir a boca.
Percebeu um grupo se aproximando, e só se tranquilizou quando percebeu que eram os outros. Virou -se, curiosa para saber o que faziam ali.

Se assustou um pouco ao perceber Clock Bunny voltando. Aparentemente ele viera verificar o que se passava. Ficou então o segurando no colo.

Ouviu o plano, e teve que admitir que era bom. Com um aceno com a cabeça, Ree concordou.

- De preferência o mais discreto possível. Quanto mais tempo demorarem para perceberem, melhor.

Olhou para cima ao perceber que Ayame se manifestava. Por algum motivo achava que a fuga discreta não seria mais tão discreta assim. Mas não estava em ponto de discutir, queria logo é sair dali.

- Ótimo, façam como quiser. Clock Bunny ficará vigiando, caso alguem apareça.

Ree soltou CB no chão, que chacoalhou a cabeça, e então pos-se a rondar pelo local. A escuridão o ajudava a se camuflar. Enquanto isso Ree observava, curiosa, o que Vang faria.
avatar
Ree
Puppet Master
Puppet Master

Número de Mensagens : 503
Idade : 25
Localização : In hell
Reputação : Neutro Wanted :
0 / 1000 / 100

Data de inscrição : 09/09/2008

Ficha do personagem
Exp: 600/1000
Lvl: 7
HP: 100%

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: A Espada Sutil

Mensagem por Vang em Qua 03 Jun 2009, 6:17 pm

Sem direito a dizer nada mais,Vang foi puxado por Blackrose. Eles deram a volta para chegar nos fundos. Ali haviam dois integrantes do grupo. Só nesse momento que Vang teve alguma liberdade de movimento. Ele se mantinha com uma expressão meio vaga e evitava olhar diretamente para qualquer um ali presente. Sem esperar qualquer um dar alguma ordem para executar o plano,ele toca na parede com as duas mãos e começa a tentativa de transmutação. Sylpher estava sentado olhando para Kite.

-Lá vai...

Aquela parede tinha que virar algo. Podia ser vários cubinhos de pedra,uma placa de pedra ou poderia até mesmo transformar o cimento em alguma outra coisa para desmontar a parede de uma vez. Para não fazer barulho demais,era melhor tentar a opção de desmontar a parede fazendo com que o cimento virasse alguma coisa mole para que assim fosse possível tirar as pedras. Caso isso não funcionasse,ele teria que gastar um pouco mais de energia para transformar a parede em vários pedaços de pedra,ou seja,ele iria de certo modo "Demolir" a parede. Isso faria muito barulho e poderia ferir a garota loba ali dentro,por isso ficaria como último plano. O garoto tinha certeza de uma coisa: Lá se ia sua energia...

Vang
Aventureiro
Aventureiro

Número de Mensagens : 183
Idade : 23
Localização : Som'where.
Reputação : Neutro Wanted :
0 / 1000 / 100

Data de inscrição : 08/10/2008

Ficha do personagem
Exp: 300/1000
Lvl: 2
HP: 100%

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: A Espada Sutil

Mensagem por Sora em Dom 07 Jun 2009, 1:16 pm

Sora observava a decorrência dos fatos. Os garotos fugindo, B.Rose, Kite e Vang chegando, e por último Vang tentando transmutar a parede, enquanto Ayame por sua vez esperava o resultado da tentativa de Vang.

Sora notou que a noite começava a cair, e que possivelmente os guardar começariam a fazer a ronda noturna, oque o deixou levemente preocupado.


Irei auxiliar o C.B. ..Caso virem um pequeno feixe de luz, será minha distração caso ainda não tenham conseguido.

Sora pegou sua Keyblade e se dirigiu para um posto mais alto tendo uma visão mais ampla de toda a região onde seus companheiros se encontravam. Sora era inútil naquela situação pois nada que fizesse alí seria muito útil, então se encarregou apenas de vigiar o local e cubri-los até que eles pudessem de fato tirar Ayame dalí. Foi quando Sora lembrou.

Meu companheiro de cela também vai comigo.

Essa louca vai trazer o demonio junto?!?!!?

Sora começou a se preocupar, mas não havia nada que pudesse fazer, o muito talvez, teria de seguir sozinho, pois como era o único afastado, talvez fosse o único a sobreviver.
avatar
Sora
Eterno Conhecedor
Eterno Conhecedor

Número de Mensagens : 188
Idade : 25
Reputação : Neutro Wanted :
0 / 1000 / 100

Data de inscrição : 09/09/2008

Ficha do personagem
Exp: 100/1000
Lvl: 2
HP: 100%

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: A Espada Sutil

Mensagem por ADM Hayate em Dom 07 Jun 2009, 2:56 pm

@Vang/Ree/Sora

A transmutação havia começado. Já estava escuro na cidade, mas aquele lugar onde estavam em especial era completamente deserto, ao menos por enquanto. Tudo que podiam ouvir era a leve brisa passando pela grama alta e pelas árvores, e ao longe um som irregular de pessoas que ainda estavam acordadas. A luz da lua crescente iluminava de bom grado o trabalho de Vang.

O alquimista se concentrava, e logo chegou à melhor conclusão. Como haviam vários blocos de pedra, seria mais viável juntá-las e desencaixar de uma só vez, para então colocar devolta no lugar. Isso iria precisar de muita energia, pois rochas são dificílimas de moldar. Após vinte minutos de absoluto silêncio por parte de Vang, alguns dos blocos começaram lentamente a se soldar, mantendo a parede intacta, mas formando um único bloco grande com a altura do garoto e a largura de uma porta. Continuando a transmutação, Vang fez com que a rocha em volta do grande bloco diminuisse para então soltá-lo, mas em troca puxadores se formaram na frente do bloco. Agora bastava puxar a rocha.

— Belo trabalho, Vang! — BlackRose falou animada, mas num tom mais baixo. Vang estava esgotado, mas ainda conseguia se manter em pé tranquilamente. — Vamos Kite, me dê uma mão.

— Ok.

Quando o garoto alquimista liberou o caminho, Kite e BlackRose foram até o bloco e começaram a puxá-lo. Havia certa dificuldade pelo peso da rocha e a resistência da terra e grama, mas os dois eram muito fortes. Levou-se pouco tempo para o bloco ser arrastado para fora e depois para o lado, liberando a passagem.


@Ayame

A espera foi quase agonizante. Por pouco mais de vinte minutos Ayame nada ouvia do lado de fora, o que começou a preocupá-la. Haseo encarava a parede e rosnava baixo como se esperasse que algo saltasse dela. O tempo passou e, finalmente, a loba pôde notar estranhamente que a luz da lua começou a entrar na cela não apenas pela janela, mas por uma fenda na parede que envolvia algo que parecia uma porta. Finalmente ela voltou a ouvir vozes do lado de fora, e depois de pouco tempo uma parte da parede foi removida, foi quando Haseo avançou.


@Vang/Ree/Ayame

— Ufa — Kite suspirou ao largar a rocha. Olhou para dentro da cela mas estava completamente escuro. Se aproximou devagar, tentando enxergar lá dentro. — Ayame?

Foi quando o demônio apareceu num estalo e rugiu, tentando atacar Kite com as garras, mas o garoto teve um rápido reflexo e deu um salto para trás.

— Mas que raios??

Haseo estava acorrentado, mas as correntes eram longas o suficiente para permitir que ele ficasse com metade do corpo para fora da cela. Grunhia e rosnava, tentando alcançar o que conseguia. Arranhava o chão, a parede, certamente um demônio tentando se libertar diante da sua única abertura. ClockBunny jamais tivera mais medo do que agora, o monstro enfurecido iria destroçá-lo se apenas o tocasse. Com essa visão era para se duvidar que Ayame ainda estivesse viva lá dentro.


@Sora

Durante todo o tempo da transmutação, o garoto teve um tempo de puro tédio. Mesmo estando junto da árvore naquele morro não conseguia ver nada se mover além de um grupo de soldados ao longe, que conversava animadamente na frente de uma taberna. Foi quando Sora ouviu rugidos e imediatamente voltou a olhar aonde estavam seus amigos. Realmente havia um demônio, as crianças tinham razão, e era extremamente perigoso. Um frio percorreu a espinha do garoto, que via aquela criatura tentando se soltar, provavelmente estava presa por correntes. E se ele tivesse matado Ayame?

Outra preocupação lhe passou pela cabeça. Quando Sora virou-se para avistar os soldados denovo, viu que eles olhavam na direção da prisão, certamente ouvindo os rugidos. Logo começaram a pegar suas armas e capacetes. Levaria um tempo para chegarem.


[Vocês têm apenas dois turnos até os guardas chegarem]

_________________

"Torne-se a brisa que anseia" — Crônicas da Guerra de Lodoss
avatar
ADM Hayate
Administrador

Número de Mensagens : 1041
Reputação : Neutro Wanted :
100 / 100100 / 100

Data de inscrição : 07/09/2008

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: A Espada Sutil

Mensagem por Sora em Dom 07 Jun 2009, 5:31 pm

Sora estava entediado, enquanto ficava observando o local, só havia avistado poucos soldados próximos à uma taverna. Eles não pareciam dar atenção para oque ocorria, pela distância, obviamente.

Pouco tempo depois, Vang havia completado sua transmutação, oque deixou Sora animado. Mas diferente de suas espectativas, oque ele pensava que aconteceria, não aconteceu.

Ao tentar entrar, Kite foi atacado pelo demonio, oque fez Sora pensar rapidamente na segurança de ayame.

Porem sem ter tempo de se preocupar Sora observou novamente os guardas, notando que estes começavam a se aproximar. Enquanto pensava, Sora pulou da árvore, memorizando as coordenadas de onde os guardas vinham.

Sora teve um estalo. Desmaterializou a Keyblade, Tirou a blusa e rasgou bastante sua calça. Olhando ao redor, começou a se sujar todo, bastante, até ficar irreconhecivel, até mesmo para seus amigos.

Com um visual agora totalmente diferente, parecendo um mendigo qualquer daquela cidade, Sora começou a correr desesperado na direção dos guardas, e quando notou que começavam a chegar perto, tentou parecer vir de outra direção.


É UM ATAQUE!! SALVE-SE QUEM PUDER!!!

Sora corria na direção dos guardas, até que fingiu tropeçar e cair, rolando e ralando até proximo destes, com leves ferimentos, sangrando bem pouco.

Sora disfarçou bem sua voz e começou a falar, em tom de medo e desespero.


É, É, É UM ATAQUE!! ELE FUGIU! ESTÁ INDO PARA A CIDADE!

Sora se levantou e começou a sacudir os guardas, indicando uma direção paralela porem distante da prisão.

Ele está seguindo pela mata, rumo as estradas! Ele já atacou pobres animais, por favor, façam algo, pelos civis!!

Sora precisava de algo realmente convincente, então fingiu uma enorme dor no abdomem. Como estava completamente sujo, era dificil de ver se havia um machucado real alí sangrando, ou se era uma dor interna.

Sora indiferente disso, caiu no chão se encolhendo e gemendo de "dor", na esperança de conseguir dispistar os guardas tempo o suficiente, ou até mais, para que seus amigos pudessem sair dalí depressa.
avatar
Sora
Eterno Conhecedor
Eterno Conhecedor

Número de Mensagens : 188
Idade : 25
Reputação : Neutro Wanted :
0 / 1000 / 100

Data de inscrição : 09/09/2008

Ficha do personagem
Exp: 100/1000
Lvl: 2
HP: 100%

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: A Espada Sutil

Mensagem por Ayame em Seg 08 Jun 2009, 2:04 pm

Nani...? *Encarou o brilho da lua em várias partes da parede e olhou para o demônio ao seu lado enquanto se aproximava. Quando o pedaço da rocha sumiu e sentiu o cheiro de Kite mais próximo de Haseo, Ayame arregalou um pouco os olhos, prevendo o que aconteceria.*

Haseo não! *rosnou alto e avançou nele logo depois que avançou em Kite; por um momento foi idiota suficiente para esquecer-se de que este não era o Haseo que conhecia, e que ele poderia machucá-la. Ficou totalmente fora da prisão e de costas para Kite, encarando Haseo nos olhos, vendo-o se debater*

Haseo PÁRA...! Fique parado que vou tirar suas correntes! *Berrou com a criatura cerrando os punhos e soltando um outro rosnado tentando chamar a atenção dela para si. Percebia que era a primeira vez em anos que ele estaria vendo o mundo lá fora e que estava certo em estar deste jeito, mas não era a coisa mais certa a se fazer no momento. Enquanto balançava as mãos tentando acalmar Haseo, escutou os berros de Sora e mexeu as orelhas na direção do mesmo, girando os olhos em seguida*

Kite, solte-o antes que os soldados venham, preciso levá-lo para a floresta. *A loba o olhou de canto, enfurecida com os urros e desespero do demônio à sua frente. Apesar de achar que Kite era totalmente igual ao que conhecia, estava confiando nele*

Se você o soltar, usarei minha habilidade nele e o levarei daqui para outro lugar, só quero que confie em mim. *Sua voz estava firme e áspera; ela realmente não estava brincando. Rosnava para tentar acalmar Haseo e ambos podiam ver os olhos da loba ficando cada vez mais verdes, mudando aos poucos para um tom avermelhado. Pretendia tocar em Haseo e chamar sua atenção para a floresta, além de ter outro plano.*
avatar
Ayame
Desbravador
Desbravador

Número de Mensagens : 539
Idade : 25
Reputação : Neutro Wanted :
20 / 10020 / 100

Data de inscrição : 09/09/2008

Ficha do personagem
Exp: 520/1000
Lvl: 6
HP: 100%

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: A Espada Sutil

Mensagem por Ree em Sab 13 Jun 2009, 12:48 am

Ree, ciente de seu poder físico, deixou que a retirada de pedras fosse feita pelos outros. Ficou vigiando, junto á Clock Bunny e Sora. Entretanto, curiosa, a menina se aproximou quando conseguiram retirar.
Mal havia posto o pé ao lado de BlackRose, a fera avançou, fazendo com que Ree quase infartasse de susto. Pulou para trás por reflexo, enquanto Clock Bunny inicialmente rugiu alto, mas para logo depois se sentir diminuido, em comparação á Haseo. Ficou ali, tremendo, atrás de Ree, mas ainda assim rosnando. Nem ele sabia exatamente o que fazer.
Mas por sorte Haseo ainda estava preso pela corrente. Ree olhava desconfiada, atrás da criatura, á procura de Ayame. Ainda assim, o susto inicial e o barulho que a fera fazia deixava a garota cada mais raivosa.

- Oras, JÁ CHEGA!

Num movimento, a garota gritou com a criatura. Seus olhos então ficaram prata, juntamente com alguns fios de seu cabelo castanho. Estava ativando sua habilidade Soul Puppet, para acalmar a alma de Haseo, a fim de que ele ao menos se aquietasse e pudesse cooperar na fuga.

- Vamos, ande logo e solte-o de uma vez. A alma dele não é tão fácil assim de amansar...
avatar
Ree
Puppet Master
Puppet Master

Número de Mensagens : 503
Idade : 25
Localização : In hell
Reputação : Neutro Wanted :
0 / 1000 / 100

Data de inscrição : 09/09/2008

Ficha do personagem
Exp: 600/1000
Lvl: 7
HP: 100%

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: A Espada Sutil

Mensagem por Vang em Dom 14 Jun 2009, 2:22 pm

Depois da transmutação,Vang se encostou na parede,a uma certa distância da parede transmutada. Ainda conseguia ficar de pé sem problemas,mas estava bem cansado. Sylpher não tinha se aproximado de Vang quando ele foi fazer a transmutação.

Do nada uma criatura sai da cela. Graças a corrente,ele ficou apenas com metade do corpo para fora. Vang arregalou os olhos e congelou. Sabia que tinha algo ao seu lado,mas não conseguia se mover. Sua sorte era estar a alguma distância ou ele provavelmente já estaria morto. Sylpher estava preocupado e queria ir para perto de Vang,mas esse faz um sinal negativo. Não seria legal fazer uma ameaça a criatura,mesmo que fosse pequena.


(Se eu der um passo para o lado...Eu provavelmente perco a perna,ou pode acontecer algo pior...)

Vang ainda não tinha visto quem era aquele ser ao seu lado. Ele estava completamente parado,não conseguia se mover por causa do desespero.

Vang
Aventureiro
Aventureiro

Número de Mensagens : 183
Idade : 23
Localização : Som'where.
Reputação : Neutro Wanted :
0 / 1000 / 100

Data de inscrição : 08/10/2008

Ficha do personagem
Exp: 300/1000
Lvl: 2
HP: 100%

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: A Espada Sutil

Mensagem por ADM Hayate em Dom 14 Jun 2009, 11:14 pm

@Sora

A atitude de Sora surpreendeu e assustou os guardas. Quando este caiu da primeira vez, um deles o ajudou a levantar quando o garoto o sacudiu desesperado.

— Calma, garoto! — Gritou desesperado o guarda, até que Sora caiu no chão gemendo de dor. O guarda olhou para os demais, assustado. — O demônio está solto! Provavelmente todos perto da prisão devem ter morrido! Rápido, chamem reforços!

De imediato os soldados correram para a taberna e subiram em seus cavalos. Um deles pegou uma corneta em formato de chifre e soou-a, o barulho foi alto o suficiente para ecoar pela floresta. Enquanto isso o primeiro soldado ainda tentava cuidar de Sora.



@Ayame/Ree/Vang

Haseo rugiu mais algumas vezes para Ayame, mas logo parou. No entanto não ficou quieto, tentando se soltar das correntes, cravando as garras no chão à sua frente e tentando se soltar, dando grunhidos altos.

Sylpher se arriscou e puxou Vang pela blusa para longe do demônio, o que deu certo uma vez que este estava ocupado tentando se libertar. Parecia que nada iria conseguir pará-lo naquele momento.

— Pará-lo como? Ele não pára de se mecher! — Respondeu Kite diante da ferocidade do demônio, que não parava de se mover por um instante sequer.

Foi quando Ree gritou. Isso, de fato, nem ao menos chamou a atenção de Haseo. No entanto a garota tinha uma habilidade peculiar. O que ela não esperava era encontrar uma alma tão perturbada e confusa quanto aquela. Em seu interior era como uma luta de feras. A garota começava a se concentrar, e gotas de suor desciam por sua testa. Devagar Haseo foi parando, mas de forma confusa e irritada. Tentava ferozmente lutar contra o que quer que estivesse fazendo seu corpo amolecer, mas depois de um intenso trabalho de Ree, ela o venceu.

Por fim o demônio apoiou os cotovelos no chão, seus olhos estavam entreabertos e para alívio de Ree ele adormeceu. De fato a garota não teria outra escolha, pois apenas acalmá-lo não iria dar certo. Aquela alma conturbada foi uma experiência completamente nova. Mesmo que aquilo tenha parecido horas para Ree, não passou de minutos para os demais.

— O que você fez? — Perguntou Kite surpreso, olhando para o demônio adormecido.

Foi quando todos ouviram um som alto de uma trombeta. Os guardas estavam avisando uns aos outros que alguém fugiu da prisão, e pela urgência do som, só poderiam estar se referindo ao demônio.

— Precisamos sair daqui rápido! — BlackRose gritou e sacou sua espada pesada. Com um único golpe desceu a arma sobre as correntes de Haseo, arrebentando todas as cinco de uma só vez, errando por muito pouco uma das caudas do demônio. — Kite, vá procurar Sora! Iremos fugir para a floresta!

Kite apenas assentiu com a cabeça e correu na direção do morro. BlackRose olhou para os lados, e era possível ouvir sons altos de gritos de soldados alarmados e confusos. De dentro da prisão, foi possível ouvir novos gritos de pavor.

— Nossa fulga não foi tão furtiva quanto pensamos que seria. — A morena falou para si mesmo, mas não parecia irritada, mas empolgada. Sem precisar da ajuda dos demais, pegou Haseo e o jogou por sobre o ombro. A armadura do demônio era pesada e o próprio rapaz era grande, mas isso não pareceu intimidar BlackRose. — Vamos! Temos pouco tempo!

E se pôs a correr. As caudas do demônio se arrastavam no chão conforme a garota corria o carregando.

Sylpher podia sentir o cheiro de cavalos, vários deles, se aproximando rápido. O lobo então preferiu seguir Kite pois talvez ele precisasse de ajuda, e também achava que seria mais seguro vigiá-lo. Não confiava no garoto, ainda mais numa situação como essa.


@Sora

O soldado parecia assustado, e bastante distraído com o que acontecia na cidade. Por pura defesa pessoal, já tinha sacado sua espada. Os soldados e cavaleiros ali estavam confusos sobre o que fazer, e vários deles gritavam para irem até a estrada.

Kite chegou correndo, mas o soldado perto de Sora ainda não o tinha visto. Fitando o amigo sujo e aparentemente ferido ao lado do soldado armado, não pensou duas vezes. Com a empunhadura de uma de suas adagas desferiu um golpe certeiro na nuca do soldado que o deixou desacordado. Avistou os soldados ao longe que não lhe deram atenção, e então fitou Sora.

— Você está bem?


@Sylpher

Correndo com toda a velocidade de lobo que tinha, chegou pouquíssimo tempo depois de Kite, no entanto o que entendeu da cena foi completamente distorcido. Havia um soldado ao chão, e Sora estava caído e ferido, tinha cheiro de sangue e estava encolhido de dor. Ter visto Kite com a adaga em mãos foi o suficiente para o lobo. Assim que o garoto começou a se curvar para pegar Sora, Sylpher pulou sobre Kite, mordendo seu braço.

_________________

"Torne-se a brisa que anseia" — Crônicas da Guerra de Lodoss
avatar
ADM Hayate
Administrador

Número de Mensagens : 1041
Reputação : Neutro Wanted :
100 / 100100 / 100

Data de inscrição : 07/09/2008

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: A Espada Sutil

Mensagem por Ree em Ter 16 Jun 2009, 11:57 pm

- Explico mais tarde...

Essa foi a única resposta da garota. Se sentia cansada e perturbada. Nunca vira uma alma como aquela, que parecia querer desestabilizar a sua própria. Mal havia feito todo aquele esforço, as trombetas começaram a tocar, e ela amaldiçoou aquele que o fazia. A idéia de sairem despercebidos não foi bem sucedida.

Chegou a ofegar um pouco, mas logo depois limpou o suor da testa, e voltou-se para Black Rosw, que ia levando o demonio. Notou que as caudas iam fazendo uma trilha.

- Tsc, tentem carregar as caudas, não podemos deixa-los saber para onde fomos.

Olhou para trás, vendo a confusão que Sora fazia, bem ao longe, Ree voltou-se, começando a correr junto com os outros. Clock Bunny subiu nos ombros da garota, para vigiar a retaguarda. Rosnava, e estava pronto para avançar em qualquer um que impedisse a fuga.
avatar
Ree
Puppet Master
Puppet Master

Número de Mensagens : 503
Idade : 25
Localização : In hell
Reputação : Neutro Wanted :
0 / 1000 / 100

Data de inscrição : 09/09/2008

Ficha do personagem
Exp: 600/1000
Lvl: 7
HP: 100%

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: A Espada Sutil

Mensagem por Ayame em Qua 17 Jun 2009, 12:30 am

*Assistiu tudo encarando Haseo com os olhos pouco mais abertos que o normal, não precisava olhar para trás para saber quem era pois conseguia sentir algo estranho fluir do corpo de Ree. Observou Haseo deitar e aos poucos adormecer, fez menção de se aproximar mas fechou a mão e olhou para suas correntes quando Black Rose as cortou e deu um suspiro.*

*Não disse nada, parecia levemente abalada pela cena que acabara de presenciar, passou alguma coisa rápida por sua cabeça que a loba nem se quer registrou o barulho que os guardas estavam fazendo mesmo que suas orelhas tivessem virado em suas direções. Por fim em meio aos gritos ouviu o pedido de Ree e ajudou Black Rose a segurar Haseo, segurou com facilidade suas três caudas, achando incrível uma garota daquela aguentar um demônio daquele tamanho.*
avatar
Ayame
Desbravador
Desbravador

Número de Mensagens : 539
Idade : 25
Reputação : Neutro Wanted :
20 / 10020 / 100

Data de inscrição : 09/09/2008

Ficha do personagem
Exp: 520/1000
Lvl: 6
HP: 100%

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: A Espada Sutil

Mensagem por Sora em Qua 17 Jun 2009, 11:02 pm

Sora manteve-se caido no chão durante muito tempo, até que um dos guardas foi embora. Ainda caido no chão, o guarda parecia distraído, até que Kite o acertou brutalmente, fazendo este desmaiar.


— Você está bem?

Sora levantou o olhar e fitou Kite, fazendo um "Sim" com a cabeça, sorriu de canto, mas viu algo se aproximar, pualndo por cima de Sora. Ao ver este atacar Kite, por puro reflexo, Sora materializou sua Keyblade e atacou Slypher, confundindo-o com um inimigo qualquer.

Levantando-se rapidamente, e jogando fora os trapos, ficando com a parte de cima do corpo visivelmente suja e com as calças piores ainda, disse para Kite, fitando-o de lado.


Ei Kite, que lobo é esse?!..Por um acaso atacou algum filhote acidentalmente? Nunca vi um lobo atacar sem motivo assim.

Sora desmaterializou a Keyblade no mesmo momento, não queria levantar suspeitas.

Ao fitar para baixo, pensou e sorriu de canto. Encostou o soldado no chão e amarrou suas mãos e o encostou na parede. Pegou um pedaço da blusa de trapos que usava, raspou e amordaçou o soldado. Em seguida, colocou seu capacete invertido e fez um pequeno remendo, para que esse não fosse tirado caso o soldado se movesse. Deixando este assim, imobilizado, Sora pegou sua espada furtivamente e a escondeu dentro da calça, em algo que parecia ser um anexo desta, pois não tocava a pele de Sora. Fitando Kite, disse.


Para que lado vamos, menino-maravilha?

Sora sorriu de canto e ficou esperando a ordem de Kite para poder seguir, Slypher não o atacaria novamente, e se o fizesse, poderia rebate-lo facilmente como antes.


Última edição por Sora em Qua 17 Jun 2009, 11:13 pm, editado 1 vez(es) (Razão : Correção do post.)
avatar
Sora
Eterno Conhecedor
Eterno Conhecedor

Número de Mensagens : 188
Idade : 25
Reputação : Neutro Wanted :
0 / 1000 / 100

Data de inscrição : 09/09/2008

Ficha do personagem
Exp: 100/1000
Lvl: 2
HP: 100%

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: A Espada Sutil

Mensagem por Vang em Sex 19 Jun 2009, 7:48 pm

Vang só ficava olhando para aquela criatura que não parava quieta. Apesar de ter dito não,Sylpher arriscou e tirou Vang da situação. Depois disso uma das garotas do grupo fez alguma coisa que deixou o demônio quieto,ele até mesmo adormeceu. Por outro lado Vang ainda estava tentando se acalmar,nunca tinha levado tamanho susto.

Logo Vang ouve uma trombeta. Provávelmente era sobre o acontecimento de agora O garoto apenas olhava tudo. Quando Blackrose arrebenta as correntes e pega o demônio,o colocando sobre o ombro. A pergunta que ele queria fazer era: "Vamos levar ele junto?" Mas preferiu ficar quieto. Sylpher olha para Kite e resolve seguí-lo. Ele olha para Vang esperando alguma aprovação,esse faz um sinal positivo com a cabeça,concordando com a decisão. Vang segue Blackrose e os demais enquanto Sylpher vigiava Kite.

Vang
Aventureiro
Aventureiro

Número de Mensagens : 183
Idade : 23
Localização : Som'where.
Reputação : Neutro Wanted :
0 / 1000 / 100

Data de inscrição : 08/10/2008

Ficha do personagem
Exp: 300/1000
Lvl: 2
HP: 100%

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: A Espada Sutil

Mensagem por ADM Hayate em Dom 21 Jun 2009, 3:22 am

[Vang, preste atenção, o Sylpher atacou Kite mas foi impedido pelo ataque de Sora. Não sei qual foi a reação do lobo já que você não narrou isso, então levarei em conta o mais lógico a fazer.]

@Sora / Sylpher [Vang]

Sylpher saltou para atacar Kite, no entanto foi repelido por um golpe defensivo de Sora, que jogou o lobo para longe. Não foi causado muito dano, uma vez que ele apenas foi empurrado, mas o deixou atordoado o suficiente. Como Sora não atacou Kite, era de se esperar que o lobo entendesse que havia se enganado no que estava pensando.

— Não é o lobo do alquimista...? — Respondeu Kite, mas quando se virou, Sora estava prestando atenção em outra coisa. Apenas não entendeu qual era sua intenção, e muito menos a afinidade do apelido que acabara de ganhar. — Temos que voltar para o grupo rápido. BlackRose deve tê-los levado para a floresta, já imagino aonde.

Ele olhou para os lados e começou a correr na direção da floresta, esperando Sora segui-lo. Pegou um caminho que ficava longe da estrada, que era o primeiro lugar onde os soldados procurariam. Por fim, ao atingirem a floresta, Kite escondeu-se atrás de uma das árvores e fez sinal para que Sora e Sylpher fizessem o mesmo. Precisavam dar um tempo antes de seguirem em frente.

— Antes de mais nada, Sora... — Perguntou Kite em voz baixa. — O que você fez contra aquele soldado pra ele te deixar nesse estado?


@Ayame/Ree/Vang

Por sorte BlackRose conseguia levar Haseo no ombro com facilidade, e Ayame evitava deixar qualquer rastro ao ajudar a carregar as pesadas caudas do demônio. Seguiram com pressa até já estarem longe o suficiente, e BlackRose começou a andar mais devagar. ClockBunny começou a ficar inquieto enquanto olhava para o rapaz que a morena carregava.

— Deve ter uma clareira por aqui... Sei que Kite logo irá nos alcançar. — Ela tentava distrair o grupo. Os sons de gritos de soldados e galopes já estavam longes, apesar de em alvoroço. Certamente aquela fuga foi bem-sucedida, mas nada furtiva. Teriam que sair daquela cidade o mais breve possível, pois provavelmente alguém viu o grupo junto anteriormente e mais cedo ou mais tarde irá alcaguetar para os soldados. BlackRose deu um suspiro longo, parecia finalmente estar se cansando. — Estamos quase lá. Estou até tendo a impressão de que seu amigo aqui está mais leve, loba.

Quando Ayame se deu por si, as caudas do demônio que estava carregando sumiram. Não havia notado por ter sido um processo lento, ou por estar distraída, mas quando olhou para Haseo no ombro de BlackRose, não era mais o demônio de antes.

— Chegamos! — Anunciou BlackRose no mesmo momento que a loba notou aquilo. Não era uma clareira grande, no entanto mostrava-se bastante confortável, o gramado era fofo e as árvores não eram juntas demais. Um clima bastante fresco. — Agora vamos colocar o esquentadinho no chão e... Ué?

BlackRose só notara a estranha mudança quando deitou Haseo no chão. Não era mais o demônio que a pouco assustara a todos. A armadura vermelha e as caudas se foram. Ali apenas estava deitado um rapaz de cabelos brancos desarrumados, vestindo apenas uma calça com alguns rasgos na barra. Seu corpo tinha bem menos ferimentos do que antes, restando somente as maiores cicatrizes.

Ayame reconhecia perfeitamente quem era. No entanto havia uma sutil diferença entre este Haseo e o que conhecia, que só pôde ser notada melhor agora. Este parecia ser pelo menos três anos mais velho. Seu corpo era mais definido e mais forte, apesar dos óbvios mals-tratos pelos quais havia passado sabe-se lá desde quanto tempo.

— Tá certo Ree, por essa eu não esperava. Ele é um tipo de demôniosomem ou algo assim? — BlackRose ficou confusa, certamente nunca tinha visto algo parecido antes. Olhava para Ree como se esperasse que ela desse a resposta. Clock Bunny, por outro lado, olhava extremamente confuso para Vang. Viu que ele tinha transformado folhas em uma corda, várias pedras em uma só, e agora achava que ele foi o responsável pelo demônio ter virado um rapaz.

_________________

"Torne-se a brisa que anseia" — Crônicas da Guerra de Lodoss
avatar
ADM Hayate
Administrador

Número de Mensagens : 1041
Reputação : Neutro Wanted :
100 / 100100 / 100

Data de inscrição : 07/09/2008

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: A Espada Sutil

Mensagem por Ayame em Dom 21 Jun 2009, 2:35 pm

*Segurava firmemente as caudas de Haseo enquanto andava mata a dentro. Olhou para os lados, sugando o ar com força sentindo o cheiro de terra e das folhas. Fazia um tempo que queria sentir esse cheiro novamente. Lembrou-se de Haseo e pensou no que ele poderia estar fazendo; se a procurava, cuidava de sua bolsa, se ainda estava irritado com ela... se estava transformado e descontrolado...*

*Apertou as mãos na cauda do demônio para afastar tais pensamentos e rolou os olhos, sua mente não estava ali, logo, não escutava ou prestava atenção no que as garotas conversavam. Porém, ao apertar suas mãos, não sentiu nada entre elas. Arregalou os olhos na hora e olhou para frente assustada, e então sua boca se abriu e suas mãos se abaixaram. Sua cauda parou de balançar e ficou baixa, igualmente suas orelhas, e seus passos foram diminuindo enquanto ela olhava para Haseo em forma humana nas costas de Black Rose.*

*Se alguém perguntasse o que ela estava pensando naquele exato momento, nem ela saberia responder. Sua mente estava vazia enquanto encarava aquele garoto deitado no chão. Não conseguia desprender seu olhar daqueles cabelos brancos e rosto incrivelmente conhecidos. Piscou várias vezes e passeou seus olhos por cada pedaço do corpo daquele indivíduo quando sentiu seu forte cheiro de sangue. Não pôde evitar de respirar fundo e deixar que entrasse por suas narinas o cheiro daquele sangue conhecido. Da pessoa que mais conhecia no mundo. Porém ao mesmo tempo que era incrivelmente parecido, era mortalmente igual.*

Falando na sua língua, ele é um Meio-demônio. É como se ele fosse um metamorfo, porém este ainda não sabe controlar suas transformações. Deve ser sua primeira ou segunda vez. História longa demais para te contar. *Disse sem desprender os olhos do rosto de Haseo. Sua voz estava fria, seu tom era meio rouco como se tivesse algo em sua garganta. Estava curiosa em saber como este Haseo havia se transformado, afinal a Ayame desta dimensão era uma vaca infeliz e com certeza não seria por ela que ele teria feito tal coisa, como foi com o outro*

*Este Haseo estava distante de um toque, e não demorou muito para que Ayame pudesse acabar com isso. Se aproximou dele, agachou-se ao seu lado e analisou seu rosto melhor. Estava evidente de que ele era mais velho que Haseo, uns três ou quatro anos no máximo. Por um momento sorriu de canto, imaginando que o Haseo que ela conhece será assim em alguns anos, mas tratou de tirar este pensamento da cabeça ao olhar os ferimentos profundos que estavam em seu corpo.*

Me tragam água limpa que eu vou arrumar os ferimentos dele. *Sua voz estava preocupada e ansiosa ao ver os graves ferimentos dele. Apalpou suas costas a fim de achar sua bolsa para que pudesse fazer seus devidos curativos. Surpresa e, de certa forma feliz por ver um rosto extremamente conhecido, ansisava por uma conversa com ele para saber como ele foi parar ali, e se conseguir, porque ele escolheu essa vida.*
avatar
Ayame
Desbravador
Desbravador

Número de Mensagens : 539
Idade : 25
Reputação : Neutro Wanted :
20 / 10020 / 100

Data de inscrição : 09/09/2008

Ficha do personagem
Exp: 520/1000
Lvl: 6
HP: 100%

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: A Espada Sutil

Mensagem por Ree em Sex 26 Jun 2009, 11:44 pm

Veio estranhamente quieta durante todo o caminho. Nem ao menos ouviu o que BlackRose falava. Estava absorta em seu sproprios pensamentos quanto ao que havia visto na alma de Haseo.
Entretanto, até ela se chocou ao ver ele em sua forma humana. Não compreendeu a complexidade daquela alma na hora, mas agora parecia que muitas coisas faziam sentido. Ouviu a pergunta de BlackRose, mas esta foi respondida por Ayame.
Sentindo o cansaço, Ree encostou-se numa árvore para recuperar-se. Ainda sentia-se daquele jeito, após tanto esforço. Mas logo estaria recuperada. Ouviu o que Ayame requisitou, e olhou para C.B, mandando-o procurar por água. Depois, olhou para a loba.

Quanto mais cedo sairmos daqui, melhor. Trate apenas os mais graves. Os menores, você pode tratar quando sairmos da cidade.

C.B, meio de má vontade, foi saindo para buscar água, mas sempre encarando Vang, ainda curioso e de certo modo desconfiado de suas habilidades.
avatar
Ree
Puppet Master
Puppet Master

Número de Mensagens : 503
Idade : 25
Localização : In hell
Reputação : Neutro Wanted :
0 / 1000 / 100

Data de inscrição : 09/09/2008

Ficha do personagem
Exp: 600/1000
Lvl: 7
HP: 100%

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: A Espada Sutil

Mensagem por Sora em Sab 04 Jul 2009, 6:01 pm

Após terminar sua brincadeira com o soldado, Sora virou-se para Kite e assentiu com a cabeça, correndo com este, para a direção da floresta.

Enquanto corria, Sora tirava o barro do cabelo, sentindo a própria cabeça mais leve. Porem ainda imunda. Passando pela árvore aonde havia deixado suas coisas, Sora pegou devolta tudo que havia deixado alí, estando por completo. Chegando até o local destinado, Sora diminuiu o passo. Adentrando os arbustos e escondendo-se numa posição que desse para ver Kite e o local, respondeu de modo audivel, porem não muito alto.


- Bem, eu precisava de um disfarce não é? Afinal..se eu chegasse na cara lavada, e depois isso desse repercussão, oque provavelmente dará, se me virem por aí, eu seria um alvo fácil...Aí me disfarcei, por necessidade.. Hehe..Então...agora preciso de um banho.

Sora brincou, mas logo em seguida, calou-se e cerrou os olhos levemente, enchergando melhor a nitidez do local. Levando uma das mãos ao bolso, pegou a Keyblade ainda em miniatura, e ficou com esta em posição, caso tivesse de materializa-la para um futuro combate, enquanto esperava alguma ordem de Kite ou coisa do tipo.
avatar
Sora
Eterno Conhecedor
Eterno Conhecedor

Número de Mensagens : 188
Idade : 25
Reputação : Neutro Wanted :
0 / 1000 / 100

Data de inscrição : 09/09/2008

Ficha do personagem
Exp: 100/1000
Lvl: 2
HP: 100%

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: A Espada Sutil

Mensagem por Vang em Dom 05 Jul 2009, 1:54 pm

Vang estava seguindo Blackrose e o resto do grupo,perdido em pensamentos. Apesar de Sylpher estar o vigiando,Vang ainda se preocupava com as ações de Kite no passado e eles foram enterrompidos antes que Kite explicasse tudo. A única coisa que ele podia fazer por enquanto era esperar Kite voltar e esperar até o momento certo para perguntar outra vez o que ele estava Fazendo.

Quando chegaram na clareira Vang se sentou no chão a uma certa distância do resto do grupo,ainda pensativo.


(Como será que Sylpher está se saíndo? Se ele estiver junto de Kite,pelo menos posso ter certeza de que ele não fará nada suspeito outra vez...)

Vang cruza os braço e fecha os olhos,não pretendia dormir mas tinha que estar pronto para usar a alquimia outra vez caso fosse necessário.

-> Sylpher: Sylpher foi e se escondeu junto a Kite,mas isso não o impedia de ainda vigiar as ações dele. Sylpher,assim como Vang,acreditava que Kite não faria nada suspeito enquanto estivesse sendo vigiado então era melhor se preocupar um pouco com a fuga também. O único problema era que sem o Vang,Sylpher não podia se comunicar com ninguem então suas ídeias iriam ficar para ele mesmo.

Vang
Aventureiro
Aventureiro

Número de Mensagens : 183
Idade : 23
Localização : Som'where.
Reputação : Neutro Wanted :
0 / 1000 / 100

Data de inscrição : 08/10/2008

Ficha do personagem
Exp: 300/1000
Lvl: 2
HP: 100%

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: A Espada Sutil

Mensagem por ADM Hayate em Sab 11 Jul 2009, 10:51 am

[Todos ganham 600 pontos de experiência]

@Sora / Vang (Sylpher)

— Não faz sentido. — Disse Kite depois de um tempo, ouvindo os soldados se distanciando. — Se estava fazendo cena, então o soltado não estava te atacando, logo cometi um engano. Mas isso não justifica você o ter prendido e roubado sua espada. Isso nos torna criminosos.

Suspirou. Mas assim que o som dos soldados e cavalos sumiu ao longe, relaxou.

— Esqueça, não vamos voltar aqui por um bom tempo. Venha, temos que alcançar os outros. — Ele fitou Sylpher e engoliu em seco. Parecia preocupado com o que o lobo pensava, mas tentou ignorar isso. Começou a andar floresta adentro, seguindo uma trilha mínima que logo os levariam ao grupo.


@Ayame/Ree/Vang

BlackRose ouviu a explicação, e fitou atentamente a reação de Ayame perante o rapaz, curiosa. Era óbvio o que estava havendo ali. A morena tirou um cantil de água de sua sacola e um pano, o oferecendo para a loba.

— A pequena tem razão, precisamos ser rápidos. Se bem que todas as feridas estão cicatrizadas, só tem sangue seco em volta. — Ela ficou quieta por um tempo, e logo sentou-se de pernas cruzadas perto de Ayame. O tempo parecia passar devagar na floresta; a lua iluminava suavemente todas as formas ali, dando ao ambiente uma aparência tranquila. Ayame realmente não tivera muito trabalho. Bastou passar o pano úmido nas feridas, que realmente apenas estavam sujas de sangue e cicatrizadas. Depois de algum tempo que ela terminou, BlackRose comentou. — Ele realmente é alguém importante pra você em seu mundo, ou até mais. — Ela deu um leve sorriso fitando a loba. — Certamente tem um bom motivo para voltar daonde veio.

Ela então olhou pra trás.

— Ah! Chegaram. — Anunciou, se levantando e olhando para as árvores.


@Todos

Pouco depois do anúncio de BlackRose, Kite e Sora chegaram na clareira, acompanhados de Sylpher. O trio não encontrou nada anormal, a não ser o estranho rapaz deitado ao chão com Ayame sentada ao lado. Não era difícil associar o cabelo branco e o rosto ao demônio de antes, mas mesmo assim era confuso.

— BLackRose, não vai me dizer que ele é...

— Sim, o demônio de antes. — ela respondeu Kite e então fitou Haseo. — Pelo jeito é um transmorfo ou coisa assim.

Kite coçou a cabeça e soltou um suspiro. Aquilo estava ficando cada vez mais complicado. Já tinham soldados na sua cola, e teriam de fazer o possível para não associarem o desaparecimento do demônio com o sumiço de seis viajantes.

— Ele não pode ir com a gente. — falou por fim. — Vai nos atrasar, e aqui ele é procurado. Não podemos nos meter nos problemas dos outros assim.

Kite não soube porquê, mas BlackRose lhe lançou um pesado olhar de censura assim que ele terminou de falar. Isso o fez engolir em seco, intrigado. Foi quando viu o jeito que Ayame fitava o rapaz que pareceu entender.

— Ahm, bem... Podemos deixá-lo num lugar seguro pelo menos...

Nisso Clock Bunny estava impaciente e curioso. Nunca esperava ver um demônio virar um homem, e sua curiosidade o venceu. Andou lentamente até Haseo, antes fitando a loba como se pedisse permissão. Subiu então no peito do rapaz, sentando-se ali. Checou o rosto, que era o mesmo do demônio, então não havia dúvidas. Nesse instante o coelho notou certo movimento dos olhos, e soube que ele estava prestes a acordar. Nisso deu um sorriso maníaco de orelha a orelha. Era óbvio sua intenção com o "novato", nada melhor que acordar com um bom susto para manter-se alerta.

Quando Haseo por fim abriu os olhos, no mesmo instante que viu Clock Bunny desferiu um soco direto na criatura e sentou-se em seguida. O coelho caiu no chão a certa distância dele e correu pros braços de sua dona.

— Um coelho...? — Ele piscou algumas vezes, arqueando a sobrancelha. Quando olhou pro lado e por fim viu o grupo ficou surpreso, se levantando rápido e se distanciando vários passos. — Quem são vocês?! Não parecem soldados... são mercenários?

Sua voz, diferente do que Ayame lembrava, era mais suave ao mesmo tempo que mais grossa que a do Haseo em seu mundo. Era como se fosse uma voz que adoraria ouvir em seus sonhos mais intensos.

— Hah... — BlackRose estava se segurando para não rir da reação. Não esperava que o coelho fosse a menor preocupação do rapaz. — Não se preocupe, não vamos te machucar e nem somos mercenários. Te tiramos da prisão, só isso. Qual seu nome?

— Eu estava preso? — Ele colocou a mão na cabeça. Pelo jeito lembrava-se do mínimo possível quando estava transformado. — Haseo...

— Em que ano estamos, Haseo? — Kite perguntou.

— 12 da oitava era.

— Tem certeza?

— Sim.

BlackROse e Kite se entreolharam.

— Haseo você esteve preso por três anos, estamos no ano 15. Não se lembra de nada?

O que Kite disse pareceu atingir o rapaz em cheio. Ele colocou a mão no rosto, murmurando coisas como "três anos", "perdi tanto tempo" e "será que ela ainda..." E por fim sacudiu a cabeça.

— Pouca coisa pra ser chamado de três anos. Parecem instantes. Lembro pouca coisa da cela, as correntes, a escuridão e... — Seu olhar caiu sobre Ayame. — Você estava lá.

Sylpher acompanhava toda a discussão de orelhas erguidas. Não foi difícil notar muitas coisas ali, mas preferiu se aproximar de Vang e ficar junto ao seu dono. O novato não parecia perigoso, mas o lobo precisava ficar atento.

_________________

"Torne-se a brisa que anseia" — Crônicas da Guerra de Lodoss
avatar
ADM Hayate
Administrador

Número de Mensagens : 1041
Reputação : Neutro Wanted :
100 / 100100 / 100

Data de inscrição : 07/09/2008

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: A Espada Sutil

Mensagem por Ayame em Dom 12 Jul 2009, 8:30 pm

*Não se demorou. Pegou um trapo limpo qualquer e a água que Black Rose lhe oferecera e começou a limpar o sangue envolta das feridas. Toda vez que tinha que chegar mais perto dele, ficava receosa e pensativa. Não levou muito tempo para limpar o sangue seco, só não imaginava que teria platéia para isso. Colocou o pano de lado e ajoelhou-se no mesmo lugar. Enquanto lavava a mão com o que tinha sobrado da água, ouviu o comentário da garota e não a fitou, pelo contrário, deu uma rápida olhada para os cabelos de Haseo.*

... * Ficou em silêncio, escolheu não responder ao comentário dela, ignorou. Suas orelhas se moveram para o mesmo lado em que Kite e o restante do pessoal chegava e os encarou sem se levantar.*

*Não quis dizer nada durante toda a conversa que os irmãos tinham. Seus olhos se desprenderam de suas mãos molhadas e foram para Haseo. O rapaz, mesmo dormindo, prendia sua atenção de forma impressionante que nem ela conseguia explicar. Baixou o olhar levemente, deixando-o estreito, quando Kite comentou sobre deixá-lo aqui. Já estava decidida que ficaria para levá-lo para outro lugar quando ele muda de ideia, o que, por algum motivo, deixou a loba aliviada.*

*Por mais que seus olhos estivessem presos ao garoto, o movimento em falso de Clock Bunny fez Ayame mover, no mesmo segundo, os olhos para o coelho. Quando viu que estava acuado, fez um gesto com a cabeça para deixá-lo e voltou o olhar para o garoto. Foi quando Haseo acordou. Os olhos da loba se arregalaram e seu coração disparou em batidas frenéticas. Moveu uma das orelhas e apertou as mãos no mesmo instante prendendo um abraço. Este não era seu Haseo, este não era seu Haseo. Dizia para si mesma toda vez que olhava para ele.*

*Ele ainda não a tinha percebido tão perto, teria que se afastar um pouco para dar espaço ao garoto, mas nem isso conseguia. Estava em transe. Seus olhos verdes, confusos e ao mesmo tempo esperançosos, admiravam aquele garoto sem poder dizer nada. Sem perceber, suas mãos estavam apertando sua saia como se estivesse com muito frio. Não prestou atenção no que eles conversavam, só no que Haseo falava. Sua voz era diferente, mais grossa e rouca, seu corpo estava diferente... Mas ao mesmo tempo que não era o Haseo que conhecia, era. E ela sabia disso.*

*Ficaria o resto do tempo olhando para ele, quando escuta seu último comentário e seus olhos se encontram. Instintivamente, as mãos de Ayame apertaram com mais firmeza a saia que estrangulava e deu um leve sorriso tentando esconder a felicidade dele tê-la lembrado. Ficou um tempo em silêncio por um tempo, observando-o atentamente como se tivesse esperanças de que ele a abraçaria. Desviou seu olhar por um rápido instante para uma das árvores e suspirou pesadamente antes que voltasse seu olhar. *

Se sente bem? *Perguntou sem saber o que dizer. As palavras pela primeira vez saíram como um tropeço e ficou com receio dele não tê-las entendido. Afrouxou pouco as mãos antes que ele percebesse seu nervosismo, mas mesmo que quisesse, não conseguia desviar sua atenção dele. No entanto o fez. Teria que agir como sempre mesmo que na sua frente estivesse um cara igual à outro. Seu olhar ficou sério de repente e ela se levantou de sopetão, bateu a mão na roupa e encostou-se na árvore que estava logo atrás dela.* Ham, melhor irmos logo. *Disse, evitando olhar para o garoto.*
avatar
Ayame
Desbravador
Desbravador

Número de Mensagens : 539
Idade : 25
Reputação : Neutro Wanted :
20 / 10020 / 100

Data de inscrição : 09/09/2008

Ficha do personagem
Exp: 520/1000
Lvl: 6
HP: 100%

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: A Espada Sutil

Mensagem por Ree em Sex 24 Jul 2009, 10:14 am

Ree foi obrigada a fechar um dos olhos e desviar o rosto quando Clock Bunny levou o soco. Nao que realmente tivesse machucado, mas bem... Era seu servo, ora bolas. Logo depois o coelho levantou-se, balançando a cabeça e levantando as orelhas. Não ia facilitar de agora em diante para o rapaz, disso tinha certeza.

Encostada numa árvore, Ree assistiu tudo que se passou quieta, de braços cruzados. Metade do tempo prestava atenção na conversa, mas na outra metade, a menina sondava ao redor com sua habilidade, para saber se alguém estava se aproximando. Quando Ayame por fim verbalizou o que Ree tanto queria, ela se desencostou da árvore, concordando com a cabeça.

- Se ele vai, se não vai, tanto faz. Mas ficar aqui não dá mais! - Ree pegou Clock Bunny no colo, e fitou RoseBlack E Kite - E ainda temos que ir para as montanhas.

A última frase foi pronunciada com certa irritação na voz. Toda aquela enrolação estava acabando com sua paciência, e o que ela mais queria era voltar para seu próprio mundo logo. Se havia duas Ayames, o que mais poderia ter por ali? Além do mais, a figura de Haseo não representava grande coisa a ela, pois nunca o conheceu no outro mundo e ela nunca foi uma das mais sensíveis. Não gostava daquele mundo, e tinha um certo receio de descobrir o que mais poderia ter por ali.... Tanto em relação a feras, quanto a pessoas....
avatar
Ree
Puppet Master
Puppet Master

Número de Mensagens : 503
Idade : 25
Localização : In hell
Reputação : Neutro Wanted :
0 / 1000 / 100

Data de inscrição : 09/09/2008

Ficha do personagem
Exp: 600/1000
Lvl: 7
HP: 100%

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: A Espada Sutil

Mensagem por Sora em Seg 27 Jul 2009, 10:18 pm

Sora ouviu as afirmações de Kite, porem estava indiferente e com um sorriso de leve. Por algum motivo, sabia que aquele garoto iria segui-los ou coisa do tipo. Jogou a espada próxima aos outros alí presentes, se fincando próximo a Haseo. Tudo aquilo que falavam para Sora era completamente sem nexo e indiferente. Na verdade, não importava realmente.

Absteve-se em ficar recostado em uma árvore, enquanto olhava ao redor, procurando por inimigos. Ao ouvir a palavra de Ree, assentiu.


Ela tem razão, e se formos fazer isso, temos de fazer logo. Não estou afim de ficar aqui por muito tempo, e preciso de um banho logo. Ah, outra coisa, Rose, você ainda está com aquela armadura de ossos, ou já a jogou fora? Gostaria de leva-la para o ferreiro de Hartland, ouvi dizer que ele seria capaz de fazer um bom escudo a partir daquele osso.

Sora espreguiçou e fitou os demais, sacudindo a cabeça e deixando os cabelos numa posição curiosa, afinal, estes ainda estavam envoltos em barro e lama, mantendo-os fixos numa posição única a todo o momento. Aquilo o incomodava, queria tomar um banho logo.
avatar
Sora
Eterno Conhecedor
Eterno Conhecedor

Número de Mensagens : 188
Idade : 25
Reputação : Neutro Wanted :
0 / 1000 / 100

Data de inscrição : 09/09/2008

Ficha do personagem
Exp: 100/1000
Lvl: 2
HP: 100%

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: A Espada Sutil

Mensagem por Vang em Qua 29 Jul 2009, 10:45 am

Vang ainda estava sentado ali,ouvindo a conversa dos outros mas não fazendo nenhum comentário ou pergunta. Logo o outro grupo voltou,e Sylpher,se sentou ao lado de Vang para explicar o que aconteceu.

Depois da explicação de Sylpher,Vang suspira e fala em tom de voz baixo,apenas para o lobo ouvir:


-Você se confundiu e levou um golpe? Você é o mesmo Sylpher que eu conheço?

-Hum,se enganar não é algo incomum.

Vang solta um leve sorriso,mas depois volta ao seu desânimo. Ele ainda estava descansando quando ouviu algo a mais,quando olhou,o coelho estranho estava jogado no chão e o cara que saiu da cadeia acordado. Vang não se importou muito,mas antes de voltar a descansar,lançou um olhar sério para Kite. Se esse olharia para ele ou não,não importava,ele só queria ouvir a explicação de Kite.

Depois da conversa ali,Vang afirmou o que Sora e Ree disseram:


-Os dois tem razão,temos que ir logo! O nosso destino não está tão perto assim...

Vang se levanta e solta um suspiro,ficando em pe e de costas para todos,olhando para o céu.

Vang
Aventureiro
Aventureiro

Número de Mensagens : 183
Idade : 23
Localização : Som'where.
Reputação : Neutro Wanted :
0 / 1000 / 100

Data de inscrição : 08/10/2008

Ficha do personagem
Exp: 300/1000
Lvl: 2
HP: 100%

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: A Espada Sutil

Mensagem por Conteúdo patrocinado


Conteúdo patrocinado


Voltar ao Topo Ir em baixo

Página 5 de 7 Anterior  1, 2, 3, 4, 5, 6, 7  Seguinte

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo

- Tópicos similares

 
Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum