Novo(a) por aqui?
Leia nosso tópico de boas vindas e descubra o que Lodoss tem a oferecer!

>>> Clique Aqui <<<

Tenha uma ótima aventura!


Últimos assuntos
» Tópico de vida
Sab 15 Jul 2017, 8:09 pm por ADM Hayate

» Tenkai
Sex 15 Mar 2013, 12:13 am por Bluesday

» Fortitudo Lapidum - Camp
Qui 14 Mar 2013, 11:19 pm por yoda

» Chamada ONE: Attention Please!
Seg 11 Mar 2013, 12:03 pm por Kaien Saller

» Novo Fórum, Novo Domínio!
Seg 11 Mar 2013, 1:30 am por ADM Hayate

» Novo no pedaço
Seg 25 Fev 2013, 1:10 pm por Arcturus Steelbreaker

» Dúvidas sobre ficha
Sex 22 Fev 2013, 8:21 pm por Peregrino

» [FP]Jason Stifler Grace
Sex 22 Fev 2013, 12:40 am por Jason Stifler Grace

» Nostalgia e Parabéns
Seg 18 Fev 2013, 6:48 pm por Bluesday




>Nuvens amaldiçoadas ameaçam cobrir a ilha!

> Leroooy!

> Casa é destruída no Vilarejo de Calm

> Mais notícias...






> Construção de Sede de Guilda

> "Entrega"

> Caçador de Hidra

> Ajudante de Porto

> Pesca em Calm

> Ovos de Dragão

Praia

Página 9 de 9 Anterior  1, 2, 3, 4, 5, 6, 7, 8, 9

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo

Re: Praia

Mensagem por GM Akira em Qui 22 Nov 2012, 11:50 pm

@ Sérpico.

[Primeiramente, peço imensas desculpas Sérpic. ENEM, quatro vestibulares, provas da escola e problemas pessoais me impediram de dar a devida atenção a você. Espero que sinceramente me perdoe. Todavia, esse tempo me trouxe ideias fantásticas que espero que você aprecie.]

Era difícil ouvir. A pressão da água em seus ouvidos fazia surgir uma leve e incômoda dor e os sons saiam mais abafados, uma vez que se propagavam com menor velocidade dentro da água. Quando Sérpico se deu conta, estava cercado pelas algas. Algas que variavam entre o tom verde e amarelo e com alturas relativas, onde seria fácil se perder, como o rapaz bem presenciou. Ao olhar para trás, não conseguia mais discernir o caminho de volta e preferiu continuar nadando.

A sensação de estar sendo vigiado aumentava mais e mais, até que um súbito momento, Sérpico jurou que algo passou com uma velocidade absurda por entre as algas. Vira um vulto negro, como se fosse um peixe enorme. Um tubarão talvez? Mas com aquela velocidade? Muito improvável. Estancou ali, no centro daquela floresta marítima e o silêncio se abatia mais ainda. Seu coração palpitava forte... E então Sérpico não teve tempo nem de pensar quando sentiu um forte impacto.

Algo o tinha atingido com força. Um meio humano e meio peixe ao mesmo tempo. Era realmente isso? Seu ombro direito estava dolorido e cortado de cima abaixo, fazendo o sangue se espalhar pela água. Isso era preocupante. Tubarões podem sentir o cheio de uma gota de sangue a um quilômetro de distância. Todavia, Sérpico tinha problemas maiores com que se preocupar. As algas se agitavam novamente e dessa vez, o garoto poderia ver nitidamente a espécie mais conhecida como sereiano.

A criatura já parecia se preparar para um novo ataque e o ar dentro da máscara começava a se esvair na mesma proporção que o medo e o desesperam inundavam seu corpo.

_________________
Atrtibutos:
Força Física: 10 + 1
Força Mágica: 8
Velocidade de Ataque: 14
Velocidade de Movimento: 14
Precisão: 10+1
Vitalidade: 7+1

Aya, você lutou comigo e sobreviveu =3

Avisos do Titio Akira
avatar
GM Akira
GM
GM

Número de Mensagens : 683
Idade : 23
Localização : Por ai...
Reputação : Neutro Wanted :
0 / 1000 / 100

Data de inscrição : 28/01/2011

Ficha do personagem
Exp: §
Lvl: §
HP: 100%

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Praia

Mensagem por Sérpico em Sab 24 Nov 2012, 8:34 pm

[Akira, como já tinha dito, pode ficar tranquilo. Também passei por um período cheio de atividades, e não teria criatividade e tempo para postar regularmente. E outra: hoje, jogar em fórum não chega a ser mais uma obsessão pra mim, não tenho tanta ânsia. Sou até grato por estar sozinho ─ sem ter que me preocupar em postar pra não atrasar o outro. Então, relaxa, nem tem o que desculpar. Ao menos comigo não.

E meu amigo, agora você me deixou numa situação delicada haha... Dúvida: esse golpe que eu recebi me tirou alguns hp’s, ou foi só uma amostra grátis mesmo?]


“Você está vendo coisas Sérpico”, era a voz na sua cabeça. “Só algas, são só algas”, o vulto que vira era somente uma ilusão das plantas. Era óbvio. Ele estava nervoso, sua mente estava pregando peças. Não havia nada ali.

Só algas.

Daí, o bicho atacou.

Sérpico economizou o ar da na máscara ─ de tão assustado, ficou um longo tempo sem respirar. Não sabia se era por causa do golpe que recebera, que lhe roubou todo o ar. Não! Recebera um golpe no ombro, e não no peito. Então ficou sem ar por causa do susto mesmo.., Que seja, voltando ao que importa: o golpe, cortante, fez um sorriso vermelho na pele do ombro de Sérpico. O sangue fluiu e o jovem abriu bem os olhos, preocupado. Grave problema: Se antes ele não tinha atraído os tubarões, agora, o convite estava lançado.

E Sérpico tinha somente um arco envolta do tronco e uma flecha na mão. Estava no fundo do mar ─ olhava pra cima e via somente azul, não do celeste céu lá fora, mas daquele eterno mundo denso em que estava tão submerso. E o ar da máscara? Quanto tempo será que tinha até acabar o fôlego? E a pérola, o Cogumelo Lágrima, onde estava? Os tantos questionamentos eram sufocantes.

Pois quando alguma coisa nos surpreende, todo o resto parece estar dando errado.

Foi quando Sérpico parou e reparou no estranho ser. Uma sereia. Não, era homem. Quer dizer, Sérpico não tinha certeza. E não importava ─ era um inimigo, e já vinha pronto para arrancar mais sangue de Sérpico.

O jovem piscou e manteve os olhos fechados por dois segundos. Abriu, com fé. Mas sua fé foi pouca ─ a criatura existia mesmo e estava a sua frente. Não era uma peça de sua mente.

Institivamente, pôs a flecha em riste. Mas...


“Não. Não posso vencer”, era até espantoso o raciocínio lógico do rapaz. Ele estava na zona da criatura; ponto pra ela. Ele tinha pouco armamento; ponto pra ela. Ele estava com pouco ar; ponto pra ela. Criatura 3, Sérpico 0. Fora que quando os tubarões chegassem, dificilmente iriam atacar o colega peixe deles. Iriam estraçalhar o homenzinho loiro ─ Sérpico.

Então, não podia lutar.

Antes que o bicho investisse, Sérpico franziu o cenho em desespero mudo, balançou as mãos à frente do corpo como se alegasse inocência, como se quisesse dizer “ei colega, calma, não sou inimigo!”. Era o seu método de tentar uma aproximação menos hostil com aquele ser, tentar evitar o confronto. Mas pensando bem, a criatura lhe atacou de graça, sem receber ofensa alguma. Ou era um predador que queria acabar com Sérpico ou considerou o jovem uma ameaça. O fato é que ele, a criatura, atacou primeiro. Nessas circunstâncias, Sérpico dificilmente conseguiria reverter esse cenário em que foi tratado com hostilidade. Mesmo fazendo pantomima de inocente.

Tendo isso em mente, caso o sereiano seguisse com o ataque sem hesitar, Sérpico se teleportaria para a superfície. Na rapidez da situação, apenas imaginou o lugar lá encima, onde mergulhara. É claro, não tinha como ser preciso, então Sérpico dava um tiro no escuro, podendo reaparecer do teleporte em qualquer lugar da superfície. Mas quem sabe conseguiria ver Beremiz e de alguma forma se salvar.

E Sérpico tinha um poder especial que aflorava nesses momentos. Já escapara de perigos e vencera a morte certa com esse poder. Era uma boa hora pra ele reaparecer, só pra variar.

Chamava-se sorte.


Habilidade:
Spoiler:
Nome: Teleporte
Nível: 3.
Custos: 25% de SP pra ativar.
Duração: Uma vez efetuado o teletransporte é permanente.
Tempo de conjuração: Instantâneo.
Alcance: 50 metros para cada ponto de Força Mágica +10 metros por nível da habilidade.
Área de Efeito: Pessoal, objetos e seres vivos tocados.

Descrição: Sérpico possui a capacidade de se teletransportar até uma certa distância podendo levar inclusive itens ou pessoas consigo.

Efeitos: Sérpico é capaz de se mover instantaneamente de um ponto a outro sem precisar cruzar a distância física entre eles. Durante a viagem é possível transportar uma quantidade de carga equivalente a Força Mágica de Sérpico x50 + 100 quilos, quaisquer objetos podem ser teletransportados incluindo seres vivos, mas para isso ele precisa estar mantendo contato físico com a carga a ser transportada.

O próprio peso do corpo de Sérpico não conta no limite de carga mas isso não inclui roupas e equipamentos que ele esteja vestindo ou carregando. Caso ele tente teletransportar uma carga maior do que suas capacidades permitam o GM deverá considerar que o teletransporte foi bem sucedido no entanto apenas os objetos mais leves foram teletransportados. Por exemplo, vamos supor que Sérpico tente teletransportar 3 objetos diferentes, um pesando 80kg, outro pesando 50kg e o ultimo pesando 90kg, isso daria um total de 220kg que é mais do que ele é capaz de levar consigo. Desta forma se ele usase sua habilidade ele conseguiria se teletransportar mas apenas os objetos pesando 50 e 80 quilos iriam com ele.

Qualquer ser vivo pensante que não deseje ser teletransportado resistirá ao efeito da habilidade automaticamente, quaisquer constructos mágicos ou seres desprovidos de inteligência mas "vivos" como golens e mortos vivos também resistirão automaticamente ao teletransporte a não ser que eles sejam obedientes a Sérpico. Animais e seres irracionais que possuam um valor de Vitalidade inferior a Força Mágica de Sérpico serão teletransportados assim como animais que possuam afinidade com ele também o serão como por exemplo um cavalo ou um animal de estimação. Não é possível teletransportar partes de objetos, por exemplo, Sérpico não poderia teletransportar um pedaço da muralha de um castelo, se quisese fazer isso ele precisaria ser capaz de teletransportar toda a estrutura.

Para que Sérpico consiga se teletransportar ele precisa estar visualizando o destino ou ter uma grande familiaridade com o mesmo, caso ele tente se teletransportar para um lugar desconhecido o GM poderá decidir se a tentativa foi bem sucedida ou não. Em caso de falha Sérpico será teletransportado aleatoriamente para qualquer lugar que seja capaz de comportar seu corpo e sua carga e esteja ocupado apenas por ar, água e outras substâncias deslocáveis, isso inclui é claro um abismo ou um rio de lava! Sempre que Sérpico se teletransporta toda a energia cinética que estiver acumulada em seu corpo é perdida no processo, desta forma ele poderia por exemplo teletransporta-se para o chão quando estivesse em queda livre evitando se espatifar.
avatar
Sérpico
Andarilho
Andarilho

Número de Mensagens : 251
Reputação : +30 Wanted :
0 / 1000 / 100

Data de inscrição : 09/10/2008

Ficha do personagem
Exp: 625/1000
Lvl: 4
HP: 100%

Ver perfil do usuário http://sonatadotorinks.blogspot.com

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Praia

Mensagem por GM Akira em Sex 30 Nov 2012, 11:31 am

@ Serpic

[Relaxa, esses ataques serão somente interpretativos, por enquanto. O fórum vai migrar, não vejo motivo pra ficar tirando HP de forma desnecessária.]

Não tinha como. Os pensamentos passaram velozes pela mente do garoto camponês e ele viu que não tinha chance de vencer. Estava em território inimigo, com uma séria desvantagem. Tinha que sair dali o quanto antes e foi o que tentou fazer... Mas não conseguiu. Fechou os olhos e os abriu novamente para ver que não estava na superfície, não conseguia se teletransportar por algum motivo desconhecido. E antes de poder pensar qualquer coisa, um forte impacto o atingiu no estômago. Sérpico sentiu a dor excruciante no momento e o preciso ar lhe faltar. A máscara não mais estava em seu rosto. Tudo se tornara complexo demais.

O garoto era arrastado com força pelo sereiano e fora arremessado bruscamente, pra sua surpresa, contra uma rocha marinha – por sorte, de aspecto liso. A cabeça bateu com força e tudo ficou embaçado. Na verdade, o rapaz não sabia se era porque não conseguia enxergar direito em baixo d’água ou se a visão turva era culpa do impacto de sua cabeça com a rocha. Difícil até mesmo raciocinar naquele instante. O ar começava a faltar e uma sensação agonizante entrava em jogo: o desespero.

Mas não demorou muito. Foi mais rápido do que esperava com uma dor inabalável, mas que cessou em instantes. A água entrou em seus pulmões e tudo se tornou negro. Era agradável morrer? Ora, buscar por uma cura e por causa da curar vir a perecer. Isso era irônico, irônico demais. Mesmo naquele estado letárgico, morto, sentia o corpo se mover com fluidez. Talvez fossem as ondas que levassem seu corpo ao bel prazer. Dificilmente saberia.

Morte. Talvez o início de uma nova vida.


[Calma! Serpic não morreu. Apenas uma cena dramática. Como você bem sabe, o fórum irá migrar para um servidor próprio. Quando se cadastrar lá, peça o acréscimo de 1000 de Exp pelo time skip, que eu explicarei lá, in-game mesmo. Por agora, você recebe 200 de Exp que já pode adicionar em sua ficha e perfil de personagem. Em relação ao fórum, o que ficará inativo, serão apenas as aventuras. Eu estarei entrando periodícamente para sanar quaisquer dúvidas que você venha a ter. É isso, Feliz Natal e um Próspero Ano novo. Até dia 01 de Fevereiro. =*]

_________________
Atrtibutos:
Força Física: 10 + 1
Força Mágica: 8
Velocidade de Ataque: 14
Velocidade de Movimento: 14
Precisão: 10+1
Vitalidade: 7+1

Aya, você lutou comigo e sobreviveu =3

Avisos do Titio Akira
avatar
GM Akira
GM
GM

Número de Mensagens : 683
Idade : 23
Localização : Por ai...
Reputação : Neutro Wanted :
0 / 1000 / 100

Data de inscrição : 28/01/2011

Ficha do personagem
Exp: §
Lvl: §
HP: 100%

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Praia

Mensagem por Conteúdo patrocinado


Conteúdo patrocinado


Voltar ao Topo Ir em baixo

Página 9 de 9 Anterior  1, 2, 3, 4, 5, 6, 7, 8, 9

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo

- Tópicos similares

 
Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum