Novo(a) por aqui?
Leia nosso tópico de boas vindas e descubra o que Lodoss tem a oferecer!

>>> Clique Aqui <<<

Tenha uma ótima aventura!


Últimos assuntos
» Tópico de vida
Seg 14 Maio 2018, 1:34 pm por ADM Hayate

» Tenkai
Sex 15 Mar 2013, 12:13 am por Bluesday

» Fortitudo Lapidum - Camp
Qui 14 Mar 2013, 11:19 pm por yoda

» Chamada ONE: Attention Please!
Seg 11 Mar 2013, 12:03 pm por Kaien Saller

» Novo Fórum, Novo Domínio!
Seg 11 Mar 2013, 1:30 am por ADM Hayate

» Novo no pedaço
Seg 25 Fev 2013, 1:10 pm por Arcturus Steelbreaker

» Dúvidas sobre ficha
Sex 22 Fev 2013, 8:21 pm por Peregrino

» [FP]Jason Stifler Grace
Sex 22 Fev 2013, 12:40 am por Jason Stifler Grace

» Nostalgia e Parabéns
Seg 18 Fev 2013, 6:48 pm por Bluesday




>Nuvens amaldiçoadas ameaçam cobrir a ilha!

> Leroooy!

> Casa é destruída no Vilarejo de Calm

> Mais notícias...






> Construção de Sede de Guilda

> "Entrega"

> Caçador de Hidra

> Ajudante de Porto

> Pesca em Calm

> Ovos de Dragão

Rochedos

Página 2 de 6 Anterior  1, 2, 3, 4, 5, 6  Seguinte

Ir em baixo

Re: Rochedos

Mensagem por Sophie Blackbart em Dom 06 Set 2009, 6:05 pm

Sophie se adiantava para o homem de branco com velocidade, ela pode ver a apreensão nos olhos dele... Naquele momento sentiu-se forte, viu que ele a temia, ela sentia que conseguiria, sim ela conseguiria escapar daquele rochedo!
Uma pena que aquele momento passou rápido demais... Logo o homem voltava a sua expressão fria de antes. Ele ergue o braço e uma forte magia passou por Sophie, mas ela não era o alvo... A magia era direcionada ao homem-lagarto, que começou entoar uma canção em uma língua estranha que ela nunca havia escutado.
Ela não compreendia porque motivo aquela criatura estranha cantava, e de repente sentiu seu corpo estremecer...
"Mas que diabo é isso..."
Algo estava errado... Os pés de Sophie começavam a deixar o chão...
"Estou flutuando!!!"
Ela tinha consciência de seus movimentos, mas também sabia que não poderia sair do ar. Aquilo tudo já estava atingindo um nível de surrealidade absurdo, ela estava flutuando!
- Admiro sua coragem garota. Porém foi um movimento tolo.
Sim, naquele momento concordava que seu movimento fora tolo... Ou talvez não...
- Mate.
A criatura avançava de olhos fechados para Sophie. Os braços erguidos e as garras afiadas prontas para perfurar a barriga da garota que flutuava.
- SEU SUJO! SE FOSSE HOMEM DE VERDADE ME ENFRENTARIA AO INVÉS DE FICAR SE ESCONDENDO ATRÁS DESSA COISA! - aquelas palavras que Sophie gritou para o homem de branco escaparam antes que ela pudesse contê-las, simplesmente saíram.
A garota preparou a pedra, se aquela coisa iria atacá-la, ela também iria. As probabilidades de ela ficar furada como uma peneira eram grandes, mas já que isso aconteceria de qualquer maneira ela não se permitiria ser derrotada sem lutar!
Sophie estava disposta a usar a pedra, braços, pernas, unhas e dentes para ferir aquela criatura o quanto fosse possível.
Sophie Blackbart
Sophie Blackbart
Aventureiro
Aventureiro

Número de Mensagens : 64
Idade : 24
Reputação : Neutro Wanted :
0 / 1000 / 100

Data de inscrição : 28/06/2009

Ficha do personagem
Exp: 700/1000
Lvl: 1
HP: 100%

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Rochedos

Mensagem por Koga em Ter 08 Set 2009, 3:44 am

Amarrar a kunai fora o seu erro. Trataria de jamais cometê-lo outra vez, pelo menos não contra alguém tão perigoso.

Seus reflexos o livraram de severos danos porém não o livraram de um ataque sério. A katar fez um machucado enorme.

Sentiu uma leve ardência ao sentir o metal rasgando a pele, mas nada que o impedisse de realizar sua estratégia. Agora só restava deslizar o desgraçado através da lâmina de sua ninja-to.

Era um inimigo mais perigoso do que achou no entanto, pois segurara seu ataque letal.

Isso está tomando muito mais tempo do que eu imaginei.

Travou uma disputa inútil contra o guerreiro até que sentiu sangue escorrer de leve pela indumentária. Parecia que ele havia errado, mas Koga não o permitira errar duas vezes. Acabaria com ele ali mesmo.

- Sinto em informar que sua hora chegou. Tenha uma boa estadia no inferno! - Aproveitou o sangue do próprio corte sofrido para ativar seu poder.

Esguichou o sangue ácido-venenoso no ninja, à queima roupa, e aproveitando o tempo ganho com isso, atacou-o impiedosamente com sua espada, decapitando-o.
Koga
Koga
Conhecedor
Conhecedor

Número de Mensagens : 42
Localização : atrás de você!!!
Reputação : Neutro Wanted :
0 / 1000 / 100

Data de inscrição : 21/06/2009

Ficha do personagem
Exp: 540/1000
Lvl: 2
HP: 90%

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Rochedos

Mensagem por Gin em Sex 11 Set 2009, 1:18 pm

@Dracchian

O ser de areia veio se aproximando rapidamente. Parecia que usava todo seu peso excessivo para ganhar velocidade em seu movimento, algo que Trews já tinha se assegurado contra. Quando o homem-areia aplicou o soco, Dracchian conseguiu desviar, por muito pouco, novamente. Porém essa última passou muito perto: pôde sentir partículas de areia e o vento em sua orelha causado pela passagem do golpe.

Como esperava: sua mão dilacerou-se na pedra da caverna, deixando o gigantesco inimigo com um cotoco no lugar do braço direito, tamanha força aplicada no ataque anterior. A parede rachou em várias partes, mas não parecia que ia desmoronar. O homem-areia não parecia ter sentido dor com o golpe.

Dracchian correu até o buraco. Seu inimigo foi atrás, tentando evitar sua fuga. Trews novamente já estava preparado. Virou-se e soltou uma carga de energa pelas mãos. Com sorte, ela atingiu diretamente o rosto do ser arenoso, espatifando-no ali mesmo. O restante do corpo do homem-areia tornou-se areia comum e solta no chão, não oferecendo mais nenhum perigo.


[Dracchian recebe 500 de exp pela luta. Como eu gostei de seus posts vou adicionar mais um adicional 50 de exp, totalizando 550 de exp total. Perdeu 30% de MP e -1 de vel. de mov. até repousar]


@Hyjal

Chegou à entrada da caverna. O vento que saía da caverna contrariava o restante da brisa que batia por toda Ruff. Era um vento frio e sinistro que fazia até os guerreiros mais bravos terem um pouco de receio de adentrar ao perímetro. Duas lanças estavam enfincadas, uma em cada lado da entrada dos rochedos. Jason foi se aproximando.

Subitamente a areia ao pé das lanças começou a agitar-se. Algumas pedras também agitavam-se da boca do rochedo. Segundos depois elas se juntaram, formando dois homens feitos totalmente de areia e pedra. Eram exatemente iguais em todos os aspectos: a areia era a grande maioria do seu corpo, porém alguns pedaços de pedra estavam nas mãos e no peito de ambos. Tinham, aproximadamente, 1,70m de altura. Ambos pegaram as lanças com a mão direita e postaram-se na frente da caverna, impedindo a passagem de Bones.



@Shiki

O anão ficou pensando enquanto Shiki rasgava um pedaço de sua roupa e amarrava em uma pedra próxima. Sorriu, como se fosse uma coisa óbvia o que ele tinha acabado de fazer.


— Claro.. por que não pensei nisso antes? — Coçou a barba excessivamente peluda, soltando um pouco de sujeira da mesma. — Respondendo a sua pergunta: não, nunca vi o Sumonador. Mas alguns camaradas meus viram.. nunca mais tive notícia deles também... —

Caminhou até o caldeirão mais longe da beirada do precipício e pulou nele. Chamou Shiki para fazer o mesmo. Quando entrou no caldeirão, continuou.

— Isso aqui se move quando sente peso sendo aplicado. Olhe, está indo.. — Lentamente podia sentir que o caldeirão se movia para baixo. Depois de alguns segundos a velocidade aumentou um pouco e a descida foi mais rápida, porém um pouco mais brusca.

O caldeirão parou alguns instantes depois. Se encontravam, agora, em um corredor extremamente úmido e, claro, escuro. Água podia ser ouvida pingando em pedras. Tirando isso, estava totalmente silencioso.

— Huum.. Nunca estive aqui. — Disse Rigroth, tirando sua lança das costas, passando sua tocha para a mão esquerda.


@Sophie

Sophie preparou a pedra. Teria que acertar esse ataque de algum modo. Quando seu inimigo estava próximo o suficiente, ela aplicou a pedrada diretamente na cabeça do homem-lagarto. A pedra quebrou em inúmeros pedaçinhos, fazendo a criatura cair no chão. Foi por pouco: as unhas do ser já tinham encostado na sua pele, fazendo ferimentos pequenos se abrirem.

Sophie foi a chão alguns instantes depois. A concentração da criatura tinha, com certeza, sido arruinada com o golpe anterior. A criatura em si estava tentando se levantar do chão. Alguma gosma verde podia ser vista saindo de sua cabeça.



@Koga

Esguichou o sangue ácido diretamente em seu inimigo. O mesmo pulou para trás quando sentiu o veneno corroendo os lugares onde atingiu: parte de sua cara e seu peito. Koga, aproveitando-se dessa distração momentânea, pegou sua espada e decapitou o ninja, pondo fim a luta.

Estranhamente, o corpo do ninja inimigo sumiu. Somente uma muda de roupa e algumas pedras caíram ao chão depois de sua decaptação. Viu que o corredor continuava em frente, sem nenhum aparente obstáculo.


[Koga perde 60% de MP. Resultado de 30% da ativação e mais 30% por torná-lo ácido. Além disso, ganhou 400 de exp pela luta e mais 40 de exp pelos bons posts, totalizando 440 de exp]

_________________


L$:--
Atributos:
Força Física:3
Força Mágica:2+1
Velocidade de Ataque:5
Velocidade de Movimento:5
Precisão:2+1
Vitalidade:3+1


Montaria: Choudon
Spoiler:

Força Física:5+1
Força Mágica:1
Velocidade de Ataque:2
Velocidade de Movimento:4
Precisão:3
Vitalidade:5+1
_____________________________________________
Gin
Gin
Narrador
Narrador

Número de Mensagens : 788
Idade : 28
Reputação : Neutro Wanted :
0 / 1000 / 100

Data de inscrição : 16/10/2008

Ficha do personagem
Exp: 900/1000
Lvl: 4
HP: 87%

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Rochedos

Mensagem por Dracchian em Sex 11 Set 2009, 4:02 pm

"Rá! Eu sabia que ele ia se dar mal...imaginem só, Dracchian ser derrotado por um monte de farofa...agora é correr!."

Sentiu mais areia por conta do ataque do monstrengo e pôs a correr até o buraco. Percebeu o brutamontes no seu encalço novamente e respirou fundo antes de se virar com as duas mãos em posição.

-- HADOU KEN!!!! -- Gritou com força ao expelir a rajada na cara do homem-farofa.

Viu-o se espatifar e se sentiu aliviado. -- Há, tá vendo só! Achou que o cara do violão era um imbecil que você ia vener fácil não é? agora.... -- Tossiu. Havia se esquecido do esforço exercido sobre seu fragilizado pulmão ao lançar uma rajada de energia.

"Acho melhor eu descansar...senão eu não vou agüentar seguir em frente." Caminhou vagarosamente até o buraco e olhou o que havia por lá. Adentrou fazendo o mínimo esfoço possível e se sentou no chão, observando o interior e ficando de olho no monte de areia. Enfrentá-lo novamente não seria boa coisa.
Dracchian
Dracchian
Aventureiro
Aventureiro

Número de Mensagens : 90
Idade : 27
Reputação : Neutro Wanted :
0 / 1000 / 100

Data de inscrição : 24/03/2009

Ficha do personagem
Exp: 650/1000
Lvl: 1
HP: 88%

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Rochedos

Mensagem por Shiki em Sex 11 Set 2009, 5:10 pm

Shiki terminou oque havia feito e em seguida, continuou ouvindo oque o anão dizia, achou engraçado porem um pouco exagerado o fato de cairem ..coisas... de sua barba. Quando viu este entrar no hiper-balde, entrou tambem, calmo.

- Bom..você está aqui a quanto tempo?..Pois se for um tempo razoavel, creio que talvez saiba me dizer que tipo de coisas você costuma enfrentar aqui, né?

Shiki manejou a tocha calmamente nas mãos, até que começou a sentir o balaio descer mais rápido, sorrindo de canto. Porem sua felicidade não durou muito, logo notou que o balaio havia parado, comentando com descaso e ironia.

- Bah, pensei que esse balaio iria descer mais rápido, ou coisa assim. Tsh..Esse sumonador nem pra fazer uma 'diversão' que preste.

Ao contrário do comentário, o olhar de Shiki não era de ironia ou descaso, e sim determinação. Fitou o anão e saltou para a plataforma, posicionando a torcha virada para trás, segurando-a de lado, de modo defensivo. Enquanto a outra mão, mantinha-se sobre a faca, dentro do bolso.

Inicialmente, observou o local, tentando ver se havia algo, alguem, ou alguma tentativa de ataque, caso tivesse de escapar, enquanto o anão saia do balaio.
Shiki
Shiki
Andarilho
Andarilho

Número de Mensagens : 376
Localização : Kyokushi...Nanaya!
Reputação : Neutro Wanted :
0 / 1000 / 100

Data de inscrição : 07/01/2009

Ficha do personagem
Exp: 600/1000
Lvl: 2
HP: 100%

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Rochedos

Mensagem por Sophie Blackbart em Dom 13 Set 2009, 12:30 am

- Hugh! – exclamou Sophie ao cair no chão, os ferimentos em sua barriga incomodavam, os das costas e testa também, mas ela não tinha tempo para lamentar as dores que sentia ou a roupa arruinada. Tinha que aproveitar que a “coisa” ainda estava caída.

Levantou-se rapidamente e pegou outra pedra, tinha que agir enquanto o homem-lagarto ainda estava caído, se ele se recuperasse seria tarde demais.

Naquele momento Sophie estava completamente focada na estranha criatura, viu uma gosma verde saindo de sua cabeça no ponto que ela batera. Não lhe parecia muito honroso atacar um inimigo caído, mas sabia que ele a atacaria se a situação fosse inversa.

“Argh sua coisa maldita nojenta! Eu deveria amassar sua cabeça...”

Aproveitando a falta de concentração da criatura e o leve atordoamento da mesma por conta da pedrada, resolveu agir. Correu na direção do homem-lagarto segurando a pedra com firmeza, quando se aproximou, mirou a pedra novamente na cabeça do estranho ser e desferiu o golpe com toda a força que pode.

- Estou devolvendo as pedradas que me deu seu infeliz! - disse ela com um tom de ódio e nojo na voz.
Sophie Blackbart
Sophie Blackbart
Aventureiro
Aventureiro

Número de Mensagens : 64
Idade : 24
Reputação : Neutro Wanted :
0 / 1000 / 100

Data de inscrição : 28/06/2009

Ficha do personagem
Exp: 700/1000
Lvl: 1
HP: 100%

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Rochedos

Mensagem por Koga em Seg 14 Set 2009, 1:24 am

Isso...a sensação da degola...é inebriante.

Logo após decepar seu oponente, Koga assiste o corpo evaporando em pleno ar. Isso não o causou muio espanto. Seus senseis uma vez o falaram de um clã de shinobis que não deixavam vestígio algum, nem mesmo na morte. Talvez ele fosse desse clã ou de outro aparentado. Mas isso não importava mais, pois ele estava agora morto.

Pegou o pano deseu pescoço que lhe servia como cachecol e amarrou-o rente à ferida para estancá-la. Precisava guardar sua "munição".

Trews por essa ferida...ah como eu desejo encontrar aquela menina mimada antes dele...ela também tem culpa nisso.

Andou até os restos do ninja e coletou o que pôde e depois, virou-se para o caminho a seguir. Novamente pôs-se a correr silencioso e furtivo.
Koga
Koga
Conhecedor
Conhecedor

Número de Mensagens : 42
Localização : atrás de você!!!
Reputação : Neutro Wanted :
0 / 1000 / 100

Data de inscrição : 21/06/2009

Ficha do personagem
Exp: 540/1000
Lvl: 2
HP: 90%

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Rochedos

Mensagem por Bones em Seg 14 Set 2009, 11:42 pm


Jason aproximava-se da entrada com cautela.
Os passos eram estudados para não tropeçar nas rochas e sempre mantinha a atenção no interior do rochedo.
Quando se aproximou da porta notou as lanças: ”Talvez isso seja útil futuramente...” – pensou, mas não contava com o que viria a seguir.
Com um rosnado involuntário ele visualizou algo extraordinário.
A areia ao pé das lanças começou a se deslocar e tomar forma, algumas pedras se juntaram ao monte como um peitoral e luvas nos seres de areia, que logo empunharam as lanças e impediram seu avanço.

”Maldita magia, seres do inferno!” – Esbravejou em sua mente.

Recuou dois passos, pois, apesar das criaturas serem consideravelmente menores que Bones, eram assustadoras e formadas por algo que fugia do conhecimento dominado pelo herói, além de estarem em maior número e melhor armadas que ele.
Jason parou por alguns segundos, a mão esquerda a frente, em proteção ao corpo com as garras a posto, a mão direta atrás do corpo, sob a capa, segurando sua faca de caça (imagem) que aparentemente não iria fazer muito naqueles seres, mas era sua única arma no momento. Pensou rápido, e disse com uma voz alta, clara, mas não ríspida, bem cautelosa:

- Criaturas da Terra, guardião das estranhas desta caverna, venho investigar o mal que assola essa terra, me deixem passar.

Não sabia se aquilo seria efetivo, afinal não tinha certeza se aquelas criaturas eram ou não guardiões das cavernas, e como o velho dono da estalagem o havia lhe informado, o inimigo era um summonador, um ser que poderia invocar ou criar qualquer criatura, por esse motivo permaneceu em sua posição de caça, o olhar penetrante, passando rapidamente de guardião a guardião, analisando qualquer sinal de abertura naquela defesa ou mesmo um sinal de um “dispositivo” que faria aqueles serem sumirem, sabia que essas seriam suas opções, o dialogo ou a luta, sempre foram!
Bones
Bones
Novato
Novato

Número de Mensagens : 24
Localização : Aventurando-se
Reputação : Neutro Wanted :
0 / 1000 / 100

Data de inscrição : 25/08/2009

Ficha do personagem
Exp: 220/1000
Lvl: 1
HP: 100%

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Rochedos

Mensagem por Gin em Ter 15 Set 2009, 7:18 pm

@Dracchian

Sentou-se ao final daquela sala, descansando um pouco devido ao uso de sua habilidade. A areia não se mexia mais que o normal, já que uma leva brisa batia vindo de onde Dracchian já tinha passado. Uma brisa fria e ruidosa, estalando nas curvas e fazendo barulhos de assovio quando batia com as rachaduras por toda a caverna. Uma canção podia ser criada a partir disso, para os que tinham a orelha apurada para tal coisa.

Minutos se passaram. A respiração de Trews normalizou-se novamente e o mesmo percebeu que poderia continuar em frente sem sofrer nenhuma condição adversa. Conseguia ouvir algo vindo da frente, mas não conseguia identificar bem o que era. Porém, era o mesmo som que tinha ouvido pelo caminho que Shiki tomara, algum tempo atrás. Cabia a Dracchian, agora, descobrir o que era.


[Pode continuar em frente, tendo recuperado-se dos efeitos colatarais de sua habilidade. Seu HP e MP, porém, não recuperaram em nada nesse pouco tempo que ficou. Se quiser recuperá-los vai ter que passar mais algum tempo sem fazer ações bruscas]



@Shiki

Respondeu à pergunta de Shiki somente quando saiu do ''elevador''.

— Podemos esperar todo tipo de criatura, contudo observei que todas elas tem forma humanóide. Isso, talvez, possa nos ajudar. — Rigroth olhava todos os cantos escuros do salão. — Fique atento. — Completou, começando a pisar o mais levemente que podia no chão.

Avançaram cautelosamente. O corredor era largo, atingindo alguns metros de cado lado e podendo cabar 3 homens altos, juntos. Em virtude disso, andavam lado a lado cobrindo mais terreno. Água pingava pelas formações em sua frente, provocando o som característico de pingos de água em pedra. Somente quando chegaram ao final desse corredor particular é que viram algum movimento.


Três sombras movimentavam-se na boca de um túnel. Eram sombras pequenas, não parecendo humanas. Carregavam lanças. Pelo que podia ver na penumbra, eram iguais a de Rigroth. Os três saíram das sombras, avançando em direção aos dois que chegavam.

Eram anões. No momento em que Rigroth botou os olhos neles sorriu. Abaixou a lança e começou a caminhar na direção deles.


— Meus irmãos. —

Foi, porém, a última coisa que disse. No instante seguinte 3 lanças estavam trespassadas em seu peito. Soltou um suspiro de surpresa, como se percebesse seu erro tarde demais. Foi ao chão, não mais murmurando nada. Os três anões não falavam nada. Apenas tiravam seus machados de 2 mãos das costas, olhando Shiki e se espalhando, ficando um ao lado do outro bloqueando a saída. O corpo de Rigroth foi arrastado até o canto da sala por um deles antes de tomar a posição adequada.




@Sophie

Levantou-se com a pedra em mãos. Seu rosto estava um tanto desfigurado. Não era mais a garotinha que outrora caminhava nas belas praias de Ruff: estava com raiva, ferida e com uma crescente sensação de vingança. Levantou a pedra. Pensava somente em devolver todos os machucados que tinha sofrido e foi isso, de fato, o que aconteceu.

Cinco pedradas foram suficientes para que Sophie ouvisse um estalo de ossos da cabeça de seu inimigo. Estranhamente, o corpo sumiu. Apenas uma muda de roupa caiu no lugar de onde o homem-lagarto devia estar agora deitado. Conseguiu ouvir o som de pedras caindo junto com a roupa, abafado por causa das mudas enroladas. Virou-se quando ouviu a voz do homem.


— Huuum.. Não esperava isso. — Sua voz não era mais doce e sim séria, imparcial. — Muito bem minha cara, meus pensamentos sobre você eram incorretos. — Levantou-se de sua poltrona imperial. — Você pode ser capaz..

Levantou ambas as mãos. Areia começou a envolver o corpo de Sophie, a ponto de ela não conseguir se mexer. Em seguida o chão aos seus pés se abriu, formando um pequeno buraco. Sophie caiu por ali, saindo de vista do homem. Atingiu o solo, instantes depois de uma queda rápida. A queda em si fora amaciada pela areia em volta do seu corpo, que agora se espalhava, normalmente, pelo chão. Um tocha acesa estava aos seus pés, deitada no chão de pedra fria. Olhou em volta.

Estava na frente ao que, inubitavelmente, era um labirinto. Paredes grossas de pedra estavam coladas no teto. Muitas paredes, pelo que Sophie conseguia observar. Ali, na entrada, conseguia observar dois caminhos sinuosos. Um pela direita e outra pela esquerda. Atrás de si, uma parede grossa impedia que prosseguisse por ali. Um vento frio batia de ambos os caminhos, fazendo os cabelos da garota se agitarem um pouco.


[Sophie recebe 550 de EXP pela derrota do..homem-lagarto.. Além disso, vou aumentar isso em mais 50 de exp pela ótima interpretação. Continue assim. Total: 600 de EXP a mais]



@Koga

Nada ali podia ser aproveitado, a não ser que quisesse uma muda de roupa ninja esfarrapada e algumas pedras aleatórias. Até as Katars, estranhamente, tinham sumido. Continuou em frente.

Correu calmamente por alguns minutos. Seu ferimento não incomodava em nenhum momento. Nenhum som estranho chegou aos atentos ouvidos de Koga, até que chegou ao final daquele corredor. Passou por uma arcada e a primeira coisa que sentiu foi o vento. Uma brisa fria batia da entrada de um estranho labirinto. Somente uma entrada, diretamente à sua frente, podia ser observada. O caminho pelo labirinto fazia um círculo e continuava por outro lugar que Koga não podia ver dali. Sentiu que o caminho aos seus pés começava a adquirir um pouco de terra, apesar de ainda ser, predominantemente, de pedra.

Apesar do vento, não tinha nenhum som. Nem por onde viera e nem pelo caminho que se abria à sua frente.




@Hyjal

As criaturas arenosas não se mexeram. Pareciam, aliás, que nem ouviam Jason. Subitamente ambas levantaram a cabeça ao mesmo tempo. Avançaram em as lanças empunhadas nas mãos.

A primeira criatura fez um movimento horizontal com a lança, mirando as pernas de Bones. O mesmo, atento como estava, pulou, evitando que suas pernas sofressem algum ferimento. Nisso, o outro homem-areia foi com a lança reta, mirando no rosto de Jason. O mesmo, novamente, estava esperto. Tirou sua faca de caça e desviou a lança de sua trajetória, evitando, como anteriormente, algum dano.

Deu um pulo para trás, por puro reflexo. Os homens-areia avançavam ao mesmo tempo. Vinham retos em sua direção, com as lanças apontadas diretamente para frente. Seguravam as lanças com as duas mãos. O homem-areia da direita estava sutilmente mais à frente que seu companheiro de luta, que vinha logo atrás.

_________________


L$:--
Atributos:
Força Física:3
Força Mágica:2+1
Velocidade de Ataque:5
Velocidade de Movimento:5
Precisão:2+1
Vitalidade:3+1


Montaria: Choudon
Spoiler:

Força Física:5+1
Força Mágica:1
Velocidade de Ataque:2
Velocidade de Movimento:4
Precisão:3
Vitalidade:5+1
_____________________________________________
Gin
Gin
Narrador
Narrador

Número de Mensagens : 788
Idade : 28
Reputação : Neutro Wanted :
0 / 1000 / 100

Data de inscrição : 16/10/2008

Ficha do personagem
Exp: 900/1000
Lvl: 4
HP: 87%

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Rochedos

Mensagem por Shiki em Ter 15 Set 2009, 8:55 pm

Shiki descera do balaio e ficou esperando o anão. O corredor ao qual ele começava a andar junto deste, era largo e alto. Ouvira o comentário do anão, oque fez Shiki sorrir de leve.

Logo mais a frente, havia uma boca de tunel, possivelemnte, uma saída. Três figurinhas pasavam por alí.



— Meus irmãos. —

Shiki fitou o anão por um segundo, porem logo foi atacado, oque fez Shiki saltar para o lado, por puro reflexo. Salva-lo, era impossível, o ataque fora praticamente um elemento surpresa para o anão, e para Shiki, pois não estava preocupado até então.

- Pena, ele era fiel...

Shiki não demonstrava comoção no olhar. Por algum motivo, aquela morte não fora sentida por Shiki. Logo, se viu sem saídas. Os três anões haviam cercado a saída e, Rigroth, estava longe do seu alcance.

Bom..considerando a raça, indiferente da arma, anões são fortes, brutos e resistentes. Se não me engano, esse martelo é um pouco pesado, até mesmo para anões, afinal, estão usando duas mãos. Logo, se eu utilizar da minha velocidade, talvez tenha alguma vantagem. Porem...tenho de desvincula-los, enquanto estiverem juntos, será impossível atacar, pois poderão se cubrir. E atacar frontalmente agora, não é uma boa ideia...

Shiki saltou para trás, pegando a lança de Rigroth no chão, quando este a deixou cair após o ataque que sofrera. Sua especialidade nunca fora lanças, mas talvez fosse útil de início. Shiki abriu seu canivete, e segurou-o em sua mão direita. Com a esquerda, carregava a torcha, e a lança, ficara presa em sua cintura, em uma das abas onde normalmente, se passa o cinto.

Shiki saltou um passo para trás, e ficou observando os anões, até que estes tomassem alguma iniciativa, não pretendia atacar inicialmente.


Porém, algo me intriga... atacar desse modo, sem nem sentir remorso após isso... Eles não são os 'verdadeiros irmãos' de Rigroth, e sim ilusões do sumonador, com certeza são... Mas não posso me descuidar, ser uma ilusão agora, não significa não ser real...

- Em nome de Nanaya Kiri, aquele que um dia fora meu pai. Irei mata-los, e manter a superioridade do clã Nanaya!

Shiki dizia aquelas palavras de modo oco, honra ou lealdade ao clã, nunca fora algo que realmente importasse para Shiki, porém uma coisa era importante.

Sobreviver e mata-los, sim...essa é a minha lei..não importa quem ou oque. Irei sobreviver, e mata-los...a cada momento!

Uma determinação sombria se fazia nos olhos de Shiki, enquanto esperava os movimentos dos anões.
Shiki
Shiki
Andarilho
Andarilho

Número de Mensagens : 376
Localização : Kyokushi...Nanaya!
Reputação : Neutro Wanted :
0 / 1000 / 100

Data de inscrição : 07/01/2009

Ficha do personagem
Exp: 600/1000
Lvl: 2
HP: 100%

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Rochedos

Mensagem por Bones em Qua 16 Set 2009, 4:40 am


Optaram pela luta, era de se esperar.

A velocidade do ataque foi uma surpresa, mas não tanto quanto os movimentos do caçador, porém agora ele era a caça, dois contra um.
”Tudo tem um ponto fraco, até um imbatível Tyranus (img) possui um ponto fraco.” – Disse para si mesmo apertando o lendário dente de um Tyranus em sua mão, extraído por seu pai em sua maior caçada.
Pensando nisso teve uma idéia.
Os Reptites em sua terra natal, eram caçadores assim como a família Bones, mas eram répteis e eram fugazmente caçados pelos Bones. Quando se sentiam ameaçados, escondiam sua presença ou sua posição, dessa forma fugiam ou se tornavam os caçadores. Seria essa a idéia.
Jason precisava apenas de uma distração, algo que confundisse, nem que por apenas alguns segundos os dois guardião, um ataque, mesmo que não fosse efetivamente danoso aos dois, lhe daria o tempo suficiente.
Rapidamente mas sempre atento e cauteloso aos movimentos dos guardiões, Bones se locomoveu para traz. Os guardiões avançavam em sua direção, mas logo encontrou o que procurava, um pedregulho suficientemente grande e ao mesmo tempo pequeno o suficiente para que pudesse com agilidade pega-lo e jogar contra os dois monstros.
Mirou exatamente na cabeça do que estava à frente, mas a pedra tomou a direção do meio dos dois, o que de certa forma seria mais efetivo.
Jason não se importou se aquilo iria causar dano ou não, o que lhe importava era o momento de distração e logo que arremessou a pedra, rápido como um trovão, puxou sua capa e jogou-a na direção dos dois homens-areia, sua intenção era, cobrir a visão e desestabilizar as lanças dos dois, e assim que jogou a capa correu com a faca em punho para o ataque nas criaturas cobertas, o “aço orgânico" da presa do Tyranus faria o resto.
Atacou o que estava mais próximo, mirando a cabeça, se é que aquilo tinha uma cabeça, e ao mesmo tempo, se conseguisse, puxaria a lança de suas mãos, se tudo funcionasse daria tempo de estabilizar a defesa e enfrentar o outro.
Bones
Bones
Novato
Novato

Número de Mensagens : 24
Localização : Aventurando-se
Reputação : Neutro Wanted :
0 / 1000 / 100

Data de inscrição : 25/08/2009

Ficha do personagem
Exp: 220/1000
Lvl: 1
HP: 100%

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Rochedos

Mensagem por Dracchian em Qui 17 Set 2009, 8:42 pm

A escuridão da caverna estava de certa forma acolhedora. Sequer sabia onde havia jogado sua tocha, apenas se adaptou a escuridão. É claro que preferia a luz, e a teria assim que possível..."Mas cadê a tocha?"

Seguiu a claridade mínima até sua fonte e viu ela ali, no chão. Provavelmente havia caído depois do primeiro soco..."Engraçado como a chama não se extinguiu."

Foi até a tocha e a pegou. Voltou até a abertura na parede e respirou fundo antes de prosseguir. Andou bem devagar em direção ao som.

"Se minha memória não tiver sido afetada pela pancada então esse som é o mesmo do caminho em que o Shiki seguiu...Quem sabe eu não o encontro?"

Assim que chegou no cerne do barulho apenas observou o local.
Dracchian
Dracchian
Aventureiro
Aventureiro

Número de Mensagens : 90
Idade : 27
Reputação : Neutro Wanted :
0 / 1000 / 100

Data de inscrição : 24/03/2009

Ficha do personagem
Exp: 650/1000
Lvl: 1
HP: 88%

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Rochedos

Mensagem por Sophie Blackbart em Qui 17 Set 2009, 11:12 pm

A areia amaciou sua queda, mas ainda assim Sophie não pode deixar de sentir dor, não era dor pela queda em si, era dor pelo impacto que a queda exercera sobre seu ferimentos. Uma tocha acesa repousava aos seus pés e um estranho labirinto aguardava a sua frente.

Só naquele momento, quando já não estava mais sob pressão de batalha foi que pode perceber o quanto seu corpo estava dolorido. Sua testa estava suja de sangue seco, suas costas latejavam um pouco por conta das pedradas e aqueles pequenos arranhados em sua barriga feitos pelas unhas do homem-lagarto eram os que mais doíam. Obviamente por serem os mais recentes.

Lentamente, a garota levantou espanando de si a areia. Quando tocou os arranhados de sua barriga com a ponta dos dedos seus pensamentos foram levados para o confronto com o homem-lagarto, ela praticamente ouviu o som dos ossos da cabeça de seu inimigo quebrando ao lembrar do ocorrido. Estranhamente ela não sentia remorso ou culpa, seu corpo ainda vibrava de raiva.

Ao olhar para a própria mão Sophie viu que havia algumas gotas de sangue em seus dedos, automaticamente olhou para sua barriga e viu que os pequenos arranhados sangravam um pouco.

“Maldito sumonador covarde... Primeiro manda uma lagartixa super desenvolvida me matar e agora me joga em um labirinto.”

Os olhos de Sophie vagaram pelas paredes de pedra a sua frente, havia apenas dois caminhos, esquerda e direita, um vento frio batia de ambos os dois. Determinada a sair daqueles rochedos, a garota pegou a tocha do chão e seguiu pelo caminho da esquerda sentindo os cabelos se agitarem com o vento gelado.
Sophie Blackbart
Sophie Blackbart
Aventureiro
Aventureiro

Número de Mensagens : 64
Idade : 24
Reputação : Neutro Wanted :
0 / 1000 / 100

Data de inscrição : 28/06/2009

Ficha do personagem
Exp: 700/1000
Lvl: 1
HP: 100%

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Rochedos

Mensagem por Koga em Ter 22 Set 2009, 2:56 am

Pegou algumas pedras e a tocha e seguiu o caminho.

Contemplou por uns instantes o labirinto à frente e tentou teorizar sobre seu trajeto.


Ele parece ser complexo. Não gosto dessa mudança repentina. Pedra para terra, brisa repentina...Prevejo muito o que fazer.

Manteve-se furtivo como pôde, se o labirinto tivesse qualquer tipo de iluminação natural então sequer usaria a tocha. Suas habilidades ninjas eram seu maior trunfo e sabia que não podia abrir mão delas.
Koga
Koga
Conhecedor
Conhecedor

Número de Mensagens : 42
Localização : atrás de você!!!
Reputação : Neutro Wanted :
0 / 1000 / 100

Data de inscrição : 21/06/2009

Ficha do personagem
Exp: 540/1000
Lvl: 2
HP: 90%

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Rochedos

Mensagem por Gin em Sex 25 Set 2009, 2:29 pm

@Shiki

Os anões nada fizeram enquanto Shiki pegava a lança perdida de Rigroth, prendendo-na em seu cinto. Preferiram tomar posição e se prepararem para a eventual luta que iria tomar partido ali. O vento, que batia levemente, cessou, deixando o ambiente inteiramente quieto. Os anões, como Shiki percebeu, não respiravam. Mal assimilou essa informação e os 3 partiram em sua direção ao mesmo tempo.

O primeiro, o da sua direita, mirou o seu machado nas pernas de Shiki, provavelmente querendo imobilizá-lo. O mesmo, porém, já estava pronto para a luta e conseguiu saltar, desviando do golpe que passou reto embaixo de si. O anão tentava controlar seu pesado machado que continuava rodando.

O segundo inimigo, o do meio, veio ao mesmo tempo que Shiki pulou. Seu machado vinha em direção ao peito de Shiki, que pairava no ar. Por sorte, no último instante, seus pés tocaram o chão e Shiki pode chegar, por reflexo, à esquerda, desviando do golpe que acabou atingindo o chão. O machado do inimigo não quebrou, porém trincou em várias partes.

Ao chegar para a esquerda, ficou diretamente a frente do seu terceiro inimigo, que já estava com o machado a poucos centímetros da cara de Shiki. O mesmo levantou seu canivete, afim de se proteger. Funcionou, apesar de ser um canivete contra um machado. Shiki conseguiu segurar o golpe de seu inimigo com as duas mãos em seu canivete. Teve, no entanto, que largar a tocha no chão. Isso não prejudicou sua visibilidade em nada. A chama continuava a queimar, mesmo no chão. Seus joelhos dobraram com a força do golpe do anão.

O anão do meio, o de machado trincado, levantou sua arma e vinha correndo, girando seu machado na direção às costas de Shiki, que estavam abertas a ataques. O último inimigo ainda controlava seu machado e ficou parado na posição que tinha ficado anteriormente.




@Hyjal

Encontrou uma pedra rapidamente, por ali o que mais tinha eram pedras a serem jogadas. Mirou no meio dos homens-areia e arremeçou a pedra.

Seus inimigos, porém, nem ligaram para a pedra que passou reto no meio dos dois e caiu aluns metros para trás. A tática da capa funcionou, porém não inteiramente. Bones jogou sua capa, cobrindo o primeiro oponente por inteiro. O segundo homem areia, porém, desviou da capa e avançou, levantando a lança na direção de Jason. O mesmo abaixou-se, desviando do golpe, que vinha um tanto lerdo em sua direção e correu para frente, querendo dar prosseguimento ao seu primeiro plano.

Chegou ao primeiro homem-areia. Arrancou a lança de suas mãos facilmente, segurando-na com a mão esquerda. Com a mão direita ele simplesmente dilacerou a cabeça de seu oponente, fazendo-no virar areia que caiu no chão, sem mais oferecer perigo. Virou-se.

O outro inimigo vinha muito mais rapidamente agora. Sua lança estava reta e parecia que queria perfurar o estômago de Bones. O mesmo estava a somente alguns metros de distância da ponta da lança.




@Dracchian

Chegou. O que viu foi uma espécie de locomoção que se assemelhava a elevadores, formados por dois caldeirões que subiam e desciam aleatoriamente. O elevador que ia para baixo ainda estava embaixo, impossibiltando que Dracchian fosse por aquela direção. O elevador que subia estava parado diretamente à sua frente. Enquanto observava percebeu que o caldeirão começava a se mexer lentamente para cima.

Deu um passo à frente. Viu um pedaço de roupa amarrado em uma pedra. Observou melhor. Lembrou-se que Shiki usava aquela cor de roupa. Certamente seu companheiro tinha passado por ali.




@Sophie

Avançava cautelosamente. De alguma maneira a falta de som no labirinto deixava-na mais alerta que se tivesse inúmeros sons em volta de si. Parecia que algo desconhecido vinha na sua direção. Era assim que se sentia. Contininou pelo caminho à esquerda. Uma curva para a direita, outra pra esquerda. Reto por alguns minutos depois virava a direita novamente. Era realmente confuso. Chegou, depois de andar por isso tudo, em um garfo. Três caminhos abriam-se à sua frente: da esquerda, do meio e o da direita. A chão aos seus pés já era terra pura e, pela luz da tocha, observou algo estranho.

O caminho do meio e o da direita estavam com a terra batida, como se algo tivesse passado por debaixo dela. O caminho do meio era o pior: parecia que o que quer que fosse que estava por debaixo da terra tinha saído por ali, deixando um buraco no chão de 1 metro de raio, quase impossibilitando a passagem por ali. O caminho da esquerda não tinha nada, aparentemente, de estranho. A terra não estava batida, porém conseguiu sentir que o ar por aquele caminho estava um pouco estranho. Um pouco nocivo ao seu nariz. Também observou que por ali o vento não batia como batia pelos outros dois caminhos.




@Koga

Guardou as pedras e continou em frente. Chegando ao labirinto avançou rapidamente, segurando a tocha. Nenhuma iluminação era encontrada ali e, por isso, teria que continuar com sua fonte de luz apesar de não querer.

Foi andando em espiral, já que nenhum caminho a mais abria à sua frente. Teve uma lee impressão que descia constantemente. Finalmente saiu do caminho em espiral e olhou para frente. Agora tinha um teto sob a sua cabeça. Um teto inteiramente feito de pedra, diferente do chão onde pisava agora que era inteiramente de terra. Dois caminhos estavam à sua frente: O da esquerda, que tinha uma terra altamente batida como se algo gigante tivesse passado por debaixo dela e o da direita. Koga percebeu que o caminho da direita possuía um ar diferente. Sabia que se não fosse um especialista em veneno que aquele ar deixaria-no um pouco enjoado. Por ali uma brisa extremamente fraca batia enquanto que o caminho da esquerda liberava um vento agradável que fazia as vestes de Koga tremularem.

_________________


L$:--
Atributos:
Força Física:3
Força Mágica:2+1
Velocidade de Ataque:5
Velocidade de Movimento:5
Precisão:2+1
Vitalidade:3+1


Montaria: Choudon
Spoiler:

Força Física:5+1
Força Mágica:1
Velocidade de Ataque:2
Velocidade de Movimento:4
Precisão:3
Vitalidade:5+1
_____________________________________________
Gin
Gin
Narrador
Narrador

Número de Mensagens : 788
Idade : 28
Reputação : Neutro Wanted :
0 / 1000 / 100

Data de inscrição : 16/10/2008

Ficha do personagem
Exp: 900/1000
Lvl: 4
HP: 87%

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Rochedos

Mensagem por Shiki em Sab 26 Set 2009, 12:30 am

Primeira ataque. Bem sucedida. O anão havia ficado na vontade, completamente no vácuo da ausência de Shiki.

Segunda ataque. Bem próxima. O anão também havia errado, e como bonus, havia trincado todo seu marchado, oque para Shiki, era uma vantagem.

Terceiro ataque. Bem perigoso. Shiki se viu forçado a defende-lo. Insanidade pura, o sangue de Shiki corria com tanta intensidade, que fazia o garoto sorrir de modo maníaco.

Shiki estava com ambas as mãos em seu canivete, impedindo nada mais, nada menos que um MACHADO. Sorriu de canto, mas estranhou uma coisa.


Essas coisas...não estão respirando. Sim, agora tenho certeza, são ilusões.... Bem fortes por sinal.

Antes que pudesse terminar o pensamento, viu o anão-rachado se aproximar, num golpe horizontal giratório. Alvo? Suas costas. Proximidade: Média.

Shiki apenas jogou de relance o olhar sobre o anão-rachado e o atual de sua frente.

Não teve muito tempo para pensar, mas se sabia um modo de escapar, era aquele.


-RIGROTH, AGORA!!

Chamando por um morto? Não exatamente. naquele momento, Shiki simplesmente LARGOU o impacto com o machado e segurando com uma mão o canivete, bateu com força o bastão no chão.Saltando assim para cima, com uma leve inclinação para trás, afastando-se ainda mais, largando o bastão logo após o impacto/salto.

O machado vai vir, cortará esse pedaço de madeira, e com sorte, ainda pegará o outro anão... Considerando o tamanho, e o tipo de ataque, é bem possível que isso aconteça.

Shiki jogou o olhar para o anão que estava prado. Ele não se moveu, logo, não iria atacar no exato momento. Um anão poderia se mover, enquanto o outro ainda estava no embolado de um ataque.

Shiki tinha de ser preciso, um erro poderia lhe custar um braço ou uma perna naquela situação.

Ainda no ar, Shiki ficou atento aos movimentos do anão que havia feito o impacto com este, ele era o mais próximo e também, caso não tivesse sido acertado, o mais perigoso no momento.


O anão rachado, não irá durar por muito tempo com uma arma assim, nada que outro erro não o faça perder a arma.

O sorriso de Shiki, mesmo naquela situação, era de pura adrenalina e insanidade, curiosamente, sentia-se bem naquela situação de risco.
Shiki
Shiki
Andarilho
Andarilho

Número de Mensagens : 376
Localização : Kyokushi...Nanaya!
Reputação : Neutro Wanted :
0 / 1000 / 100

Data de inscrição : 07/01/2009

Ficha do personagem
Exp: 600/1000
Lvl: 2
HP: 100%

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Rochedos

Mensagem por Bones em Sab 26 Set 2009, 3:51 am


Era um ataque de sorte, Bones tinha isso em mente, e graças aos deuses, a sorte estava do seu lado. No final o ataque saíra como ele espera e apesar do outro guardião estar vindo em sua direção estava em vantagem.

(
Um leve tremor passou por sua coluna vertebral e junto dele um calor. O estresse da batalha estava incomodando alguém guardado dentro de Bones, e esse alguém queria sair para caçar, mas essa caça era de Jason e se concentrou na caça a tempo de visualizar, como em sua selva, a lança do segundo guardião mirando seu abdômen como uma enorme cobra “cabeça-de-metal” e como na selva Jason se viu em vantagem, agora ele finalmente sentiu o caçador que sempre foi - o guerreiro - o herói que para qual foi treinado.
)

Estava com as armas e da maneira que mais gostava: uma lança, sua faca de caça e a presa a sua frente pronta para o ataque. Era assim que caçava e era assim que ia caçar a “coisa de areia” que estava a sua frente vindo ao ataque freneticamente.
A lança era sua arma favorita, e sabia o que fazer com ela e como manuseá-la e o primeiro ataque lhe garantiu conhecimento sobre a presa, algo fundamental em uma boa caçada, sabia agora que a cabeça acabava com ele, miraria ali novamente.

Com seus conhecidos (por muitos em sua terra natal) movimentos rápidos e precisos, quase como uma dança, fazendo parecer a quem olhasse que as armas faziam parte dos seus braços e que ambas, apesar das diferenças de peso e tamanho, combinavam como se fossem a mesma arma, Jason usaria a faca, por ser mais leve e mais ágil, como um escudo, desviando a lança atacante e assim abrindo caminho para sua própria lança ser cravada no ”crânio” da criatura pondo fim ao combate que o estava estressando. Analisando mentalmente seus movimentos futuros, Jason aguardou o ataque em posição e com muita atenção.
Bones
Bones
Novato
Novato

Número de Mensagens : 24
Localização : Aventurando-se
Reputação : Neutro Wanted :
0 / 1000 / 100

Data de inscrição : 25/08/2009

Ficha do personagem
Exp: 220/1000
Lvl: 1
HP: 100%

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Rochedos

Mensagem por Sophie Blackbart em Sab 26 Set 2009, 6:09 am

Sophie estranhava o silêncio absoluto, uma sensação de que algo estava prestes a acontecer lhe assolava a todo tempo, como se alguma coisa estivesse cada vez mais próxima. Como poderia estar tão quieto? Seria aquilo o princípio de uma emboscada?

Pensando nisso, a garota foi andando pelo labirinto, o caminho fez algumas curvas, depois uma reta que durou minutos e depois uma nova curva, o caminho era estranho, confuso.

“Eu deveria ter ido pela direita... Parece que isso não vai acabar nunca.”

Algum tempo após lhe ocorrer esse pensamento algo finalmente mudou em seu trajeto... Porém não era uma mudança para melhor. O caminho se dividia em três, cada um parecia pior que o outro. Tanto o da direita como o do meio estavam com terra batida, sendo que o do meio tinha um buraco gigante.

“Então não estou sozinha... Tem mais gente, o mais alguma coisa por aqui...”


Seus olhos se voltaram para o caminho da esquerda, parecia o mais normal, entretanto havia algo estranho no ar, alguma coisa que lhe incomodava o nariz. A garota ficou algum tempo olhando para a trifurcação a sua frente, qual caminho ela tomaria?

Sophie relanceou os caminhos da direita, do meio e acabou decidindo ir pela esquerda, mesmo que naquele caminho a brisa não batesse e o cheiro fosse um pouco irritante a suas narinas aparentava ser o mais seguro, ao menos naquele não parecia que alguma coisa estivera andando sob a terra.

E lá vamos nós pela esquerda novamente... – sussurrou ela ironizando sua própria situação enquanto adentrava o caminho da esquerda segurando a tocha com firmeza.
Sophie Blackbart
Sophie Blackbart
Aventureiro
Aventureiro

Número de Mensagens : 64
Idade : 24
Reputação : Neutro Wanted :
0 / 1000 / 100

Data de inscrição : 28/06/2009

Ficha do personagem
Exp: 700/1000
Lvl: 1
HP: 100%

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Rochedos

Mensagem por Dracchian em Ter 29 Set 2009, 12:49 am

Admirou a engenhoca por uns instantes. Era curioso o que se inventava ultimamente, cada coisa de outro mundo.

"Já vi que o troço desce, pra um lugar muito fundo...e sobe...." Olhou pra cima e viu a pedra com a tira amarrada.

"Hum...isso só pode significar que ele está próximo...Significa também que ele já passou por ali, e considerando que o caminho dele subia, é bem capaz de ele estar...."Olhou para baixo"É...parece que vou ter que esperar o troço descer...tudo que sobe desce não é verdade?"

Enquanto aguardava o lento elevador realizar seu percurso, resolveu pegar seu violão. Fincou a tocha no chão e começou a dedilhar o instrumento. fazia uma melodia simples e grudenta.

"Quem sabe um dia alguém não tem a brilhante idéia de criar músicas para distrair pessoas enquanto esperam? Será que dá dinheiro fazer isso?"

Não que isso fosse relevante mas aq melodia o fazia pensar em um homem gordo, baixinho, de bigode com uma jardineira ou algo do tipo de cor azul sobre uma camisa vermelha, usando luvas brancas e uma boina vermelha com um "M" nela. Imaginava esse homem quebrando blocos e pulando em cima de homens-cogumelo....

"Talvez um tartarugão.....ISSO, um tartarugão pra ele montar...e uma princesa....mas ela tem que ser raptada....JÁ SEI!!! Ela será raptada por um tartarugão maior ainda! e ele a levará para um castelo....é...acho que isso dá uma boa história...."
Dracchian
Dracchian
Aventureiro
Aventureiro

Número de Mensagens : 90
Idade : 27
Reputação : Neutro Wanted :
0 / 1000 / 100

Data de inscrição : 24/03/2009

Ficha do personagem
Exp: 650/1000
Lvl: 1
HP: 88%

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Rochedos

Mensagem por Koga em Ter 29 Set 2009, 4:50 pm

Aquele caminho já estava irritando koga, parecia que não acabava nunca! Felizmente chegou a um ponto em que o tédio fora quebrado. Uma bifurcação

Humpf, escolhas....vamos avaliar a situação por enquanto.

Respirou fundo e percebeu o cheiro que vinha por um dos caminhos. Era como estar em casa novamente.

Ah o doce aroma da decadência. Não há lugar mais confortável no momento eu diria.

Sem pensar duas vezes rumou para a direita, em busca do cheiro hostil. Estava sempre alerta para eventuais aramdilhas ou ataques, segurando a tocha com uma mão é uma miríade de happous escondidas na outra mão.
Koga
Koga
Conhecedor
Conhecedor

Número de Mensagens : 42
Localização : atrás de você!!!
Reputação : Neutro Wanted :
0 / 1000 / 100

Data de inscrição : 21/06/2009

Ficha do personagem
Exp: 540/1000
Lvl: 2
HP: 90%

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Rochedos

Mensagem por Gin em Sex 02 Out 2009, 1:29 am

@Shiki

Utilizou a lança do finado Rigroth como uma forma de salvamento inesperada. Largou todo o peso do machado ao mesmo tempo que apoiava a lança no chão. O machado acabou batendo no chão, ali ficando enfincado na pedra fria.

O outro machado, o que vinha pelas costas de Shiki, porém, foi mais rápido que o esperado. Enquanto ainda estava no ar o machado veio com velocidade e partiu a lança ao meio, com Shiki em pleno voo.

Shiki foi ao chão, caindo com tudo com as costas no chão. Por sorte, a ponta da lança estava deitada no chão, não furando Shiki ao meio.

O machado do anão que vinha pelas suas costas atingiu, com tudo, bem na cabeça do primeiro anão, que ainda tentava retirar seu machado do chão. O machado, por consequência espatifou por inteiro, assim como a cabeça do anão. Estranhamete, o corpo sumiu quando atingido. Somente algumas pedras comuns caíram em seu lugar.

O segundo anão, vendo Shiki desprotegido no chão, mirou um chute bem no seu rosto. Shiki nada pôde fazer quando tomou um violento golpe em seu supercilho esquerdo, que imediatamente se abriu. Por reflexo, Shiki rolou para o lado e levantou-se. Olhou para frente.

O anão que estava fora de combate, até então, vinha correndo em sua direção com o machado levantado diretamente sobre sua cabeça. Estava a 2 metros de distância. O outro anão tentava tirar o machado que estava enfincado no chão. Em alguns segundos ele já teria o machado em mãos.


[Shiki tomou 5% de dano pelo chute. Seu supercilho está aberto, acarretando uma perda de sangue pequena, porém contante. Sua visão do olho esquerda está começando a ficar prejudicada devido ao inxaço e ao sangue escorrendo]



@Bones

Começou a movimentar suas armas, tentando confundir seu oponente. Seus movimentos, todavia, não eram muito rápidos, possibilitando que o inimigo acompanhasse todas as direções que as armas tomavam. Veio se aproximando pro golpe.

Conseguiu desviar a lança, porém por pouco. Um pouco de sua roupa foi rasgada no precesso. Em seguida, trespassou sua lança pela cabeça do homem-areia, fazendo-no virar areia comum. Sua lança caiu no chão.


— Ei! O que você está fazendo?! —

Dois homens montados em cavalos aproximavam-se à galope de Bones. Trajavam a mesma armadura, com símbolos que Bones nunca antes tinha visto. Suas espadas estavam embainhadas e bainhas igualmente ornamentadas. Pareciam ser de algum exército. Um era alto, até sentado no cavalo. Seus cabelos eram pretos e longos, atingindo seu ombro. Ñão podia ver bem seu rosto, já que estava protegido pelo elmo. Assim como seu parceiro. A punica diferença era que o segundo tinha cabelos loiros e um pouco menores que o de seu amigo.

Pararam na frente de Bones, levantando as lanças.


— Quem é você? O que faz por essas terras? — Indagou o de cabelo preto, num tom ríspido e um tanto rude, até para estrangeiros.


[ Bones recebe 200 de EXP pela ''morte'' dos dois oponentes. Vou incluir mais 20 de EXP aí pelos bons posts e pela batalha. Total, 220 de EXP]



@Sophie

Tomou o caminho da esquerda. Foi avançando rapidamente agora, com a sensação que estava sendo observada. O cheiro que chegava às suas narinas começavam a fazer as mesmas arder e seu olhos a lacimejarem. Tomava muitos caminhos sem saída, fazendo sua frustração aumentar. Quando isso ocorreia, voltava e tomava o caminho certo. Ficou assim por muitos minutos. Já estava respirando pela boca e tinha que, contantemente, limpar as lágrimas que escorriam pelas suas ochechas. O cheiro já estava incomodando demais.

Nesse momento a terra aos pés de Sophie começou a tremer. Todo o chão, como ela percebeu instantes depois, estava tremendo. Pelo menos 10 metros de distância, tanto para frente quato para trás tremiam. Parecia ser algum tipo de terremoto em área.





@Dracchian

Por mais que esperasse, o elevador que estava embaixo PERMANECIA lá. O caldeirão que subía, porém, estava parado à sua frente a muito tempo. Suas correntes batiam de um vento inexistente e nenhum outro som era ouvido além desse.




@Koga

Caminhou por onde o cheiro era mais acolhedor para ele. Avançava rapidamente e corretamente. Conseguia pensar coerentemente, já que o ar não lhe irritava nem um pouco que fosse. Raramente errava algum caminho e, se errasse, conseguia corrigir o erro antes que avançasse demais. Caminhou por poucos minutos.

Viu uma escada que só subia, localizada em uma espécie de clareira do labirinto. A partir do momento em que pos os olhos na escada, o chão ao redor de si começou a se mexer. Alguns montes de terra pequenas se formavam e um outro, maior, se formava mais lentamente atrás de todos os menores morros. Koga estava rodeado de morros. Até às suas costas começavam a formação de montes de terra.

_________________


L$:--
Atributos:
Força Física:3
Força Mágica:2+1
Velocidade de Ataque:5
Velocidade de Movimento:5
Precisão:2+1
Vitalidade:3+1


Montaria: Choudon
Spoiler:

Força Física:5+1
Força Mágica:1
Velocidade de Ataque:2
Velocidade de Movimento:4
Precisão:3
Vitalidade:5+1
_____________________________________________
Gin
Gin
Narrador
Narrador

Número de Mensagens : 788
Idade : 28
Reputação : Neutro Wanted :
0 / 1000 / 100

Data de inscrição : 16/10/2008

Ficha do personagem
Exp: 900/1000
Lvl: 4
HP: 87%

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Rochedos

Mensagem por Sophie Blackbart em Sex 02 Out 2009, 8:18 pm

“Isso não está certo... Tem algo... me espionando...”

Enquanto pensava nisso, a garota olhava furtivamente para os lados, esperando ver olhos a espreitando no escuro a qualquer momento.

Preocupada como estava, acabou entrado em caminhos sem saída e teve que retroceder para continuar seguindo em frente.

Em pouco tempo estava frustrada, aquilo nunca terminava e o cheiro que e antes ela julgara apenas incomodativo agora se tornava insuportável, suas narinas ardiam e seus olhos lacrimejavam.

A situação durou longos minutos, respirando pela boca, com as lágrimas rolando livres por suas bochechas e sentindo-se cansada Sophie encostou-se na parede de pedra e fechou os olhos por alguns segundos, apenas para ver se conseguia aliviar a respiração.

- Argh... o... os outros caminhos... deveriam ser melhores que esse... – o sussurro arfante dela vagou sozinho nas paredes de pedra que a cercavam.

Desencostou-se da parede e quando fez menção de recomeçar a andar sentiu o chão tremendo sob seus pés, horrorizada pode perceber que todo o solo tanto a sua frente como o que estava as suas costas tremia também.

“E agora um terremoto...”

Sophie não entendia muito de terremotos e me nos ainda de como agir numa situação daquelas, mas ficar parada esperando que o teto desmoronasse sobre sua cabeça ou que o chão se abrisse sob seus pés seria muita idiotice.

Lançou-se para frente correndo, talvez com sorte conseguisse achar um jeito de sair dali ou pelo menos chegar em algum lugar onde o chão não tremesse.
Sophie Blackbart
Sophie Blackbart
Aventureiro
Aventureiro

Número de Mensagens : 64
Idade : 24
Reputação : Neutro Wanted :
0 / 1000 / 100

Data de inscrição : 28/06/2009

Ficha do personagem
Exp: 700/1000
Lvl: 1
HP: 100%

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Rochedos

Mensagem por Bones em Sab 03 Out 2009, 1:03 am

[Obrigado pelo elogio aos meus posts ^^]


”...e no final só restava pó, e o pó... depois era só o vento.”

Bones parou com a lança estendida, no movimento finalizado que acabara de fazer.
A leve cólera do estresse gerado pela batalha ia lhe prestando contas, a vermelhidão em sua visão ia se suavizando enquanto o tremor, que agora era visível, em suas mãos ia diminuindo.
Um constante rosnar bestial pulsava dentro de seu corpo, um rosnado que somente ele podia ouvir, ainda bem, pois escutou as passadas de cavalos e logo se deparou com dois caveleiros.

— Ei! O que você está fazendo?!

— Quem é você? O que faz por essas terras?


Jason, calmamente abaixou sua lança concentrando-se para diminuir o tremor e a fúria, com um breve olhar notou que ambos lhe apontavam as lanças, não se intimidou, estava acostumado com isso.
Calmamente – de certa para demonstrar aos cavaleiros que não queria briga – guardou sua faca de caça na bainha às suas costas, olhou a lamina de sua nova lança admirando-se com o perfeito estado dela, apesar de estar ali “ao tempo”. Era uma lamina grande e levemente curvada, como um facão, mas sua ponta era bem afiada sendo ótima em perfurações e o cabo dela era firme e rígido, ótimo para caçar e lançar.
Suspirou e fez uma breve reverencia e andando em direção de sua capa caída no meio daquela areia amaldiçoada, empunhando a sua nova lança como um cajado, respondeu:

- Nobres Cavaleiros, meu nome é Bones, Jason Bones
(Bond, James Bond - Very Happy), venho de terras distantes, Além-Mar. Sou um Guerreiro Caçador, minha tribo foi toda extinta e desde então viajo o mundo a procura de um bom lugar para viver, até que encontrei esse continente, o vosso continente e resolvi me estabelecer aqui.
Estou nessa praia em missão há um amigo que recentemente fiz, o Sr. Kiur, responsável pela estalagem mais próxima, os senhores o conhecem?
Pois bem, ele me contou que essas terras são praguejadas por um sumonador e então resolvi investigar e se possível encontrar os homens mandados por ele antes de mim e também derrotar esse tal sumonador, e essas bestas que os senhores devem ter me visto derrotar, acredito que seja maldição desse sumonador, nunca vi tais criaturas existirem no reino natural desse planeta.
De qualquer forma acredito que os senhores melhor do que eu sabem dos ocorridos; afinal, a quem devo as honras?


Enquanto dizia, Jason pegou sua capa, bateu a areia que ficou presa e vestiu-a. Caminhou, recolheu a segunda lança (”Isso pode ser útil futuramente.”) e ficou de frente para os dois cavaleiros, finalizando assim seu discurso.
O tremor e a fúria cessaram, agora a frieza analítica de seus pensamentos humanos tomava conta com maior rapidez, podendo assim notar os detalhes nas expressões e trajes dos dois homens a sua frente.
Bones
Bones
Novato
Novato

Número de Mensagens : 24
Localização : Aventurando-se
Reputação : Neutro Wanted :
0 / 1000 / 100

Data de inscrição : 25/08/2009

Ficha do personagem
Exp: 220/1000
Lvl: 1
HP: 100%

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Rochedos

Mensagem por Shiki em Sab 03 Out 2009, 1:17 pm

Nem tudo é perfeito, de fato, Shiki havia feito oque queria, escapou. Escapou? Quase.
Havia desviado do primeiro ataque, fazendo um anão matar o outro, como de fato queria que fosse. Porém fora mais rápido do que desejava, fazendo assim, a lança se quebrar antes do esperado, caindo assim, de costas no chão, com a lança ao lado.

Remoeu a dor das costas, fechando um dos olhos, enquanto curiosamente, via o anão acertado se transformar em pequenas pedrinhas.


" Tudo por pedras?! Droga.... Espera aí..se ele faz ilusão apartir de pedras e areia, seu elemento deve ser terra. Ou pelomenos, espero que esteja ligado apenas a este.

Shiki deu um sorriso de canto, porém este não durou, pois antes que notasse, havia tomado um chute no rosto, abrindo um corte acima do olho esquerdo, que começava a sangrar.
Não havia tempo para pensar em dor. O anão que não estava na luta, corria para cima de Shiki com o machado levantado, enquanto o outro, tentava retira-lo do chão. Só teria aquele movimento para escapar ou contra atacar, teria de ser eficiênte, um segundo descuido como aquele, não se faria presente.

A lança estava distante, só possuia sua adaga. Foi dando passos para trás, até que o anão ficou a 2m de distância. O outro anão possívelmente viria, então teria de ser bem rápido.

Saltando para a esquerda, deixando o anão em vista para a parede. Talvez seu ataque acertasse a parede, e com sorte o machado quebrasse, afinal, aquele seria seu segundo ataque no vácuo, acertando a pedra diretamente.

Gotas de sangue cairam no chão, o rosto de Shiki estava parcialmente coberto de vermelho, e este possuia apenas um olho aberto.

Shiki continuou se afastando enquanto procurava uma brecha, não tinha tempo para cuidar do olho, mas não poderia deixar que os anões entrassem em seu campo cego naquele momento. A vida de Shiki dependia daquilo.


Malditos, ótimo momento para estar em uma CAVERNA!.. Se eu ao menos pudesse saltar em algo mais alto, para arrumar esta porcaria de corte...

Shiki manteve-se sempre afastado, deixando ambos os anões no lado direito de sua visão, enquanto que com a mão livre, rasgava devagar a barra da blusa.
Shiki
Shiki
Andarilho
Andarilho

Número de Mensagens : 376
Localização : Kyokushi...Nanaya!
Reputação : Neutro Wanted :
0 / 1000 / 100

Data de inscrição : 07/01/2009

Ficha do personagem
Exp: 600/1000
Lvl: 2
HP: 100%

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Rochedos

Mensagem por Gin em Dom 11 Out 2009, 12:41 pm

Galera, desculpem a demora, muitos problemas pessoais.

[ Pularei os retardatários. Se voltarem, postem normalmente ]


@Sophie

Desatou a correr para frente, tentando escapar do chão que tremia violentamente. Não conseguia se locomover direito, pois perdia o eqilíbrio constantemente. Correu alguns segundos e, finalmente, chegou num pedaço de solo que não mexia sobre seus pés. Aparentemente, na hora.

Olhou para trás. Criaturas começavam e furar o chão vindo debaixo. Seus corpos eram pequenos, mais ou menos 60 cm de extensão e pareciam não pssuir olhos. Tinham uma espécie de furadeira no lugar do nariz, o que explica como conseguiam furar o chão com tanta eficiência. Possuiam longas garras curvados nas patas.

Não tinham olhos mas olhavam para Sophie. Começaram a avançar em sua direção rapidamete. Felizmente não furavam o chão e iam por cima deste.


Mini-Diggers
Força-Física: 2
Força-Mágica: 1
Velocidade de ataque: 2+2
Velocidade de movimento: 2+2
Precisão: 1
Vitalidade: 1
obs: os números coloridos significam atributos quando os seres ficam por debaixo da terra.



@Bones

Os homens ouviram-no atentamente e sem interrupções. Por fim desceram de suas montarias, deixando suas lanças em cima destes.

— Sim, estamos cientes do inimigo, ó homem de terras distantes. — Falou, sarcasticamente, o mais novo. Sorria, como se estivesse pensando em algo engraçado. O mais velho olhou-no com remprrensão e continuou:

— Pois bem viajante. Temos ordens de não deixar ninguém entrar e tampouco sair. Sinto informá-lo, mas não poderá adentrar ao recinto.

Dito isso, postou de um lado da entrada da caverna do rochedo, assim como seu amigo, que postou-se do outro.




@Shiki

[Velho, você perdeu HP no turno anterior. Tira da ficha, ok?]

Desviou-se facilmente do ataque do anão. Infelizmente seu machado não atingiu a parede cavernosa e ainda etava mais ou menos inteiro, como estava antes.

Shiki ficou correndo para não deixar seus inimigos alacançarem-no. Por sorte, eram burros. Ficaram seguindo-no em círculo pela caverna, não se importando se conseguiriam alcançá-lo se simplesmente fossem retos.

Por fim Shiki conseguiu fazer um ferimento de guerra podre. Mas, pelo menos, sangue não pingava mais em seu olho. Podia lutar sem restrições agora.

_________________


L$:--
Atributos:
Força Física:3
Força Mágica:2+1
Velocidade de Ataque:5
Velocidade de Movimento:5
Precisão:2+1
Vitalidade:3+1


Montaria: Choudon
Spoiler:

Força Física:5+1
Força Mágica:1
Velocidade de Ataque:2
Velocidade de Movimento:4
Precisão:3
Vitalidade:5+1
_____________________________________________
Gin
Gin
Narrador
Narrador

Número de Mensagens : 788
Idade : 28
Reputação : Neutro Wanted :
0 / 1000 / 100

Data de inscrição : 16/10/2008

Ficha do personagem
Exp: 900/1000
Lvl: 4
HP: 87%

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Rochedos

Mensagem por Conteúdo patrocinado


Conteúdo patrocinado


Voltar ao Topo Ir em baixo

Página 2 de 6 Anterior  1, 2, 3, 4, 5, 6  Seguinte

Voltar ao Topo

- Tópicos similares

 
Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum