Novo(a) por aqui?
Leia nosso tópico de boas vindas e descubra o que Lodoss tem a oferecer!

>>> Clique Aqui <<<

Tenha uma ótima aventura!


Últimos assuntos
» Tópico de vida
Sab 21 Jan 2017, 2:22 am por ADM Hayate

» Tenkai
Sex 15 Mar 2013, 12:13 am por Bluesday

» Fortitudo Lapidum - Camp
Qui 14 Mar 2013, 11:19 pm por yoda

» Chamada ONE: Attention Please!
Seg 11 Mar 2013, 12:03 pm por Kaien Saller

» Novo Fórum, Novo Domínio!
Seg 11 Mar 2013, 1:30 am por ADM Hayate

» Novo no pedaço
Seg 25 Fev 2013, 1:10 pm por Arcturus Steelbreaker

» Dúvidas sobre ficha
Sex 22 Fev 2013, 8:21 pm por Peregrino

» [FP]Jason Stifler Grace
Sex 22 Fev 2013, 12:40 am por Jason Stifler Grace

» Nostalgia e Parabéns
Seg 18 Fev 2013, 6:48 pm por Bluesday




>Nuvens amaldiçoadas ameaçam cobrir a ilha!

> Leroooy!

> Casa é destruída no Vilarejo de Calm

> Mais notícias...


[ Copy this | Start New | Full Size ]





> Construção de Sede de Guilda

> "Entrega"

> Caçador de Hidra

> Ajudante de Porto

> Pesca em Calm

> Ovos de Dragão

Lodoss RPG Soundtrack by ADM Hayate



Quer continuar ouvindo as trilhas enquanto navega pelo fórum? Clique no botão acima!

A Espada Sutil

Página 2 de 7 Anterior  1, 2, 3, 4, 5, 6, 7  Seguinte

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo

Re: A Espada Sutil

Mensagem por ADM Hayate em Seg 24 Nov 2008, 1:44 pm

Todos ficaram surpresos, não esperavam pelo príncipe naquele lugar, isso se realmente fosse ele. Clock Bunny inspecionou o rapaz, que se assustou um pouco mas não impediu o estranho animal de subir até sua cabeça.

— Haha, ele gostou de você. — Riu BlackRose ao ver o coelho puxar os cabelos do "príncipe". Enquanto isso Flora se aproximou, falando de forma sarcástica com o rapaz, chamando-o de várias formas diferentes, o que apenas o deixou confuso.

— Ham...? — Foi a única resposta que ela teve para a pergunta, afinal ele não tinha entendido nada. Foi então que Clock Bunny saiu de sua cabeça e voltou para o colo da dona.

Logo Flora fez uma pergunta direta e reta para BlackRose, que retribuiu com um olhar meio surpreso. Começou a achar que os dois se conheciam, até que a sister mudou de expressão, olhou para o estranho e recuou alguns passos. Ele ia responder quando Sora, sorridente, começa a falar com ele e agradecendo.

— Espera, isso tá muito confuso, como sabem meu nome? — Kite coçou a cabeça, todos pareciam conhecê-lo mas ele decididamente não se familiarizava com nenhum deles.

— Hahaha, príncipe? Desculpa, irmã, mas deve estar confundindo ele — BlackRose se segurava para não rir, era cômica a situação, e a expressão de Kite a fazia querer rir ainda mais.

— Com certeza... — Ele falou e deu um olhar de censura para BlackRose, que continuou segurando o riso. Mas ele logo voltou a fitar os três. — Bem eu não sei como sabem meu nome, mas não sou da família real e muito menos... um príncipe... — Nisso a garota não segurou algumas risadas, mas logo colocou as mãos nas costas fingindo inocência. Mas logo voltou à seriedade e seu sorriso característico.

— Mas admito que vocês foram corajosos — Ela começou. — Não é qualque rum que enfrenta um urso de carapaça assim. Aliás, Kite, você não disse que tinha esquecido de trazer a corda?

— Bem, eu esqueci, hehe. — Falou um pouco sem jeito, mas logo se recompôs. — Mas o amigo deles ali tinha uma por sorte. Ei cara, valeu mesmo!

Falou isso indicando e olhando para Vang, que estava um pouco distante dos demais. Se não tivessem uma corda naquele momento, dificilmente virariam o urso e teriam-no derrotado. A transmutação acidental do rapaz serviu para algo, e isso salvou a todos de certa forma.

_________________

"Torne-se a brisa que anseia" — Crônicas da Guerra de Lodoss
avatar
ADM Hayate
Administrador

Número de Mensagens : 1041
Reputação : Neutro Wanted :
100 / 100100 / 100

Data de inscrição : 07/09/2008

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: A Espada Sutil

Mensagem por Ree em Seg 24 Nov 2008, 2:06 pm

Quando Kite indicou Vang, Ree o encarou, curiosa. Não conhecia ainda ninguém que pudesse transmutar, e aquilo a deixou intrigada.
Mas mesmo assim, balançou a cabeça, esquecendo o assunto momentaneamente. Havia coisas mais importantes a serem resolvidas.

Com um rosto sério, a garota olhou em volta, á procura de qualquer sinal diferente, procurando a janela, ainda que estivesse escuro. Num suspiro, Ree deixou Clock Bunny descer. Enquanto este rondava o lugar, ela se aproximou um pouco mais do grupo.

- Hum...Veja, estamos meio....perdidos e desorientados, sabe? Por acaso...que lugar é esse?

Ela podia não conhecer as pessoas ali, mas uma coisa estava certa. Seja lá o que aconteceu, nenhum deles sabia o motivo, e o que levaram ali seria provavelmente o mesmo método, ou coisa parecida. Restava saber onde estavam e o que era aquela janela.

Ela mantinha os braços cruzados, ainda olhando desconfiada para Kite, mas as vezes alternando o olhar para BlackRose.


Última edição por Crystal em Seg 24 Nov 2008, 2:12 pm, editado 1 vez(es)
avatar
Ree
Puppet Master
Puppet Master

Número de Mensagens : 503
Idade : 25
Localização : In hell
Reputação : Neutro Wanted :
0 / 1000 / 100

Data de inscrição : 09/09/2008

Ficha do personagem
Exp: 600/1000
Lvl: 7
HP: 100%

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: A Espada Sutil

Mensagem por Minx em Seg 24 Nov 2008, 2:12 pm

•Ele realmente não era o mesmo garoto estúpido e irritante que todos conhecem, mas sim um simples rapaz com alguns parafusos a menos e sem nenhuma moral com aquela sua amiga. Fiquei apenas observando toda aquela movimentação com uma expressão caracteristica, mesmo aquelas risadas e a tiradinha de sarro da parte de BlackRose, pois tinham mais coisas para me preocupar, quando o falso principe cumprimentou o escondido Vang, virei para os outros três.•

Flora:
Pelo visto cada um de nós conhece o principe de Lodoss, então não somos desse tempo. Algum de vocês notou algo estranho antes de vir parar aqui?

•Agora fazia sentido o mundo paralelo que antes havia suspeitado, e se fosse verdade, existiriam cópias de nós naquele mundo, com personalidade e histórias diferente, talvez até mesmo Rose estivesse lá, juntamente com toda minha família viva e livres da maldição. Cruzei os braços e fiquei andando em circulos pequenos enquanto pensava.•

Flora:
Eu passei em um tipo de portal, creio que vocês também. Logo, deve existir uma conexão com esse mundo e a floresta sem fim(Endless).

•Parei de repente e virei para os estranhos, BlackRose e o outro Kite. Levando em conta que se existe um Kite nesse mundo, também deve haver uma BlackRose no nosso antigo.•

Flora:
Na nossa dimensão, você, Kite, é o principe de Lodoss. Isso é verdade, pois eu sou da sua real. Não sei que lugar é esse, mas não é Lodoss, e pelo anima que enfrentamos, isso fica bem claro. Afinal, que lugar é esse?
avatar
Minx
Aventureiro
Aventureiro

Número de Mensagens : 93
Idade : 26
Reputação : Neutro Wanted :
0 / 1000 / 100

Data de inscrição : 02/10/2008

Ficha do personagem
Exp: 450/1000
Lvl: 1
HP: 89%

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: A Espada Sutil

Mensagem por Vang em Seg 24 Nov 2008, 4:08 pm

Vang levanta e depois coça sua cabeça,desviando o olhar com uma expressão descontraída,e então respondeu..

-Sim mas...Foi acidental...De qualquer forma ajudou não foi?

Vang continua naquele canto isolado,pensando no que ele faria agora,ele não queria apenas ajudar acidentalmente,ele queria poder fazer algo para ajudar intencionalmente pois não seria sempre que algo desse tipo iria acontecer.

-Quem dera eu tivesse algo melhor para proporcionar.
Sylpher: Vang,você tem muitas habilidades,apenas precisa aprender a usa-las,mas não se preocupe,um dia você consegue.
-{Fala sarcasticamente} Muito obrigado pelo voto de confiança...
Sylpher: Essas habilidades não são faceis de conseguir sabia?
-Sem problemas...

Vang ouve as perguntas feitas pelas outras pessoas ali,e fica em silêncio,esperando as respostas.

Vang
Aventureiro
Aventureiro

Número de Mensagens : 183
Idade : 23
Localização : Som'where.
Reputação : Neutro Wanted :
0 / 1000 / 100

Data de inscrição : 08/10/2008

Ficha do personagem
Exp: 300/1000
Lvl: 2
HP: 100%

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: A Espada Sutil

Mensagem por Sora em Seg 24 Nov 2008, 8:17 pm

Sora estranhou as respostas de Kite, observando-o de modo intrigado.

Mas e claro que nos conhecemos..quando eu vim parar aqui..digo..em Lodoss..na floresta Endless, foi voce que me ajudou a derrotar aquele minotauro-mago. Nao se lembra?

Com o passar das conversas e respostas, Sora chegou sozinho a conlusao de que aquele nao era o mesmo Kite que conheceu na floresta allgreen outrota. Isso fez com que o garoto ficasse bastante intrigado, olhadno ao seu redor, a procura daquela estranha janela, porem ja era tarde e escuro, nao dava mais para fitar a mesma.

Bem..ao que tudo indica viemos parar num local completamente desconhecido..pelomenos para nos..e..se essa garota tiver razao...hm.. Sera que...Kaeri...Riku?..

Sora disse os nomes de seus amigos em tom mais baixo, aguardando uma resposta daqueles dois ali presentes, Sora nao evitou, tambem riu de Kite quando Rose fez piadinhas sobre o mesmo, aquela garota era intrigantemente bonita e tinha um humor bem feliz, oque chamou um pouco sua atençao, porem sem desvia-lo completamente, apenas reparando um pouco mais na garota.

Ei Kite..se existe voce, aqui e "la", primeiro, oque e aqui e segundo, voce por um acaso conhece alguem chamado "Sora", "Riku" ou "Kaeri" ?..
avatar
Sora
Eterno Conhecedor
Eterno Conhecedor

Número de Mensagens : 188
Idade : 25
Reputação : Neutro Wanted :
0 / 1000 / 100

Data de inscrição : 09/09/2008

Ficha do personagem
Exp: 100/1000
Lvl: 2
HP: 100%

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: A Espada Sutil

Mensagem por ADM Hayate em Ter 25 Nov 2008, 12:12 am

Kite mantinha um olhar confuso, e Sora lhe falando sobre lembrar de algo que, para ele, não aconteceu, era levemente incômodo. Mesmo assim ele ia começar a responder as perguntas que ainda lembrava, quando BlackRose o interrompeu.

— Gente, vamos com calma! — Ela falou num tom autoritário, colocando as mãos na cintura. Ao ver que todos a esperaram falar, continuou. — Já anoiteceu, acho melhor conversarmos tudo isso de forma organizada e aconxegante, o que acham? — Ergueu a mão na altura do rosto, erguendo dois dedos juntos ao tempo que piscou um dos olhos para o grupo. Logo, virou-se para Vang. — Ei garoto alquimista, nos dê uma mão aqui!

Todos tinham que concordar: Conversar numa floresta escura, desconhecida, com tantas perguntas e um monstro enorme morto atrás deles não era lá tão agradável. Então montaram, a certa distância do urso, um acampamento improvisado. BlackRose instruiu Vang do que ele deveria transmutar, para então conseguirem montar duas tendas improvisadas. Além disso, a habilidade do rapaz serviu para criar quatro colchões rústicos. Já era de se imaginar que todos eles não tinham afinidade entre si, então preferiu assim. Por fim, a espada de Flora serviu para criar faíscas sobre a madeira, acendendo então uma fogueira de tamanho médio e confortável. Em todo esse tempo, Kite trocava uma palavra ou frase com BlackRose em certos intervalos.

Agora, enquanto alguns pedaços da carne do urso assavam ao fogo, o grupo sentou-se em volta da fogueira. Kite mantinha-se ao lado de BlackRose, e esta insistiu para que Vang não se distanciasse do grupo e sentasse ao seu lado para não ser tão teimoso. Ao lado do rapaz ficou Ree, e Clock Bunny sentia-se curioso ao fitar Sylpher. Flora por sua vez sentava-se ao lado de Kite, e próximo dela estava Sora. Agora que finalmente teriam as respostas do que queriam, o grupo ficou em silêncio.

— Bem — Começou Kite, e visto que ainda continuaram em silêncio, pigarreou. — Acho que temos uma leve idéia do que esteja acontecendo. Bem, eu não sou o Kite que vocês conhecem, e essa terra também não é essa tal Lodoss.

— Vocês estão na floresta Jigsaw — Falou BlackRose, a morena mantinha seriedade nas palavras. — E este é o planeta Gaia. Conheço os mapas, nenhum contém uma terra, ilha ou qualquer lugar com o nome Lodoss.

— Então a única conclusão, e meio inacreditável talvez, é de que vocês caíram aqui por uma abertura entre nossos dois mundos. — Essa afirmação fez o grupo ficar confuso e mais inquieto, mas Kite continuou antes que altuém falasse algo. — Sim existem milhares de mundos paralelos, mas também só descobri isso a pouco tempo. Tinha lendas sobre isso mas... De uns tempos para cá ficou mais claro que existe.

— O que ele quer dizer é que vocês são a prova de que mundos paralelos existem. Em consequência a Espada Sutil também. — Agora a morena tinha um olhar sério ao falar disso. Seu companheiro parecia receoso em conversar do assunto, mas ao ver que a garota estava determinada daquilo, acabou concordando. O nome daquela arma por algum motivo despertou interesse, medo e curiosidade nos quatro "novatos".

_________________

"Torne-se a brisa que anseia" — Crônicas da Guerra de Lodoss
avatar
ADM Hayate
Administrador

Número de Mensagens : 1041
Reputação : Neutro Wanted :
100 / 100100 / 100

Data de inscrição : 07/09/2008

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: A Espada Sutil

Mensagem por Vang em Ter 25 Nov 2008, 9:48 am

Vang ajudou a montar o acampamento,finalmente tinha feito algo que iria ajudar mas...Nunca tinha usado tanto sua alquimia em um só dia então estava muito cansado e também por obrigação ele teve que ficar perto do resto do grupo que estava ali,Vang parecia meio inquieto por estar junto a pessoas diferentes dele; Vang ouviu toda a informação que os dois tinham dado a eles,então ele ficou mais inquieto ainda sabendo que não estava em lodoss e também ficou um tanto que interessado quando falaram sobre a espada,e então pela primeira vez ali,Vang faz uma pergunta:

-A espada sutil? O que é essa espada?

Vang olhava sériamente para Blackrose,esperando uma resposta sobre a espada.

Vang
Aventureiro
Aventureiro

Número de Mensagens : 183
Idade : 23
Localização : Som'where.
Reputação : Neutro Wanted :
0 / 1000 / 100

Data de inscrição : 08/10/2008

Ficha do personagem
Exp: 300/1000
Lvl: 2
HP: 100%

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: A Espada Sutil

Mensagem por Minx em Ter 25 Nov 2008, 1:54 pm

•É, realmente conversar naquele lugar não era nada legal para a maioria das pessoas, pelo menos para mim. Acabou que agente montou um pequeno acampamento perto do local de batalha, isso me lembrava muito aquelas histórias de escoteiros numa floresta e um maníaco de serra-elétrica triturava todos. Hehe, acho que eu estaria no papel do assassino, mas não naquela noite, ninguém merecia morrer por enquanto. Pelo visto aquele Kite era bem diferente, até mesmo em conversar regularmente com a'miga dele em alguns intervalos. Usaram minha espada para acender uma fogueira, que desvalorização.•

•Não estavamos em Lodoss. Oh, mas que novidade... isso foi sarcasmo. O nome daquele mundo se chamava Gaia e segundo a explicação dos dois, não só existia aquele mundo e o nosso, mas também vários outros mundos paralelos àqueles. E conforme eramos a prova de que existiam outros mundos, eles também eram e juntamente com isso a mensionada "Espada Sutil".•

Flora:
Ok, então. Faço a mesma pergunta que o alquimista. Ei, me diga que não tem um vilão que planeja pegar essa espada e dominar os mundos e vocês querem impedir isso.

•Falei em um tom irônico e levemente comico. Coloquei uma das mãos em cima da cabeça de Kite, fazendo uma bagunça no cabelo dele. Eu tinha que aproveitar que aquele não era o Kite que eu conhecia e tirar um sarrinho dele sem que o desgraçado tirasse sua "espada do poder" e me ameaçar com aquilo, sem falar que o garoto dava de dez a zero no quesito agradável que o principe de Lodoss. Eu queria fazer uma coisa e estava me segurando, mas não foi o suficiente para me parar e então indaguei aos dois com um sorriso doce nos lábios.•

Flora:
Outra coisa que eu queria saber, não é muito importante, mas é só questão de dúvida. Vocês são namorinhos?

•Yeah, eu sei. Eu sou má.•
avatar
Minx
Aventureiro
Aventureiro

Número de Mensagens : 93
Idade : 26
Reputação : Neutro Wanted :
0 / 1000 / 100

Data de inscrição : 02/10/2008

Ficha do personagem
Exp: 450/1000
Lvl: 1
HP: 89%

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: A Espada Sutil

Mensagem por Sora em Ter 25 Nov 2008, 4:46 pm

Sora estava ajudando a montar o acampamento, quando se sentou junto a fogueira, fitando o fogo com certa fixaçao, ate que Kite começou a explicar tudo que ele sabia sobre aquele local, outros mundos e Etc. Ate que Rose comenta sobre a Espada Sutil, que abria passagens de um mundo para o outro, tambem notou que Kite parecia um pouco desconcertado sobre aquele assunto o que o fez ficar um pouco mais atento.

Voto na mesma pergunta, oque ela e? E...vou alem..onde podemos acha-la?..

Sora ficou observando os dois durante um longo tempo, quando Minx zoou Kite, inevitavelmente Sora riu um pouco, e com a pergunta da mesma, deu um leve sorriso maldoso, fitando agora Rose nos olhos, enquanto a mesma nao respondia, dando leves 'soluços' segurando o riso.

Essa garota e sacana..hahaha..gostei! xD

So depois de um tempo Sora notou, e começou falando de modo meio desconcertado.

Er..so impressao ou..ninguem se conhece?..Bem..acho que ja que dei a ideia ne...Sora, vim de..er..bem..acho que isso nao importa muito ne? Afinal se existem tantas outras dimensoes..de qualquer modo, Prazer, Sora.

Seria mesmo um prazer?..Numa situaçao dessas...
avatar
Sora
Eterno Conhecedor
Eterno Conhecedor

Número de Mensagens : 188
Idade : 25
Reputação : Neutro Wanted :
0 / 1000 / 100

Data de inscrição : 09/09/2008

Ficha do personagem
Exp: 100/1000
Lvl: 2
HP: 100%

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: A Espada Sutil

Mensagem por Ree em Ter 25 Nov 2008, 9:38 pm

Apesar de toda a explicação ter terminado, e a conversa entre o grupo iniciava-se, Ree mantinha-se calada. Encarava as chamas da fogueira sem realmente prestar muita atenção.
Alguns pontos eram realmente confusos, em outros, interessantes. Mas o que mais chamou a atenção da garota fora a Espada Sutil.

Um nome pomposo demais....

Em sua mente, tinha noções gerais da mesma, mas nada concreto ou definido. Eram suposições vagas e confusas.
Ainda assim o interesse era inevitavel. E uma frase de Kite chamou sua atenção.

"De uns tempos para cá ficou mais claro que existe... "

A garota estranhava o fato de tantas janelas abertas por ai. Seja o que fosse, alguém ou algo as estava abrindo. Entretanto, guardou esse pensamento para si, voltando sua atenção aos demais, esperando pelas respostas.

Clock Bunny ainda estava agitado. Ora encarava Sylpher, ora "inspencionava" os outros, ora brincava com um inseto qualquer. A sensação que o cheiro de sangue deixava em CB demorava a passar, e isso era visivel.
avatar
Ree
Puppet Master
Puppet Master

Número de Mensagens : 503
Idade : 25
Localização : In hell
Reputação : Neutro Wanted :
0 / 1000 / 100

Data de inscrição : 09/09/2008

Ficha do personagem
Exp: 600/1000
Lvl: 7
HP: 100%

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: A Espada Sutil

Mensagem por ADM Hayate em Qua 26 Nov 2008, 1:02 pm

Os dois ouviram a pergunta de Vang, e de certa forma ficaram surpresos. Era a primeira vez que o alquimista se manifestava. Mesmo assim, Sora e Flora concordaram em ouvir a resposta, e Ree apesar de seu silêncio também concordou. Kite ouviu o tom irônico de Flora ao falar de um vilão e tudo mais.

— Claro que não, a espada é uma lenda e... Ei! — A sister, empurrando o chapéu de Kite, bagunçou os cabelos do mesmo. Ele fechou um dos olhos enquanto ela fazia isso, um movimento inesperado vindo de uma "irmã". Os cabelos verdes do rapaz eram naturalmente maios e facilmente manipuláveis, logo quando Flora tirou a mão os cabelos ficaram bagunçados o suficiente.

— Haha, combina com você — Zombou BlackRose, mas de forma amigável. Kite bufou sem jeito, ajeitou o cabelo como de costume e os fios se moviam tão facilmente que não demorou muito, e logo vestiu o chapéu novamente. Ele e BlackRose, com a pergunta de Flora, ergueram a sobrancelha. — Do que está falando?

— Ela é minha amiga. Caçamos e viajamos juntos, só isso. — Falou inocentemente, e BlackRose confirmou. Por fim, Sora começou a se apresentar, o que era de certa forma esperado e essencial. Kite riu. — Bem, acho que já me apresentei, mesmo que de forma estranha.

— Sou BlackRose, antes de mais nada. — A morena se apresentou, sorrindo. A fogueira dava pequenos estalos, e a carne ao fogo estava quase pronta. Esperaria todos se apresentarem, e talvez se servirem, para então continuar o assunto. — Como ele disse, a Espada Sutil é uma lenda. A única arma capaz de cortar uma janela entre dois mundos. Toda criança conhece essa história e sonha com mundos diferentes. Pensávamos que fosse apenas um conto de fadas para que as crianças tivessem a imaginação incentivada, mas não é bem por aí.

— Pelo jeito ela existe mesmo, e pode tanto abrir quanto fechar essas janelas. Alguém a muito tempo deve ter possuído a espada, e viajado pelos mundos, esquecendo uma ou outra janela aberta, como vocês viram. Acho que isso explica aparições de criaturas estranhas, monstros da neve e outros mais, pelo menos por aqui. — Kite pareceu mais tranquilo enquanto falava, a insegurança que tinha do assunto antes havia sumido.

Pensando bem, o grupo pôde pensar em algumas aparições estranhas. Quem veio de fora de Lodoss, como Sora, sabia exatamente do que estavam falando. Tudo isso tinha fundamento, milhares de mundos paralelos, mas que por esses portais uma ou outra criatura escapasse e passasse de um mundo a outro. Só que, dessa vez, foram seres humanos que passaram.

_________________

"Torne-se a brisa que anseia" — Crônicas da Guerra de Lodoss
avatar
ADM Hayate
Administrador

Número de Mensagens : 1041
Reputação : Neutro Wanted :
100 / 100100 / 100

Data de inscrição : 07/09/2008

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: A Espada Sutil

Mensagem por Sora em Qui 27 Nov 2008, 9:15 pm

Sora ficou ouvindo a conversa, e por um momento se 'desligou' de tudo, pensativo, mostrando-se realmente ausente da conversa, enquanto olhava para o céu, aparentemente buscando algo com a mão direita, esticada para o céu. Algo começou a brilhar ao redor da mão de Sora, materializando a Keyblade, meio que aos poucos. Sora abaixou a Keyblade, fazendo a ponta da mesma tocar a chama da fogueira, Sora parecia completamente Alheio a todos alí, como se estivesse só.

Não vai abrir a porta dessa vez?..

Sora estava pensativo, comparando em sua mente a tal Espada com sua Keyblade.
avatar
Sora
Eterno Conhecedor
Eterno Conhecedor

Número de Mensagens : 188
Idade : 25
Reputação : Neutro Wanted :
0 / 1000 / 100

Data de inscrição : 09/09/2008

Ficha do personagem
Exp: 100/1000
Lvl: 2
HP: 100%

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: A Espada Sutil

Mensagem por Ree em Qui 27 Nov 2008, 9:21 pm

Ree continuava na mesma posição, modificando apenas os braços, que agora a envolviam, para se aquecer um pouco mais. Espera todos os outros se apresentarem, e após um suspiro de conformação, também o faz, mesmo que de um modo seco e direto.

- Ree... e Clock Bunny.

Clock Buny farejava a carne, até que levanta as orelhas e salta, puxando um belo pedaço da mesma, levando até Ree. Este da uma pequena porção nas mãos da menina, e o resto, come em apenas 3 ou 4 mordidas.
Enquanto ela mordiscava seu pedaço, ouvia sobre a história da Espada, intrigada.

— Pelo jeito ela existe mesmo, e pode tanto abrir quanto fechar essas janelas. Alguém a muito tempo deve ter possuído a espada, e viajado pelos mundos, esquecendo uma ou outra janela aberta, como vocês viram. Acho que isso explica aparições de criaturas estranhas, monstros da neve e outros mais, pelo menos por aqui.

A menina encara o rapaz por alguns segundos, e depois limpa suas mãos, já livres da comida.

- Nessas suas lendas... Não há qualquer indicação de um nome ou figura de alguém que a possuiu?

Ree não gostava do lugar, e queria voltar o mais rápido possível. Assim, suas perguntas eram objetivas, e também seu objetivo. Achar um meio de voltar. E por enquanto, naquela escuridão, não havia meios de procurar a janela pela qual passaram. Então, o jeito era sondar outros meios,até que a manhã chegasse.
avatar
Ree
Puppet Master
Puppet Master

Número de Mensagens : 503
Idade : 25
Localização : In hell
Reputação : Neutro Wanted :
0 / 1000 / 100

Data de inscrição : 09/09/2008

Ficha do personagem
Exp: 600/1000
Lvl: 7
HP: 100%

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: A Espada Sutil

Mensagem por Vang em Dom 30 Nov 2008, 10:29 am

Ao invés de se apresentar como todo mundo,Vang fica quieto,tentando se esconder sua presença o maxímo possivel,ele olha para Sylpher e fala em um tom baixo para ele:

-Sylpher,eu não sei que decisão tomar,antes parecia que eu não servia para nada,mas agora eu sei que posso ajudar em alguma coisa,só que tem um problema...O que vai acontecer caso eles descubram algo sobre mim?
Sylpher: Depende do que as pessoas acham de algo diferente delas...Eu não posso dizer se elas tem algum problema contra seres diferentes apenas olhando.
-Entendo...

Vang olha para a fogueira e fica ali,perdido em pensamento,ele tentava imaginar: Se existe algo tão poderoso assim...Sera que a espada poderia ser uma pista para realizar seu objetivo? Ou até mesmo ajuda-lo a encontrar um lugar onde ele poderia viver do jeito que é? Vang pensava isso enquanto olhava para a fogueira.

Vang
Aventureiro
Aventureiro

Número de Mensagens : 183
Idade : 23
Localização : Som'where.
Reputação : Neutro Wanted :
0 / 1000 / 100

Data de inscrição : 08/10/2008

Ficha do personagem
Exp: 300/1000
Lvl: 2
HP: 100%

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: A Espada Sutil

Mensagem por Minx em Qui 04 Dez 2008, 7:25 pm

•De fato a arma existia. Pouco me importei com a resposta do garoto em relação à sua amiga, apenas queria encher o saco dele um pouco. Parecia que um dos nossos companheiros despertou um tipo de interesse na jovem morena, amiga do falso principe. Achei isso engraçado, pois é muito divertido ver a falta de noção para esconder alguma coisa, além do comportamento dos mais novos. Isso me lembra alguns anos atrás, mas vamos nos ater aos fatos.•

Flora:
Flora Minxy.

•A conversa sobre a espada continuava. Pelo visto alguém já a tinha encontrado pelo fato de termos caído naquelas janelas dimensionais. Somente precisavamos achar aquela pessoa de volta e voltarmos para casa. Sinceramente eu queria a espada para poder andar por aí em busca de nada mais, nada menos do que minha irmãzinha caçula causadora de minhas dores de cabeça. Peguei uma das carnes e comi alguns pedaços para nutrir o mínimo possível, comida é algo que eu não sou tão fã assim, a menos quando realmente presta (não sendo um urso-caparaça)•

Flora:
Lá por Lodoss também têm criaturas bizarras, mas acho que é normal mesmo.

off: Não fiquem felizes, não é definitiva a minha volta!
avatar
Minx
Aventureiro
Aventureiro

Número de Mensagens : 93
Idade : 26
Reputação : Neutro Wanted :
0 / 1000 / 100

Data de inscrição : 02/10/2008

Ficha do personagem
Exp: 450/1000
Lvl: 1
HP: 89%

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: A Espada Sutil

Mensagem por ADM Hayate em Dom 07 Dez 2008, 11:27 am

Os dois ouviram a pergunta de Ree e os comentários de Flora. Era um pouco intrigante o fato de Lodoss ser o lar de tantas criaturas bizarras, mas preferiram não comentar a respeito já que não conheciam tal terra.

— Não conhecemos o último portador — Começou Kite. — Mas lendas apontam que a espada não é usada a centenas de anos, e que está adormecida em um templo nas montanhas do norte.

— Então está decidido! — BlackRose levantou-se, com um ar vitorioso. — Sempre quisemos desvendar a verdade dessa espada, e agora temos quatro pessoas que dependem dela caso contrário ficarão presos aqui pela eternidade. O que de fato não é tão ruim assim... — A última frase falou pra si mesma, divertida, e continuou. — Então faremos o seguinte: iremos encontrar a espada, ajudando vocês ao mesmo tempo, o que acham?

Ela parecia confiante, e transmitia isso no sorriso determinado e no olhar. Kite mantinha a mesma serenidade que a amiga, e se levantou também.

— E já que vamos começar essa jornada, que seja pelo menos com um pouco de dinheiro. — Ele indicou o urso morto atrás do grupo. — Os chifres daquele nosso amigo ali valem alguma coisa, podemos vender num vilarejo aqui perto pela manhã.


________________________________________

Depois da conversa e das decisões tomadas, todos decidem dormir. Os quatro aventureiros ficaram próximos sobre uma das tendas construídas por Vang e BlackRose. Se chovesse dificilmente iriam se incomodar com isso. Já Kite insistiu com BlackRose que ficaria de vigia durante a noite, e assim o fez, e a garota teve seu sono merecido. Era difícil determinar a vida que os dois tinham, mas parecia perigosa e corrida o suficiente, e pelo menos havia harmonia entre os dois.

A noite seguiu-se tranquila. Os quatro, devido ao cansaço, adormeceram rapidamente, claro com muitas perguntas em mente. Que lugar era aquele? Era o destino deles estarem ali? Porque eles e não outros? Estas e outras dúvidas turbilhavam, mas se acalmavam à medida que adormeciam. Tudo que se podia ouvir era a brisa na copa das árvores, o piado rouco e prolongado de uma coruja, e uivos distantes talvez de lobos. Kite se mantinha vigiando de cima do galho de uma árvore, mantendo os braços cruzados e o mais absoluto silêncio.


[Postem suas reações quanto à decisão de BlackRose, como vocês dormiram, etc. Qualquer um pode acordar primeiro, e ao fazer verá a floresta calma, o fogo já apagado e apenas BlackRose, não Kite. A garota estaria colocando terra sobre a fogueira apagada.]

_________________

"Torne-se a brisa que anseia" — Crônicas da Guerra de Lodoss
avatar
ADM Hayate
Administrador

Número de Mensagens : 1041
Reputação : Neutro Wanted :
100 / 100100 / 100

Data de inscrição : 07/09/2008

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: A Espada Sutil

Mensagem por Ree em Dom 07 Dez 2008, 3:11 pm

Com uma sombrancelha arqueada, Ree observava toda a determinaçãoe animação de BlackRose. Era tão acostumada estar apenas com Clock Bunny, que a presença de outras pessoas, e ainda por cima energéticas como a da menina, que ainda estranhava tudo aquilo, somado ao fato de não estar mais em Lodoss.
Com um simples suspiro e um aceno de cabeça, a menina aceita a "proposta", já que não havia realmente muitas opções. E seria muito mais fácil com pessoas que conheciam aquelas criaturas estranhas, e, de preferência, seus pontos fracos.

Ree ainda ficou um tempo onde estava, encarando onde estariam as montanhas, ainda que não pudesse realmente ve-las, pela escuridão. Mas, aos primeiros sinais de cansaço, se dirigiu á tenda. Ainda demorou um pouco a adormecer, visto que sua mente continuava inquieta. Agora mais calma, a curiosidade sobre aquele novo local ia florescendo, pouco a pouco. Entretanto não teve muito tempo de perguntas, pois logo adormeceu.

Clock Bunny, entretanto, mantinha-se ainda agitado. Mesmo após todos irem dormir, continuou acordado. Durante alguns minutos, ficou observando Kite no alto da árvore, ainda curioso, mas logo de cansou, e resolveu ir analisar BlackRose. Ainda que não a tocasse, a farejava do mesmo modo que fez com Kite. Depois de satisfaqzer sua curiosidade, correu para os outros três integrantes, mas nada neles lhe passava alguma ameaça, apenas estranhamento quanto á Sylpher. Foi se deitar junto a garota, encarando o lobo, até que finalmente adormeceu, com a cabeça no colo de sua mestra.

___


Clock Bunny, pare de correr!

Ree corria entre as árvores, sem conseguir enxergar um palmo a sua frente. Ouvia a risada maníaca de Clock Bunny mais a frente, mas não conseguia alcançar o coelho. Vez ou outra tropeçava, confusa. Em certo momento, ela se viu perdida na floresta, não ouvindo mais nada. Chamava pelo coelho, mas nada escutava de retorno.
De repente, o vulto do gato que o coelho percebia passou de supetão na frente da menina. Assustada, tropeçou para trás, mas em ver de sentir o chão, ela se viu em queda livre, enquanto observava a janela bem a sua frente, e do outro lado, a floresta em que poucos segundos atrás estava.




Abriu os olhos com tanta velocidade, que logo os fechou novamente, com a luz machucando sua visão. Não percebera que levantara, até que levantou uma das mãos para tapar os olhos. Confusa, e com os olhos doendo, Ree demorou alguns segundos para lembrar o que realmente acontecera.
Agora com os olhos acostumado a luz, olhou em volta, e percebeu que fora a única a acordar. CB balançava a cabeça ao lado dela, acordado pela levantada brusca da mestra.
Com um pouco de moleza, levantou-se, tirando a sujeira da roupa, e caminhando para perto da fogueira. Observava BlackRose terminar de apagar a fogueira, e olhou em volta, sem achar Kite. Cb ia chegando em seu encalço, agitado como sempre.

- Precisa de alguma ajuda?

A menina não deixou de lançar novamente um olhar para as montanhas, mas logo voltou-se para BlackRose. Não era de seu feitio oferecer ajuda, mas pelas circunstâncias ditadas, era melhor o fazer.[b]
avatar
Ree
Puppet Master
Puppet Master

Número de Mensagens : 503
Idade : 25
Localização : In hell
Reputação : Neutro Wanted :
0 / 1000 / 100

Data de inscrição : 09/09/2008

Ficha do personagem
Exp: 600/1000
Lvl: 7
HP: 100%

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: A Espada Sutil

Mensagem por Vang em Dom 07 Dez 2008, 6:19 pm

Vang não mostrou muito entusiasmo quanto as palavras da Blackrose,mas mesmo assim estava disposto a ajudar,ele se levanta e fala:

-Tudo bem,eu irei ajudar...

Vang vai para a cabana,e lá deita com os braços cruzados,olhando para o teto com um olhar perdido. Depois de algum tempo ele fecha os olhos,mas não dorme,ele apenas descansa um pouco,não dormia por certos motivos que queria esqueçer mas no final ele perde para o cansaço e acaba caindo no sono. Depois de algum tempo dormindo ele acorda rápidamente,por sorte não havia tido o pesadelo que tanto o perturbava e tirava sua concentração,ele se levanta,sai da cabana e vai em direção a uma árvore qualquer,deixando Sylpher dormindo lá dentro. Vang se senta e encosta na árvore,se mantendo calado e olhando fixamente para a montanha.

(Será que a espada...Realmente poderá me ajudar? Quem sabe...)

Seus olhos já pesavam menos,mas mesmo assim ainda sentia um pouco de cansaço,nada que um tempo sem se mover não ajudasse; Depois de um tempo sentado ele percebeu que alguem tinha acordado antes dele e essa pessoa estava falando com Blackrose,demorou um pouco para perceber que era Ree,ficou um tempo olhando para as duas mas depois voltou seu olhar para as montanhas.

Vang
Aventureiro
Aventureiro

Número de Mensagens : 183
Idade : 23
Localização : Som'where.
Reputação : Neutro Wanted :
0 / 1000 / 100

Data de inscrição : 08/10/2008

Ficha do personagem
Exp: 300/1000
Lvl: 2
HP: 100%

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: A Espada Sutil

Mensagem por Sora em Seg 08 Dez 2008, 6:41 pm

Ao contrário dos outros, Sora estava ainda alheio, não mais pensando em Rose, mas sim em uma leve comparação de sua Keyblade com a tal Espada. Sora fez a Keyblade sumir e voltou ao assunto, fazendo um "Sim" com a cabeça, enquanto voltava aos poucos ao assunto.

Diferente dos que alí permaneciam, Sora continou assim como Kite, do lado de fora da barraca, porem encostado ao pé de uma arvore, fitando a fogueira de longe, completamente exposto.

Levantou os olhos para o céu, para a lua escondida por trás das arvores, para os pequenos animais escondidos naquele estranho mundo.


Quanto tempo mais...terei de esperar para encontra-los?...Phe..Que saco..

Sora continuou fitando o céu até que aos poucos seus olhos começaram a pesar, Sora foi pegando no sono alí mesmo, no meio do matagal, escondido por entre as grandes raizes da árvore, como se estivesse escondido em uma 'barragem' feita pelas mesmas. E assim adormeceu, profundamente, enquanto as horas passavam e os outros possivelmente acordavam.

Muito tempo depois, começou a ouvir barulhos, ainda de olhos fechados, murmurou algo, sem sentido até para ele mesmo. Ao abrir os olhos devagar, fitando a mesma árvore de antes, Kite não estava mais lá. Ainda estava meio lerdo e cansado, e com o corpo levemente frio, havia tomado um pouco de sereno apesar de todas as árvores do local.

Sora se levantou como um 'bonus' saindo do nada, dando um leve susto nos que já haviam acordado, se espreguiçando, numa comparação tosca, as flores que saiam subtamente dos canos no joguinho do "Mário". Ao fitar Rose e Ree, ele acena ainda mudo. aproximando-se do grande e imponente urso MORTO, fitando se ainda havia algo valioso no mesmo.

Sem sucesso, Sora retornou para o grupinho fitando-os


Precisam de algo?
avatar
Sora
Eterno Conhecedor
Eterno Conhecedor

Número de Mensagens : 188
Idade : 25
Reputação : Neutro Wanted :
0 / 1000 / 100

Data de inscrição : 09/09/2008

Ficha do personagem
Exp: 100/1000
Lvl: 2
HP: 100%

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: A Espada Sutil

Mensagem por ADM Hayate em Qua 17 Dez 2008, 6:36 pm

[Infelizmente, a jogadora Minx terá de sair da campanha. Farei o seguinte: No próximo post, darei um jeito de tirar a personagem da história sem alterar muita coisa, e colocarei no lugar dela a jogadora Ayame. Aguardem mais um pouco por gentileza.
A pedidos da Minx, controlarei sua personagem no próximo post.]

_________________

"Torne-se a brisa que anseia" — Crônicas da Guerra de Lodoss
avatar
ADM Hayate
Administrador

Número de Mensagens : 1041
Reputação : Neutro Wanted :
100 / 100100 / 100

Data de inscrição : 07/09/2008

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: A Espada Sutil

Mensagem por ADM Hayate em Qua 17 Dez 2008, 10:00 pm

@Sora/Vang/Crystal

BlackRose fazia uma coisa simples, que era enterrar o resto da fogueira. Quando ouviu Sora e Crystal oferecendo ajuda, ela sorriu e olhou em volta.

— Bem... Podemos fazer esse acampamento improvisado, devemos deixar do jeito que encontramos, não acham? — Olhou para Vang, e chamou sua atenção. — Ei, Vang! Nos ajude, você tem talento pra isso.

Logo, com os quatro a postos, começaram a desmontar o que haviam montado. Vang conseguia usar sua alquimia para fazer os objetos voltarem à forma original, e assim o fez. Houve certo trabalho, pois teriam que deixar tudo exatamente como estava antes de montar, para que então o garoto pudesse fazer tudo voltar ao estado de origem. Em alguns minutos, parecia que ninguém tinha sequer pisado ali.

— Bom trabalho. — BlackRose bateu as mãos, tirando sujeira. Ela olhou para o urso morto, e então para os três 'novatos'. — Isso pode ser um pouco nojento, mas acho que vocês podem dar conta. — Ela pegou uma bolsa, e de lá tirou três pequenas e afiadas facas rústicas, e ofereceu-as. — Vamos tirar os chifres que ele tem, não é difícil, raspe em volta e use seu peso para arrancá-los. Para se ter dinheiro é preciso suar a camisa!

Quem teve coragem de o fazer, o fez. Era um pouco agonizante, cortar a carne de um animal morto, com uma pele tão expessa e a carne já não estava tão boa quanto no dia anterior. O grupo pensava que carne durasse mais, mas pensou que talvez aquele animal fosse diferente dos que conheciam.

@Minx/Ayame

Já fazia um tempo que Kite andava com Flora, sem saber o porquê de ela ter chamado, e o silêncio o incomodava. Até que ele parou, já estavam a uma boa distância do grupo fazia um tempo.

— Ok, pode me dizer porque você resolveu me chamar de-repente? — O rapaz falou com um tom impaciente, mas estava mais era confuso.

— Não me apresse. — Ela falou irritada, e tirou de sobre a bata uma arma estranha, mais conhecida como Keyblade. De alguma forma ela conseguiu pegar a arma de Sora. Kite olhou surpreso, não sabia o porque daquilo. — Vi aquele garoto falar algo pra essa coisa, e acho que com isso você pode me mandar devolta. Me parece algo bem perto da espada que vocês falaram ontem à noite.

— Mas... — Ele não terminou de falar, e Flora jogou a arma nas mãos dele. — Nunca vi isso na vida, como espera que eu saiba usar? E depois... Isso nem é seu, isso não está certo.

— Menos papo e mais ação. — Ela respondeu, rude, e cruzou os braços, esperando.

— ...

Kite parecia irritado, mas também estava curioso sobre aquela arma. Será que seria mesmo capaz de abrir uma janela, assim como a Espada Sutil? Não saberia se não tentasse. Ele respirou fundo, empunhando a keyblade e mirando-a para Flora. Não sabia se era assim que deveria fazer, mas achou que assim o portal ficaria bem à frente dela.

Algum tempo se passou.

Nada aconteceu.

— Eu sabia que não ia funcionar... — Kite suspirou, no que ele desistia virou a mão por acidente, e a keyblade fez um estalo como se abrisse uma fechadura.

_____________________________

A youkai loba estava irritada, andando pela floresta Endless. Aquele garoto conseguiu irritá-la novamente, e para não acabar em uma briga pior ela resolveu sair de perto dele para andar e esfriar a cabeça. Após um bom tempo, parou subtamente quando viu à sua frente algo completamente estranho. No ar, apareceu algo como se fosse uma placa de vidro ondulante. Ayame esfregou os olhos, aquilo era difícil de acreditar. Quando ela deu alguns passos para frente, uma mulher saiu daquele "vidro", caindo aos seus pés e a loba acabou por tropeçar nela, e a própria youkai caiu para além daquela estranha placa.

_____________________________

Aquilo foi estranho, pois entre Kite e Flora abriu-se um estranho portal. Ondulado, brilhante, era impossível saber o que havia do outro lado.

— Conseguiu, pseudo-Ken! — Flora falou animada. Ia apenas se curvar sobre aquele portal para ver o que tinha além, mas não esperava que o próprio tinha uma força estranha que a puxou para dentro, e ela sumiu atravéz dele.

— H-hey! — Kite sentiu que algo aconteceu, e no momento em que largou a keyblade, no instante que o portal começou a se desfazer, uma garota veio por ele e caiu sobre o rapaz. Os dois caíram no chão em um baque surdo, a arma caiu a certa distância dos dois. — Aw...

Kite se apoiou no cotovelo direito, e com a mão livre coçou a nuca que tinha batido. Seu chapéu voou na queda. Fitou a garota sobre ele, ela tinha cabelos vermelhos, se vestia diferente... Decididamente não era a Flora.

— Garota, você está bem?

_________________

"Torne-se a brisa que anseia" — Crônicas da Guerra de Lodoss
avatar
ADM Hayate
Administrador

Número de Mensagens : 1041
Reputação : Neutro Wanted :
100 / 100100 / 100

Data de inscrição : 07/09/2008

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: A Espada Sutil

Mensagem por Ree em Qui 18 Dez 2008, 5:10 pm

Ree ajudou naquilo que podia, enquanto Clock Bunny observava os outros e sua movimentação. Ree sabia que não seria prudente deixar C.B ajudar naquela parte, ou algumas coisas poderiam ser destruídas no meio-tempo.

Entretanto, quando BlackRose definiu a nova tarefa e mostrou as facas, Ree não deixou se soltar um meio sorriso.
Dando um olhar para CB, o mesmo levantou-se de onde estava, soltando risadas. O coelho passou por Ree e BlockRose correndo, pulando sobre o grande animal.

- Apenas não se suje demais...

CB soltou uma risada como resposta, e iniciou um ataque á região dos chifres. Parecia se divertir, enquanto mordia a pele envolta, e com as garras ia arrancando aquilo que soltara com os dentes. Tinha um pouco de dificuldade, pela espessa pele, mas aquilo só o animou mais. Daquela maneira, não precisava medir sua força.
Depois, o coelho simplesmente pulou sobre um dos chifres com o máximo de força que suas patas faziam, tentando soltá-lo.

Ree olhava para a cena com os braços cruzados. Não via necessidade de ir também, uma vez que CB parecia estar fazendo muito bem o trabalho por ela. Olhou um volta, estranho a falta de duas pessoas.

- Onde estão os outros?
avatar
Ree
Puppet Master
Puppet Master

Número de Mensagens : 503
Idade : 25
Localização : In hell
Reputação : Neutro Wanted :
0 / 1000 / 100

Data de inscrição : 09/09/2008

Ficha do personagem
Exp: 600/1000
Lvl: 7
HP: 100%

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: A Espada Sutil

Mensagem por Sora em Qui 18 Dez 2008, 6:24 pm

Sora ficou durante um tempo apenas observando, até BlackRose definir a nova tarefa, mas quando pensou em fazer algo, o pseudo-coelho tomou frente e começou a roer/arranhar o urso-carapaça, tornando desnecessário qualquer outra coisa.

Ei Rose, há alguma possibilidade de, literalmente arrancar a carapaça dele e fazer algo como um escudo?..

Sora passou a mão pela faca que a mesma segurava, enquanto fazia um desenho no osso-carapaça do animal, pensativo, esperando pela resposta da mesma, equanto C.B. Terminava de tirar os chifres do mesmo.

Kite....é verdade, ele sumiu. Quando dormi ainda estava na árvore, sinto que algo aconteceu, aquela tal de Flora tambem não está aqui, será que aconteceu algo?

Sora ainda não tinha dado falta de sua Keyblade, algo realmente estranho para o momento. Mas ainda não foi necessário o uso da mesma, então por assim ficou.
avatar
Sora
Eterno Conhecedor
Eterno Conhecedor

Número de Mensagens : 188
Idade : 25
Reputação : Neutro Wanted :
0 / 1000 / 100

Data de inscrição : 09/09/2008

Ficha do personagem
Exp: 100/1000
Lvl: 2
HP: 100%

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: A Espada Sutil

Mensagem por Ayame em Seg 22 Dez 2008, 6:51 pm

*Tinha uma feição irritada e um olhar de poucos amigos. Estava realmente irada com Haseo. Não imaginava que ele conseguia ser tão tapado e inocente à ponto de fazer algo como aquilo. Nessa altura nem ligava para a franja que insistia em passar por seus olhos e a evitar de olhar para frente, mas até isso ignorava pela irritação. Se mantinha em silêncio, olhando para frente e não ligando se estava se distanciando mais e mais da casa deles. Pensava como um humano podia ser tão ignorante, chato, insensível e irritante como ele, mas... Se for pensar bem, Ayame é tudo isso, a única coisa que mudaria era sua raça. Que irônico. *

Ora, quem esse garoto pensa que é por fazer algo assim? Humpf, vou ficar três dias sem dar as caras pra ele ver o que é bom. Sei que quando voltar ele vai estar com o rabo entre as pernas... Hah. *Deu um risinho ao imaginar a cena, diminuindo o passo aos poucos ao ver que estava longe o suficiente. Olhou para o lado para ver onde estava quando nota algo brilhante logo à frente. Intrigada e curiosa, se aproximou e viu que era uma placa de vidro. Arqueou a sobrancelha e párou pouco antes daquilo e ficou olhando, até que uma mulher sai de dentro do vidro e cai no chão.

Mas o que?! *Ayame dá um pulo para trás, assustada pelo que aconteceu e olha para a garota por um momento. Coçou a cabeça e tornou a olhar para o vidro e se aproximou. No entanto, ao se aproximar, esquece que a garota estava ali no chão e tropeça em seu corpo e, sem esperar ou querer, vai para dentro do vidro.*

*Foi como se tivesse atravessado aquela placa de vidro para o outro lado da floresta, só que do outro lado estava um indivíduo, o que não tinha da primeira vez. Parecia ter sido empurrada para fora da placa como se não fosse bem vinda ali, e quando caiu, caiu em cima de alguém. Ficou parada, ainda em cima de Kite por alguns instantes, até que põe a mão por entre os cabelos, deixando uma das mãos no peito de Kite.*Ahh... Eu estou sim... Has... Nani?!

*Os olhos da Youkai se arregalam quando ela nota quem está embaixo dela e onde está com a mão. Ela fica por alguns segundos olhando fixamente nos olhos de Kite e depois se levanta, séria, o fitando*

O que você ta fazendo aqui, Kite?! Veio me encher novamente, foi? Se foi, pode tirar seu cavalo da chuva.*Disse irritada, tirando as folhas da roupa e dos cabelos, tirando a franja dos olhos e colocando atrás da orelha, olhando para Kite em seguida*

"Hentai."* Pensou, fitando-o. No entanto, arqueou a sobrancelha e enclinou a cabeça, mantendo o olhar em Kite, reparando no que ele tinha falado. Ele não parecia ser o Kite que ela conhece, ele disse "Garota, você está bem?" mas Kite não diria isso, no máximo um "Você é loca garota?! quer ser presa agora infeliz?!"*

Quem é você? Porque o Kite que eu conheço não deve ser. E onde estou? *Perguntou, já percebendo a arma que estava ao lado. Podia ser um Youkai que adquiriu a aparência de Kite para irritá-la, ou outra coisa do tipo, um mago também... Mas isso não vinha ao caso agora, afinal ele iria dizer, tinha que dizer. A loba olha para os lados, a floresta em si, onde estava, e percebia que o cheiro era diferente, não parecia ser o da Floresta Endless que conhece... Nem o cheiro de Haseo sentia... Algo estava errado.*
avatar
Ayame
Desbravador
Desbravador

Número de Mensagens : 539
Idade : 25
Reputação : Neutro Wanted :
20 / 10020 / 100

Data de inscrição : 09/09/2008

Ficha do personagem
Exp: 520/1000
Lvl: 6
HP: 100%

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: A Espada Sutil

Mensagem por Vang em Qua 07 Jan 2009, 2:18 pm

OFF:Bom,acho que até o fim da campanha eu terei que interpretar Sylpher como se ele ainda fosse ele mesmo (graças a fatos fora da campanha)

Vang já estava cansado novamente,havia acabado de acordar e acabou ajudando o grupo com sua alquimia novamente,mas ele ainda aguentava mais um dia de pé. Depois Blackrose deu uma tarefa um tanto que nojenta,mas Vang já havia visto tudo que é tipo de coisa,varios tipos de ingredientes de alquimia não eram agradaveis quando se trata de cheiro e aparência,então ele acabou indo tirar os chifres do animal. Ele ouviu os comentários quanto a falta de duas pessoas ali,mas ficou quieto por ser meio anti-social. Ignorando o que acontecia a sua volta,Vang olhou para Sylpher,olhou para a faca,olhou para o animal morto e olhou para Sylpher novamente,o lobo já havia entendido o que ele estava pensando:

-Ei Sylpher,que tal...
Sylpher: Você está louco? Quer ser carregado pelo resto do dia? Usa essa faca mesmo...
-Mas vai demorar até terminar com isso,então por que eu não posso usar aquilo?
Sylpher: Porque você já está cansado demais,e me usar para cortar os chifres vai gastar o resto de energia que você tem...
-Tudo bem...Vou ter que usar isso daqui mesmo...

Vang tentava tirar os chifres da criatura morta mas demorava um pouco para fazer as coisas por excesoo de cansaço.

Vang
Aventureiro
Aventureiro

Número de Mensagens : 183
Idade : 23
Localização : Som'where.
Reputação : Neutro Wanted :
0 / 1000 / 100

Data de inscrição : 08/10/2008

Ficha do personagem
Exp: 300/1000
Lvl: 2
HP: 100%

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: A Espada Sutil

Mensagem por Conteúdo patrocinado


Conteúdo patrocinado


Voltar ao Topo Ir em baixo

Página 2 de 7 Anterior  1, 2, 3, 4, 5, 6, 7  Seguinte

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo

- Tópicos similares

 
Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum