Novo(a) por aqui?
Leia nosso tópico de boas vindas e descubra o que Lodoss tem a oferecer!

>>> Clique Aqui <<<

Tenha uma ótima aventura!


Últimos assuntos
» Tópico de vida
Sab 15 Jul 2017, 8:09 pm por ADM Hayate

» Tenkai
Sex 15 Mar 2013, 12:13 am por Bluesday

» Fortitudo Lapidum - Camp
Qui 14 Mar 2013, 11:19 pm por yoda

» Chamada ONE: Attention Please!
Seg 11 Mar 2013, 12:03 pm por Kaien Saller

» Novo Fórum, Novo Domínio!
Seg 11 Mar 2013, 1:30 am por ADM Hayate

» Novo no pedaço
Seg 25 Fev 2013, 1:10 pm por Arcturus Steelbreaker

» Dúvidas sobre ficha
Sex 22 Fev 2013, 8:21 pm por Peregrino

» [FP]Jason Stifler Grace
Sex 22 Fev 2013, 12:40 am por Jason Stifler Grace

» Nostalgia e Parabéns
Seg 18 Fev 2013, 6:48 pm por Bluesday




>Nuvens amaldiçoadas ameaçam cobrir a ilha!

> Leroooy!

> Casa é destruída no Vilarejo de Calm

> Mais notícias...






> Construção de Sede de Guilda

> "Entrega"

> Caçador de Hidra

> Ajudante de Porto

> Pesca em Calm

> Ovos de Dragão

A Espada Sutil

Página 3 de 7 Anterior  1, 2, 3, 4, 5, 6, 7  Seguinte

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo

Re: A Espada Sutil

Mensagem por ADM Hayate em Qui 22 Jan 2009, 10:30 pm

[Perdoem-me a demora]

@Ayame

Quando Ayame se levantou, Kite ainda estava um pouco surpreso, mas logo também ficou em pé. Ouviu-a enquanto ele próprio batia na roupa para livrar-se um pouco da sujeira que conseguiu na queda. Ayame mal terminou de falar, Kite deu um suspiro.

— Meu alter-ego é tão ruim assim...? — Falou pra si mesmo, com um ar cansado. Mas logo fitou Ayame. — Kite é meu nome, mas não sou o que você conhece. Bem, como explicar... — Coçou a cabeça e lembrou-se do seu chapéu. Pegou-o e o vestiu, e só então começou a explicar para a loba o que parecia estar acontecendo.

De uma forma tranquila e compreensiva, explicou como ele e sua companheira encontraram quatro pessoas estranhas. Conversando com elas, descobriram que os quatro tinham vindo de um mundo diferente, e provavelmente o mesmo de Ayame. Falou sobre a Espada Sutil, uma arma que pode cortar e abrir uma porta entre dois mundos, e que foi por uma dessas aberturas que aqueles quatro vieram.

— Não faço idéia de que arma é essa... — Falou se referindo à Keyblade, pegando-a em mãos. — Mas fez algo parecido. Tanto que por acidente fiz você cair nesse mundo. — Ao dar-se conta de que fora sua culpa, engoliu em seco e coçou a nuca. — Ham, desculpe...

Estava bastante sem graça, mas explicou que tinham decidido ir atrás da Espada para enviá-los devolta para o mundo a que pertenciam. Aguardou Ayame dizer o que precisava.

— Vamos voltar ao acampamento, e conversaremos em grupo. Não sou muito bom explicando as coisas, então... Se não entendeu nada, poderá perguntar para Blackrose.

_____________________________________________

@Vang/Sora/Crystal/Ayame

Tudo aquilo tinha sido fácil depois que Clock Bunny e BlackRose entraram em um acordo. O pequeno coelho arrancava e desgrudava a pele e carne, e a garota puxava o chifre terminando de arrancá-lo. De fato aquela garota era diferente e determinada. Quando Sora fez aquela pergunta, ela olhou para os chifres que haviam tirado.

— Teria que ser um ferreiro habilidoso, eu não consigo mecher com essas coisas. Mas se quiser tentar a sorte com o crânio do urso... — Falou cínica. Sabia que era possível fazer um pequeno escudo com o crânio, mas era extremamente nojento o processo. Ouviu o comentário sobre os dois que haviam sumido, e arqueou a sobrancelha, olhando em volta. — Também não sei onde foram... Ah, olha o Kite e a... Quem é aquela?

Esperavam ver Kite voltando com a freira, mas ao invés disso ele caminhava ao lado de uma garota com roupas peculiares. Uma youkai loba, completamente diferente da freira loira que estavam com eles mais cedo.

Antes do pessoal vir com muitas perguntas, Kite explicou que Flora o tinha chamado cedo para testar a keyblade e ver se conseguia levá-la devolta ao seu mundo. Descreveu o que aconteceu de forma que fosse possível todos imaginarem, e como aquela youkai loba saiu do portal. Logo, era mais uma que iriam na jornada em busca da Espada Sutil.

— E foi isso, não sei bem como aconteceu. Tentei denovo mas... Ah, Sora. — Ele entregou a keyblade ao garoto. — Me desculpe. Eu só notei que Flora havia pego sua arma quando estávamos longe.

— Então você é uma youkai loba. — Falou BlackRose examinando Ayame mantendo as mãos na cintura. Depois se endireitou. — Youkais são fortes, então se não for incômodo poderá nos ajudar?

[O próximo post já será mais corrido. Neste, podem optar por ajudar BlackRose e Kite a amarrarem os chifres. São vários pares pesados, no entanto apenas 3 pessoas são suficientes para carregar um pouco de cada. Decidam entre si se preferem cortar os chifres, levá-los inteiros, etc. Podem até mesmo decidir deixar tudo lá.
Não vou definir como limite um post de cada, podem postar mais vezes antes de mim desta vez, então fiquem à vontade.]

_________________

"Torne-se a brisa que anseia" — Crônicas da Guerra de Lodoss
avatar
ADM Hayate
Administrador

Número de Mensagens : 1042
Reputação : Neutro Wanted :
100 / 100100 / 100

Data de inscrição : 07/09/2008

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: A Espada Sutil

Mensagem por Sora em Ter 27 Jan 2009, 9:49 am

Bom..o importante eles já tiraram..agora..já posso fazer oque quero.

Sora começou a fazer novamente uma pequena fogueira, cercando o animal com pedras e cobrindo-o de folhas, para assim que a fogueria ficasse pronta, incinera-lo e aproveitar aquela carapaça, afinal, ainda queria o escudo e a casca daquele animal seria de ótimo proveito caso tudo desse certo. Foi quando Kite apareceu com uma nova garota, este portava sua Keyblade.


Ahn?! Espera aí...CADE?! EI! Como você conseguiu usa-la?!

Não posso confiar nele..alem de pegar minha Keyblade..ele pode usa-la..isso não é bom..ou...será que é?..

Sora pegou a Keyblade no ar e no mesmo momento a desmaterializou, fazendo-a voltar a sua forma original, guardando-a na cintura como uma pequena chave estilizada. Sora não pareceu muito humorado depois daquele fato, passando a incinerar o urso gigante afim de pegar os restos resistentes dele. Depois daquele momento, Sora se calou tanto quanto Vang, não apenas por terem pego a Keyblade, mas sim por terem conseguido usa-la, aquilo o incomodava muito.

Eu sei que existem outros alem de mim..mas como ELE?...Ele nem ao menos sabe oque É uma keyblade...E como assim "Desculpe-me por ter pego-a"...Aí tem coisa..

Sora ficou um pouco afastado do grupo enquanto analisava Kite e a nova garota, nem fez mensão em falar com ela, ficou apenas observando a situação em que todos estavam agora.


Ei, garota do coelho..seu nome é Ree...certo?.. Pelo que ví..seu coelho é bom para.."morder"..coisas...acha que ele conseguiria fazer algo nessa carapaça..ou seria inútil?

Sora ficou sentado em um tronco caido enquanto assistia o urso queimar e os outros desarmarem o acampamento e conversarem entre sí.
avatar
Sora
Eterno Conhecedor
Eterno Conhecedor

Número de Mensagens : 188
Idade : 25
Reputação : Neutro Wanted :
0 / 1000 / 100

Data de inscrição : 09/09/2008

Ficha do personagem
Exp: 100/1000
Lvl: 2
HP: 100%

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: A Espada Sutil

Mensagem por Vang em Ter 27 Jan 2009, 2:36 pm

Terminado o trabalho,Vang se afastou do grupo e voltou a sentar em baixo da mesma árvore que havia sentado antes também fazendo a mesma coisa que havia feito antes: Olhando para a montanha,Sylpher ficou onde estava pois já tinha percebido que Vang queria ficar um tempo sozinho.

-Não sei mais o que fazer,apesar de tudo que já fiz e ouvi ainda falta algo...Eu quero ver essa espada de perto,ver o que ela pode fazer para depois pensar se posso usá-la...Melhor parar de pensar nisso...Por...Enquanto.

Vang dorme ali,parece que não aguentou o tranco de usar sua alquimia tantas vezes seguidas,mas apenas um pequeno descanso já devia bastar.

Vang
Aventureiro
Aventureiro

Número de Mensagens : 183
Idade : 24
Localização : Som'where.
Reputação : Neutro Wanted :
0 / 1000 / 100

Data de inscrição : 08/10/2008

Ficha do personagem
Exp: 300/1000
Lvl: 2
HP: 100%

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: A Espada Sutil

Mensagem por Ree em Ter 27 Jan 2009, 5:34 pm

A garota suspirou logo depois de ter ouvido a explicação de Kite. Ela mesma havia perdido a chance de ter ido embora, e isso a deixou frustrada. Ainda assim, a garota analisou a youkai, mas, assim como os outros, nada dela lhe parcia uma ameaça iminente.

Assim, a garota agaichou-se, em frente aos chifres, e passou a mão, sentindo sua textura, e tentou pega-lo, para ver o peso. Aquilo realmente era pesado, mas para ser de tal criatura, poderia ser raro.

- ... Se for para vender, quanto mais intacto estiver, mais pode valer. Ao menos, é esse o senso comum. Pode demorar um pouco, mas seria melhor levarmos assim.

A garota levantou-se, olhando para os outros, aguardando suas opiniões. mas seus olhos pousaram em Sora, ao perceber que este a chamava. Ela mirou C.B, que tentava morder um dos chifres.

- Talvez - A garota deu nos ombros - Ele pode tentar arrancar, mas moldar não. E você teria que instruí-lo onde arrancar, não sei como é o método...

A menina se espreguiça enquanto terminava de levantar o acampamento improvisado, e juntou-se á Rose e Kite, uma vez que tinha um pouco de facilidade com aquela tarefa e não era necessária muita força. Apenas mirou Vang descansando, e não pode evitar de ficar brava por isso, mas nada comentou.
avatar
Ree
Puppet Master
Puppet Master

Número de Mensagens : 503
Idade : 25
Localização : In hell
Reputação : Neutro Wanted :
0 / 1000 / 100

Data de inscrição : 09/09/2008

Ficha do personagem
Exp: 600/1000
Lvl: 7
HP: 100%

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: A Espada Sutil

Mensagem por Ayame em Qua 28 Jan 2009, 2:11 am

*Ficara quieta a explicação inteira do "novo" Kite e ficou intrigada consigo mesma por ter conseguido isso. Quando soube que haviam mais pessoas perdidas como ela, suspirou aliviada de certa forma, não iria se ferrar sozinha, o que era bom. Caminhou junto à Kite até o grupo e manteve certa distância dele durante o caminho, não seria agora que, do nada, iria andar ao lado dele só porque dizia não ser o Kite que conhecia. Se amaldiçoou o caminho inteiro por ter saido do lado de Haseo. Pela primeira vez se arrependeu de algo que fez.

Olhou as pessoas já de longe, logicamente primeiro que Kite, e ficou analizando-as. Sentiu cheiro de sangue e mexeu o nariz para o lado, entortando-o e estreitando os olhos ao ver Black Rose tirar os chifres de algum animal. Parou à certa distância de Kite, tirando apenas uma mão dos bolsos fitando o animal morto. Demorou a dar atenção para todos e olhá-los, até Black Rose lhe dirigir a palavra e ela o encarar.

O pedido fora feito e Ayame olhou para Clock Bunny que cheirava à sangue e em seguida para sua dona, Vang e Sora. Os fitou por um momento e esperou a dona do coelho sair de perto dos chifres para que a ruiva pudesse se aproximar. A primeira frase da garota, Black Rose, ainda martelava na mente de Ayame enquanto caminhava até os chifres. Havia dito sua raça com tanta espontaneidade que quase fez Ayame rir, afinal, estava muito claro o que a garota era. Mas deixou isso de lado quando tocou em um dos chifres.

Se agaixou, tocou e mexeu o nariz brevemente sentindo o cheiro da criatura. Não sabia que criatura era aquela, nunca tinha visto uma na vida. Sem querer havia ignorado a pergunta de Rose, e deixou pra lá optando fazer outras coisas. Se levantou, coçou a cabeça e virou para Kite. Mesmo ele sendo a pessoa que Ayame mais despreza no mundo, podia dar uma chance à este que dizia "não ser quem ela está acostumada a conviver". *

Que espécie de animal é esta? *Perguntou, curiosa de certa forma, pois não carregaria nada que não conhecesse. Nem sabia se podia realmente confiar nestas pessoas, se é que confia em alguém além daquele garoto com quem anda. Mas de uma coisa a Youkai sabia: demoraria muito para poder, talvez, confiar neste novo Kite que estava na sua frente.*

Posso ajudar a carregar, mas o animal era grande por ter tantos chifres, então não precisamos levar todos se não temos o que fazer com eles. Ou temos? Seria bobagem levarmos todos, poderia custar caro. *Percebeu um garoto começar a dormir e fez um "tsc", olhando para os demais; imaginou que pelo menos eles estaríam com vontade de sair dali como ela.*
avatar
Ayame
Desbravador
Desbravador

Número de Mensagens : 539
Idade : 25
Reputação : Neutro Wanted :
20 / 10020 / 100

Data de inscrição : 09/09/2008

Ficha do personagem
Exp: 520/1000
Lvl: 6
HP: 100%

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: A Espada Sutil

Mensagem por Sora em Qui 05 Fev 2009, 8:42 pm

Sora ficou observando o urso se desfazer no fogo, ficando apenas algumas partes mais duras e a carapaça, ouvindo o comentário de Ree, nem ligando mais para os chifres, Sora pegou a Keyblade e começou a riscar, forçando a Keyblade contra a carapaça, desenhando um pseudo-escudo, parecia ter a forma de um losângo, porem era mais aberto na vertical, voltando a fitar Ree, Sora falou meio desanimado da ideia porem ainda querendo fazer aquilo.

Acha que ele consegue modelar nesse formato? Não precisa ser algo exato nem perfeito, mas tendo uma força proxima disso...pois a cavidade para segurar eu mesmo pretendo fazer...Acha possivel?

Sora começou a fitar ao redor enquanto isso, procurando algo, sem saber oque exatamente, parecia um pouco distante de sí, ainda preocupadocom a Keyblade e a tal espada sutíl.
avatar
Sora
Eterno Conhecedor
Eterno Conhecedor

Número de Mensagens : 188
Idade : 25
Reputação : Neutro Wanted :
0 / 1000 / 100

Data de inscrição : 09/09/2008

Ficha do personagem
Exp: 100/1000
Lvl: 2
HP: 100%

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: A Espada Sutil

Mensagem por Ree em Qui 05 Fev 2009, 9:19 pm

Escutou o que a loba tinha a dizer, pensativa. Após ela terminar, Ree voltou a falar.

- Podemos então levar a metade. Assim, não atrasariamos demais, e ainda poderiamos vender eles, conseguindo algum dinheiro.

Enquanto esperava a resposta de todos, Sora voltou a falar, e ela então encarou o desenho feito na carapaça. Levantou uma osmbrancelha, pensando se C.B conseguiria.

- Ele pode tentar, mas pode demorar demais. Se ele não conseguir fazer isso rápido, acho melhor partimos. - A menin encara novamente as montanhas - Afinal, ainda tem aquela espada....

Com um olhar, Clock Bunny recebeu a confirmação para tentar, e assim o coelho saltou sob a carapaça, tentando morder, raspar ou quebrar a área de alguma forma, usando seu máximo. Ree observou o trabalho de C.B por algum tempo, mas depois virou-se para Ayame, Kite e BlackRose, esperando pela resposta.
avatar
Ree
Puppet Master
Puppet Master

Número de Mensagens : 503
Idade : 25
Localização : In hell
Reputação : Neutro Wanted :
0 / 1000 / 100

Data de inscrição : 09/09/2008

Ficha do personagem
Exp: 600/1000
Lvl: 7
HP: 100%

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: A Espada Sutil

Mensagem por Ayame em Sex 06 Fev 2009, 7:58 pm

*Escutou o que Ree falava, olhando para os ossos pensando o que poderia fazer. Quando a garota concluiu, acentiu com a cabeça, concordando com o que ela diz.*

Sim, seria o melhor à fazer. Podemos pegar os médios e pequenos para podermos vender. * O que Clock Bunny fazia chamou a atenção da Youkai que voltou-se para ele e o olhou com certa curiosidade. Pela velocidade que ele estava indo, levaria um bom tempo para terminar, o que poderia atrasar tudo.*

*Desviou a atenção para a arma de Sora e a fitou por um momento de olhos cerrados, olhando em seguida para algo que estava no fogo. Torceu o nariz e levantou as orelhas, imaginando que seria a carne do animal dono dos ossos. Sentiu um embrulho no estômago e apertou a mão esquerda, virando o rosto para os outros à espera de uma resposta definitiva.*
avatar
Ayame
Desbravador
Desbravador

Número de Mensagens : 539
Idade : 25
Reputação : Neutro Wanted :
20 / 10020 / 100

Data de inscrição : 09/09/2008

Ficha do personagem
Exp: 520/1000
Lvl: 6
HP: 100%

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: A Espada Sutil

Mensagem por Vang em Dom 08 Fev 2009, 7:38 pm

Vang acorda rapidamente após um pequeno tempo de descanso,não era muito,mas ele acha que agora sim daria pra aguentar mais. Ele se aproxima do grupo mas continua em silêncio

(Não tenho ídeia do que está havendo aqui...É melhor ficar quieto do que perguntar o que está havendo,mas mesmo assim...

Apesar de ter descansado a cara de cansaço ainda estava estampada em seu rosto,mas sobre nada comentava,apenas olhava em volta,olhava para a criatura já despedaçada,para os outros membros do...grupo? Vang não considerava como isso,ele considerava como o grupo e ele separadamente,não tinha ídeia como agira em grupo,então era melhor agir separadamente.

Vang
Aventureiro
Aventureiro

Número de Mensagens : 183
Idade : 24
Localização : Som'where.
Reputação : Neutro Wanted :
0 / 1000 / 100

Data de inscrição : 08/10/2008

Ficha do personagem
Exp: 300/1000
Lvl: 2
HP: 100%

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: A Espada Sutil

Mensagem por Sora em Ter 10 Fev 2009, 10:16 pm

Sora parecia bastante entediado, fitando Clock Bunny fazer o serviço que havia pedido, Sora levantou-se e começou a ajudar C.B.. Usando a Keyblade, começo a riscar mais a fundo aonde havia feito o próprio esboço do escudo, tentando assim ajudar C.B. a fazer aquilo mais rápido e talvez conseguir um bom escudo, ao menos resistente.

Droga, isso é muito duro!

Sora começou a sentir a mão arder, a fricção da Keyblade era forte em suas mãos, mas mesmo assim continou durante mais um tempo, até sentir leves fisgadas nas mãos, sentindo que estas estavam um pouco esfoladas, parando então, sentando novamente, vendo que o esforço não tinha valido de tanto, fitando o trabalho incompleto, voltando o olhar para os outros momentaneamente, caindo mais uma vez em seu mundinho próprio.
avatar
Sora
Eterno Conhecedor
Eterno Conhecedor

Número de Mensagens : 188
Idade : 25
Reputação : Neutro Wanted :
0 / 1000 / 100

Data de inscrição : 09/09/2008

Ficha do personagem
Exp: 100/1000
Lvl: 2
HP: 100%

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: A Espada Sutil

Mensagem por ADM Hayate em Qui 12 Fev 2009, 11:24 pm

[Aliás, tinha me esquecido: 300 exp para cada pela luta com o urso (Ree, Vang e Sora)]

Kite notou que Sora ficou estranho depois de ter lhe entregue a keyblade. Achou isso compreensível, afinal Flora havia pego a arma sem o garoto notar. Preferiu ficar quieto enquanto os demais decidiam o que fazer. Vang descansava, e isso era compreensível, já que alquimia desgastava bastante. O grupo parecia, pelo menos em parte, cooperar. BlackRose tentou ajudar Sora, então analisou o que ele fazia.

— Leve esse pedaço para a vila, Sora. — Disse ela, se referindo ao pedaço de osso que o garoto tentava 'demarcar'. — Não vai ser legal se o pequeno aí quebrar os dentes, e lá um ferreiro poderá te ajudar. Vamos conseguir um bom dinheiro com esses chifres.

Ela manteve as mãos na cintura, e fitou Ree.

— Estamos em seis, se cada um levar um pouco não vai pesar muito! Ah, claro, o maior peso para os cavalheiros levarem. — Riu. Era de certa forma algo irônico, uma vez que BlackRose quem havia derrubado o enorme urso. Pensando nisso Kite acabou dando um sorriso forçado com o comentário. Ele ouviu a pergunta de Ayame, e ergueu as sobrancelhas como se fosse uma pergunta óbvia, mas logo lembrou-se de que eles vieram de outro mundo.

— É um Bhearn, um urso bastante raro. Dizem que antes era um urso qualquer, até ser possuído por um espírito maligno... Bem, é a história que costumam contar. — Ele ouviu os comentários sobre levarem apenas metade dos chifres, e coçou a cabeça. — Eles não são tão caros, então quanto mais levarmos melhor... Vamos amarrar os pequenos todos juntos e assim por diante, ficará mais fácil. A vila Dyagon não é longe, lá podemos dar um jeito.

Então, dessa forma. todos dividiram o peso. Cortando os chifres e amarrando-os com cordas feitas com ajuda de Vang, o grupo pôde facilmente mantê-los unidos. Não eram chifres longos, logo os mais pesados podiam ser levados por dois rapazes. Sora e Vang ficaram encarregados de levar os mais pesados, divindido o peso com cada um segurando uma das extremidades. O resto do pessoal conseguia facilmente levar meia dúzia de chifres menores pendurados nas costas.

O caminho pela floresta foi particularmente curto. Durante vinte minutos andaram em meio as árvores, seguindo por uma trilha. Após esse tempo, chegaram a uma clareira e a algumas dezenas de metros já era possível ver uma grande vila. Casas grandes, pequenas e até mesmo um pequeno prédio rústico era visível. Tudo era feito de pedra e barro, e os moradores do lugar pareciam hospitaleiros. Ao chegarem, dirigem-se ao mercado aberto da vila.

— Isso foi cansativo. — Comentou BlackRose, soltando um suspiro e deixando os chifres no chão. Kite fez o mesmo. — Bem, agora que chegamos, podemos nos dividir em dois grupos. Um irá procurar alguém que queira comprar o que conseguimos, e o outro irá ver se consegue alguma informação sobre a espada... Ah, assim que conseguimos algum dinheiro compraremos um mapa. — Ela virou-se para Sora. — Veja se consegue encontrar um ferreiro também.

— Bem, então irei procurar informações... — Kite falou, olhando em volta. O lugar estava movimentado, mas não foi difícil avistar a alguns metros uma taberna. Seria perfeito coletar informações por ali. — Bem, venha dois comigo, será o suficiente.

_________________

"Torne-se a brisa que anseia" — Crônicas da Guerra de Lodoss
avatar
ADM Hayate
Administrador

Número de Mensagens : 1042
Reputação : Neutro Wanted :
100 / 100100 / 100

Data de inscrição : 07/09/2008

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: A Espada Sutil

Mensagem por Vang em Sab 14 Fev 2009, 11:47 am

Vang e o outro garoto ficocaram encarregadso de levar a carga mais pesada,mas ele não reclamou disso,após algum tmepo de caminhada eles chegaram em uma vila,não era nada mal,Vang ficou olhando o local até ouvir Blackrose falando em como iriamos nos dividir e as funções de cada um e Kite já tomando a liderança do grupo que iria buscar informações:

-Eu vou com você... {Disse Vang já indo em direção a Kite}

Vang estava meio pensativo,ainda estava sendo incomodado pelo pensamento sobre a espada,essa talvez fosse a razão pela qual ele quis ir buscar informações...Não queria ter possíveis detalhes escondidos por outras pessoas que fossem faze-lo no lugar dele,pois sua confiança em outras pessoas não é grande,então era melhor ele ir ouvir por sí mesmo do que ouvir as informações pela boca de outros...


Última edição por Vang em Sab 14 Fev 2009, 12:47 pm, editado 1 vez(es)

Vang
Aventureiro
Aventureiro

Número de Mensagens : 183
Idade : 24
Localização : Som'where.
Reputação : Neutro Wanted :
0 / 1000 / 100

Data de inscrição : 08/10/2008

Ficha do personagem
Exp: 300/1000
Lvl: 2
HP: 100%

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: A Espada Sutil

Mensagem por Ree em Sab 14 Fev 2009, 12:21 pm

Clock bunny ia caminhando logo á fretne do grupo, curioso com aquele novo cenário. Pulava em árvores, experimentava a vegetação, sentia odores. Parava apenas para se localizar, e voltar a seguir o grupo, já que sempre saia da rota para a tal vila que todos se dirigiam.
Ree andava meio a contra-gosto. Não gostava do fato de ter que fazer algum tipo de esforço físico levando os chifres. Preferia deixar para C.B, mas este não conseguiria levar todos, uma vez que seu tamanho era reduzido. Assim, a menina teve que prosseguir, com uma cara mal humorada, mas sem pronunciar nada. Apenas vez ou outra chamava C.B, que já ia sumindo pela mata.

Ao chegarem á vila, a menina agradeceu, uma vez por estar cansada, já que não tinha o preparo físico para aquilo. Imitou Kite e BlackRose, colocando os chifres no chão. Queria ir buscar informações sobre a espada, uma vez que a curiosidade sobre aquele local era grande. Mas, ao mirar o local no qual Kite seguia, fez uma careta. Odiava o clima de tabernas, e Clock Bunny poderia arranjar alguma confusão ali, causando ainda mais problemas para ela.
Assim, a menina suspirou, e virou-se para BlackRose.

- Irei com você... - A menina dizia aquilo quase como se não tivesse escolha.

Clock Bunny estava meio frenético naquele novo local, curioso para procurar com o que brincar. Se afastou do grupo, correndo entre as pessoas, assustando uma ou outra. Parou apenas quando percebeu o grupo se dividindo. Imediatamente ele parou, levantou suas orelhas, e correu para Ree, saltando para seu colo, querendo saber o que se passava.
avatar
Ree
Puppet Master
Puppet Master

Número de Mensagens : 503
Idade : 25
Localização : In hell
Reputação : Neutro Wanted :
0 / 1000 / 100

Data de inscrição : 09/09/2008

Ficha do personagem
Exp: 600/1000
Lvl: 7
HP: 100%

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: A Espada Sutil

Mensagem por Ayame em Sab 14 Fev 2009, 6:25 pm

*Ouviu a resposta de Kite olhando para os chifres. Nunca tinha ouvido falar de um animal daqueles, mas, como foi parar sem mais nem menos em um outro lugar a partir de uma espada, achou até natural. Confirmou mentalmente com o que o casal dissera e pegou os chifres médios, ajudando-os à levar até a cidade. Os pedaços não eram tão pesados como imaginava, daria para levá-los numa boa.*

*Não demorou para chegarem à vila, não gostava de cidades, mas não tinha outra escolha. Colocou no chão os chifres como todos e colocou as mãos na cintura e inclinou o corpo para trás estralando as costas. Olhou com atenção para Kite, Vang e Ree, que pareciam ir até uma taberna. Não teria outra escolha senão ajudar Black Rose na procura de alguém que comprasse os chifres, quando escuta Ree e da um suspiro.

Ok, eu vou com os dois.* Ao contrário da menina não se importava se tivesse confusões, até participaria delas se fosse necessário, mas evitaria. Então, olhou uma última vez para os chifres e tratou de acompanhar Kite e Vang até a taberna.*
avatar
Ayame
Desbravador
Desbravador

Número de Mensagens : 539
Idade : 25
Reputação : Neutro Wanted :
20 / 10020 / 100

Data de inscrição : 09/09/2008

Ficha do personagem
Exp: 520/1000
Lvl: 6
HP: 100%

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: A Espada Sutil

Mensagem por Sora em Seg 16 Fev 2009, 8:46 pm

Sora ficou a ouvir as instruções de B.Rose, até que essa fez a brincadeira de mal gosto, fazendo Sora fitar o nada de canto de olho, falando com um pseudo-bico.

Ah tá bom viu. Tsh..

Sora, apesar do comentário, não continuou a reclamar, pegou ambas as partes, tanto do casco quando da parte grande do chifre e as carregou, fazendo mais força de Vang, as vezes parava poucos segundos para respirar melhor, sentia o atrito das mãos, oque o incomodava um pouco. Mas não tardou muito até que Sora e os outros chegaram a uma vilinha. Sora largou devagar os pedaços de ossos no chão e respirou cansado, assoprando de leve as palmas das mãos, fitando B.Rose e Kite, que davam novas instruções.

Ei, então, devo ir sozinho? Porque..não creio que bater perna pela espada ou taverna vá ajudar muito..apesar de que talvez na taverna eu consiga...Sei lá, vou por aí.

Sora ajeitou o grande casco e rumou para a taverna mais atrás, deixando o pesado casco meio escondido por de baixo de um pequeno banco, escondendo-o atrás de algumas caixas, Sora adentrou a taverna e foi direto até uma atendente.

Com licensa, Srta....Poderia me fazer dois pequenos favores?..Por um acaso poderia me dar uma informação e um copo d'agua?..

Sora aparentava estar cansado, sua face estava molhada de suor e sua garganta um pouco seca. Sentando num banco alheio, Sora suspirou e levantou o olhar novamente para a atendente.

Por um acaso, saberia aonde eu encontro um bom ferreiro, capaz de moldar ...a casca de um bhearn?..

Sora disse essas últimas palavras de modo mais baixo, não queria revelar oque tinha para outras pessoas. Um possivel gatuno ou ladino poderia ouvir tal coisa e segui-lo, oque não seria nada bom para ele.
avatar
Sora
Eterno Conhecedor
Eterno Conhecedor

Número de Mensagens : 188
Idade : 25
Reputação : Neutro Wanted :
0 / 1000 / 100

Data de inscrição : 09/09/2008

Ficha do personagem
Exp: 100/1000
Lvl: 2
HP: 100%

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: A Espada Sutil

Mensagem por ADM Hayate em Sab 21 Fev 2009, 2:03 am

@Ayame/Vang

Os dois resolvem acompanhar Kite até a taberna próxima. Uma vez lá dentro, os dois podem notar pouca semelhança entre aquele lugar e a conhecida Taberna do Macaco Caolho. Ali pouca coisa era feita de madeira se comparar com a boa Lodoss, e até mesmo as mesas eram feitas com pedra talhada. Kite pára por um momento olhando em volta, parecia tentar ouvir todas as conversas que tinha no ambiente, mesmo que parecesse impossível pois eram muitas ao mesmo tempo. Mas era possível ouvir, a pouca distância deles, um senhor falando um tanto alto.

— O quê, não acredita na autencidade de meus mapas?! Já viajei por esse mundo mais do que pensa! — Era um senhor deaproximadamente 50 anos de idade, e seu corpo não era tão fraco e nem aparentava sua idade, deixando sua voz e seu rosto entregarem. A barba por fazer e branca acentuava isso.

— Não duvido, velho. Apenas... Mapas feitos a tantos anos não devem ser tão bons assim... Bem, deixa pra próxima... — Respondeu o rapaz a quem provavelmente tentava vender sua mercadoria. Ele deu um sorriso sem graça e se distanciou do velho.

— Oras, os joves de hoje são tão ignorantes... — Ele pigarreou, e saiu da taberna.

Kite fitou o homem sair, e se dirigiu então para os dois companheiros.

— Ayame, Vang... Vejam se ele tem algum mapa que possamos usar. Peguem esse dinheiro. — Ele tirou 5 moedas de ouro de um dos bolsos, e as colocou nas mãos da garota. — Deve ser o suficiente... Se não for, conseguiremos algo com a venda dos chifres. Enquanto isso vou ver se alguém aqui sabe sobre a espada.

@Sora

O rapaz acabou indo atrás de Kite, mas mantendo uma certa distância dos três à sua frente. Ao entrar na taberna, sentou-se em lugar mais afastado. Mesmo assim a atendente o serviu com uma caneca cheia de água.

— deve ter vindo de longe, suponho. — Ela comentou, colocando uma mão na cintura. Em seguida ouviu a pergunta de Sora e sua forma de baixaro tom. A garota arqueou a sobrancelha. — De um bhearn? — Ela ficou um pouco pensativa. — Aqui não existem muitos ferreiros, e muito menos decentes. Em Hartland vai encontrar o melhor por essas bandas, mas não sei quanto ele irá lhe cobrar. Dizem que é um alquimista, mas sabe-se lá, o povo inventa muita coisa... Mas então, veio apenas molhar a garganta?

Sora podia notar que o trio havia se dispersado. Enquanto a loba e o garoto saíram da taberna, Kite continuou por ali buscando informações.

@Ree

BlackRose soltou um suspiro quando viu os quatro se distanciarem.

— É, seremos só nós duas. — Ela avistou ClockBunny, e deu um sorriso. — Hah, digo, nós três. Não se preocupe, só espere aqui que já sei quem virá pagar bem por estes chifres. Voltarei logo.

E a garota se distanciou. Por mais que tinha bastante gente passando por ali, ninguém parecia ter intenção de incomodar Ree, e muitos nem davam atenção. Passou-se alguns minutos e o movimento já começou a parecer monótono, quando ouve-se o som de um pandeiro. Era fácil reconhecer uma música cigana, e logo algumas pessoas pararam para assistir. Tratava-se apenas de uma única mulher, mas suas roupas provocantes e corpo esbelto chamavam atenção, e seus movimentos graciosos e sensuais atraíam olhares curiosos todo o tempo. O que chamou atenção de Ree era mais do que tudo o rosto da cigana: era idêntica à Ayame, inclusive as orelhas e cauda.

A dança continuou por curtos minutos, e graças a isso algumas moedas lhe foram jogadas. A garota agradeceu, e de um dos becos um lobo branco saiu e recebeu um afago vindo dela. Foi quando o animal encarou Clock Bunny, mas não se moveu. Logo a mulher fitou na mesma direção, analisou Ree e os chifres e, com um sorriso cínico, desviou o olhar.

— Pronto, Ree. Este é Taylor. — Anunciou BlackRose ao voltar. Ao seu lado um rapaz forte a acompanhava. Ele também tinha a pele morena, e seu cabelo escuro escorria pelo rosto. Seu corpo demonstrava que passara boa parte da vida ou ela toda carregando materiais pesados.

— Ah, muito prazer. — Ele cumprimentou a garota, sorrindo. Em seguida se agaixou para analizar os chifres. — Ah são perfeitos, conseguiremos fazer boas armas com eles. Nossa, o nivelamento está ótimo, e são chifres velhos, o beharn que mataram deveria ter quase uma centena de anos e...

BlackRose pigarreou.

— Desculpe, hehe, exagerei denovo. — Falou Taylor coçando a cabeça sem graça e se levantando. — Bem quanto vai...

— Mas que bela mercadoria. — Uma voz feminina bastante sensual veio detrás de Taylor. Em seguida a garota de antes caminhou até o lado de BlackRose. Tinha um olhar provocante, e a não ser por suas ações e jeito ousados, era definitivamente a outra Ayame daquele mundo. — E que bela criaturinha trouxeram com vocês... — Ela fitou ClockBunny com interesse, e com um estranho olhar.


Última edição por ADM Hayate em Seg 02 Mar 2009, 11:28 pm, editado 1 vez(es)

_________________

"Torne-se a brisa que anseia" — Crônicas da Guerra de Lodoss
avatar
ADM Hayate
Administrador

Número de Mensagens : 1042
Reputação : Neutro Wanted :
100 / 100100 / 100

Data de inscrição : 07/09/2008

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: A Espada Sutil

Mensagem por Ayame em Sex 27 Fev 2009, 9:29 pm

*Fitou a taberna de forma desinteressada. Eram tantas conversas ao mesmo tempo e altas que a garota movimentava as orelhas quase de forma frenética. Notou a semelhança com o macaco caolho e logo olhou para o balcão, lugar onde um dia trabalhara. Bons tempos, pensou a garota, escutando a voz de um velho na qual deu atenção esquecendo-se do que pensava.*

*Encarou os dois e se manteve impassível, com uma expressão neutra, vendo o velho sair e Kite falar em seguida. Olhou para as moedas em sua mão e tratou de colocá-las no bolso; se não fosse o suficiente e o mapa fosse o que queriam, poderia trocar por um dos chifres ou faria pechincha.*

Ham, ok. *Falou simplesmente e olhou para ele por um momento mas desviou em seguida, saindo da taberna um tempo depois. Não foi difícil achar o velho e, sem aumentar o passo, se aproximou o suficiente.

Hey velho *Falou meio alto para chamar sua atenção, diminuindo-a ao ver que já tinha. *Sem querer acabei ouvindo lá dentro o final de sua conversa com um rapaz sobre os mapas, posso vê-los? *Parou à certa distância, falando em tom sério costumeiro, ainda o vendo de costas esperando que parasse.*
avatar
Ayame
Desbravador
Desbravador

Número de Mensagens : 539
Idade : 25
Reputação : Neutro Wanted :
20 / 10020 / 100

Data de inscrição : 09/09/2008

Ficha do personagem
Exp: 520/1000
Lvl: 6
HP: 100%

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: A Espada Sutil

Mensagem por Sora em Sab 28 Fev 2009, 7:57 pm

Sora tomou toda a água de uma única vez no primeiro momento que tocou aquela caneca d'água. Agora que estava menos desesperado por água, Sora respirou fundo, ouvindo oque a atendente dizia.

Sim sim, na verdade eu estava perdido na floresta....

Sora levou ambas as mãos avermelhadas de sangue seco para a nuca, como se segurasse a própria cabeça, com um sorriso calmo no rosto, fitando a atendente. A medida que ia ouvindo as palavras da garota sobre não ter bons ferreiros no local, Sora fez um leve bico, dando um suspiro de leve e voltando a sorrir.

Hmm..um alquimista em..Har...Hartland?.. Certo, irei procura-lo.

Sora sentiu algo escorrer em sí, quando fitou, era o sangue misturado ao suor, que havia feito sua mão arder um pouco. Levando ambas as mãos rente ao corpo para olha-las, notou oque era. Quando ouvindo a outra pergunta da atendente, ficou sem jeito e riu de leve.

Ehehe..Ca-caso tenha algo que eu possa ajudar em pequeno praso para..poder recompensar um próximo copo d'água e pequenos curativos..

Sora ficou com as bochechas levemente coradas, meio sem jeito em pedir aquilo, Sora sorriu suavemente para a atendente, fitando-a nos olhos, era de leve bonitinha, Sora havia simpatizado com ela.
avatar
Sora
Eterno Conhecedor
Eterno Conhecedor

Número de Mensagens : 188
Idade : 25
Reputação : Neutro Wanted :
0 / 1000 / 100

Data de inscrição : 09/09/2008

Ficha do personagem
Exp: 100/1000
Lvl: 2
HP: 100%

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: A Espada Sutil

Mensagem por Vang em Dom 01 Mar 2009, 11:20 am

Vang entra na taberna com Kite,Ayame e Sylpher. Ele olhou em volta mas ignorava quase tudo,parecia estar em outro mundo. Apenas ouviu algumas partes de uma conversa que envolvia um vendedor de mapas e também percebeu que os dois haviam ouvido aquilo também. Quando ouviu as ordens de Kite,sua expressão ficou um pouco desanimada,não iria ficar para pegar informações,mas não reclamou e apenas seguiu Ayame em silêncio. Ao chegar perto do velho,Ayame chamou a atenção dele e Vang se manteve quieto,apenas olhava a sua volta.

Vang
Aventureiro
Aventureiro

Número de Mensagens : 183
Idade : 24
Localização : Som'where.
Reputação : Neutro Wanted :
0 / 1000 / 100

Data de inscrição : 08/10/2008

Ficha do personagem
Exp: 300/1000
Lvl: 2
HP: 100%

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: A Espada Sutil

Mensagem por Ree em Dom 01 Mar 2009, 12:07 pm

A menina viu BlackRose se distanciar. Cansada, a menina sentou na pilha de chifres, apoiando a cabeça nas mãos. pbservou durante algum tempo o movimento, mas já estava entediada quando começa a ouvir um som diferente. Ela procura em volta com olhar, até que encontra a figura da cigana.
C.B mantinha as orelhas levantadas, curioso com a figura da mulher. Farejou o ar, á procura da essência daquela mulher. Olhou confuso para Ree logo em seguida, que deu um olhar como se respondesse a pergunta dele.

- Sim, não é a mesma... - Ree se vira em direção á taverna que Ayame havia entrado, e depois volta a sua posição inicial - A pergunta é, QUEM ela é.

Encarou desconfiada a dança da mulher, até que esta encerrou, e logo um lobo branco vinha até ela. C.B por instinto já havia se colocado em sua posição de bote, querendo atacar, mas um único olhar de Ree foi suficiente para ele não fazê-lo. Entretanto semi-cerrou os olhos ao notar o sorriso cínico em seus lábios.

Não estou gostando disso...

Logo em seguida sua atenção foi desviada para Taylor e BlackRose. Levantou-se apressada e deixou que o mesmo os analisasse. Comprimento-o com um leve aceno de cabeça, mantendo a expressão indiferente. C.B rodeava Taylor, enquanto ele falava.

Com a chegada da cigana, Ree estreitou os olhos, se virando para ela. Apesar do tom indiferente, era possível ler em seus olhos desconfiança e hostilidade inicial. Olhava nos olhos da mesma, desviando apenas quando ela comentou sobre C.B, olhando-o. Clock Bunny estava agaixado, analisando a mulher. Logo depois, se aproximou de Ree, saltando em seu ombro. Deixava um dente á mostra, como sinal.

- Está mais para um fiel servo, eu diria... - Com um mínimo sorriso cínico, Ree respondeu a ela, esperando pelo que viria a seguir.
avatar
Ree
Puppet Master
Puppet Master

Número de Mensagens : 503
Idade : 25
Localização : In hell
Reputação : Neutro Wanted :
0 / 1000 / 100

Data de inscrição : 09/09/2008

Ficha do personagem
Exp: 600/1000
Lvl: 7
HP: 100%

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: A Espada Sutil

Mensagem por ADM Hayate em Seg 02 Mar 2009, 11:56 pm

@Ayame / Vang

Quando Ayame chamou pelo velho, ele parou e virou-se para encarar a loba. Mantinha um olhar estreito, provavelmente era um homem que passara por várias provações e conhecia bem as pessoas, ou ao menos parecia. Ouviu as palavras de Ayame como se esperasse alguma provocação, mas esta não veio.

— Tenho mapas demais, se for mostrar todos levaríamos o dia inteiro. — Ele indicou a bolsa que trazia nas costas, que estava bastante cheia e pesada. — De que áreas querem? Sou um homem que percorri todo o mundo, conheço todos os lugares, lendas e mitos... Claro que vai ter um preço.

@Sora

— Que gentil da sua parte... — A atendente aproximou-se de Sora, baixando o rosto até ficar próximo ao dele. Era possível o garoto ver o belo decote por esse ângulo, e a mulher era esbelta. Ela aproximou sua boca do ouvido de Sora, e por fim sussurrou. — Mas a água fica por conta da casa.

Ela se endireitou, dando um sorriso cínico e colocou sobre a mesa um rolo de ataduras, seria o suficiente para Sora. Em seguida foi atender outra mesa. Dois homens da mesa do lado presenciaram a cena e começaram a rir, bebendo suas cervejas e comentando a respeito com quem estava ao lado.

@Ree

A outra Ayame sorriu com a resposta de Ree.

— Sei como é. Kiba também me é um bom servo... — Seu modo cínico de fala não desaparecia, era como se tentasse provocar sensualmente as pessoas a todo momento. Ela encarou Taylor, e pôs um dedo sobre a boca. — Parece que vai oferecer uma boa quantia nesse belo material, belo rapaz.

— H-ham, sim... — Ele respondeu, e BlackRose tratou de cutucá-lo com o cotovelo. — Ai!

— Pois é, estamos trabalhando aqui, então se me der licensa pode continuar com o que fazia, garota. — BlackRose comentou nervosa, com as mãos na cintura.

— Ah, não me leve a mal, apenas estou curiosa... Quando chegaram na cidade, notei que possuem uma companheira deveras parecida comigo, estou certa? — Ela arrumou o cabelo com um movimento de mão, e continuou com os olhos entreabertos e um sorriso. — Não levem a mal, são apenas negócios.

_________________

"Torne-se a brisa que anseia" — Crônicas da Guerra de Lodoss
avatar
ADM Hayate
Administrador

Número de Mensagens : 1042
Reputação : Neutro Wanted :
100 / 100100 / 100

Data de inscrição : 07/09/2008

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: A Espada Sutil

Mensagem por Sora em Sex 06 Mar 2009, 5:20 pm

Sora ficou à esperar as ataduras, até que a atendente inclinou-se para próximo de Sora, fazendo este ficar um pouco vermelho, ao notar oque havia por trás do decote da atendente. Sora imediatamente desviou o olhar para outra direção, sentindo o cheiro que vinha da atendente. Apesar do local que ela trabalhava, era um cheirinho até bom.

— Que gentil da sua parte...[...] — Mas a água fica por conta da casa.

A-Ah.. Ok.. Obrigado.

Sora disse meio avermelhado e sem jeito. Quando a atendente foi para outra mesa, Sora notou que esta havia deixado as ataduras sobre a mesa em frente a Sora. Sora as pegou e levou-as passando pela mesa dos homens que conversavam ao lado, tentando ouvir o assunto deles, se falavam algo de diferente, que pudesse chamar a atenção sobre algo ou ser útil, ou não, para Sora.

Sora tentou ouvir ao maximo oque conversavam, afinal andava devagar, mas despistava o mais discretamente possivel para não ser notado. Sora fitava as próprias mãos, com as faixas sobre os ante-braços, enquanto alternava o olhar ao redor, procurando uma bica ou coisa do tipo, para poder lavar as mãos.
avatar
Sora
Eterno Conhecedor
Eterno Conhecedor

Número de Mensagens : 188
Idade : 25
Reputação : Neutro Wanted :
0 / 1000 / 100

Data de inscrição : 09/09/2008

Ficha do personagem
Exp: 100/1000
Lvl: 2
HP: 100%

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: A Espada Sutil

Mensagem por Vang em Qua 18 Mar 2009, 5:55 pm

Vang se mantinha quieto enquanto o velho explicava sobre seus mapas. Vang olhava de um lado a outra,olhava para Sylpher e por fim olhou para o velho,finalmente falando algo depois de tanto tempo em silêncio:

-Até onde sei precisamos principalmente de um mapa das montanhas do norte.

Vang havia falado isso apontando para o lado onde ficavam as montanhas onde Kite disse que ficava a espada. Terminando essa fase ele se calou novamente e Sylpher que vinha ao longe se sentou ao lado de Vang. Ele coloca as mãos nos bolsos e se ajoelha,cochichando para Sylpher:

-Sylpher,quero que acompanhe Kite e ouça todas as informações possiveis,depois você me conte.
Sylpher: Mas...
-Vai logo.

Logo Sylpher corre em direção a taberna onde Kite estava recolhendo informações. Logo o garoto se levanta e olha para o velho,esperando ele ou Ayame falarem algo.

Vang
Aventureiro
Aventureiro

Número de Mensagens : 183
Idade : 24
Localização : Som'where.
Reputação : Neutro Wanted :
0 / 1000 / 100

Data de inscrição : 08/10/2008

Ficha do personagem
Exp: 300/1000
Lvl: 2
HP: 100%

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: A Espada Sutil

Mensagem por Ayame em Qua 18 Mar 2009, 6:22 pm

*Olhou para sua bolsa e voltou a olhar para o homem, sem o menor interesse em saber sobre suas andanças. Mas o que a loba não sabia era para qual lugar iriam depois dali, mas logo Vang falou e ela o encarou*

Quanto custa este mapa, velho? *Escutou Vang falar com seu lobo e a Youkai virou a orelha esquerda para seu lado e escutou o que disse, mas fingiu que não, dando mais atenção ao velho.*
avatar
Ayame
Desbravador
Desbravador

Número de Mensagens : 539
Idade : 25
Reputação : Neutro Wanted :
20 / 10020 / 100

Data de inscrição : 09/09/2008

Ficha do personagem
Exp: 520/1000
Lvl: 6
HP: 100%

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: A Espada Sutil

Mensagem por Ree em Qui 19 Mar 2009, 7:27 pm

Revirou os olhos impaciente, enquanto via a tal garota jogando todo seu charme. Lançou um olhar a C.B, que logo estava subindo por seus ombros e cabeça, fitando a mulher nos olhos. Mostrava-se hostil, e um de seus dentes estava á mostra, e um pequeno som saia de sua garganta.

Ree não estava gostando da situação. Cruzou os braços, mirando seus olhos carmim á ela.

- Negócios? Sei... Seja qual for o seus "négocio", tenho certeza que não é necessária qualquer outra informação. Você parece saber se virar muito bem sozinha. Que tal continuar assim?

Sem arredar o pé, ou mostrar-se exitante, Ree continuava fitando-a.
avatar
Ree
Puppet Master
Puppet Master

Número de Mensagens : 503
Idade : 25
Localização : In hell
Reputação : Neutro Wanted :
0 / 1000 / 100

Data de inscrição : 09/09/2008

Ficha do personagem
Exp: 600/1000
Lvl: 7
HP: 100%

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: A Espada Sutil

Mensagem por Conteúdo patrocinado


Conteúdo patrocinado


Voltar ao Topo Ir em baixo

Página 3 de 7 Anterior  1, 2, 3, 4, 5, 6, 7  Seguinte

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo

- Tópicos similares

 
Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum