Novo(a) por aqui?
Leia nosso tópico de boas vindas e descubra o que Lodoss tem a oferecer!

>>> Clique Aqui <<<

Tenha uma ótima aventura!


Últimos assuntos
» Tópico de vida
Sab 15 Jul 2017, 8:09 pm por ADM Hayate

» Tenkai
Sex 15 Mar 2013, 12:13 am por Bluesday

» Fortitudo Lapidum - Camp
Qui 14 Mar 2013, 11:19 pm por yoda

» Chamada ONE: Attention Please!
Seg 11 Mar 2013, 12:03 pm por Kaien Saller

» Novo Fórum, Novo Domínio!
Seg 11 Mar 2013, 1:30 am por ADM Hayate

» Novo no pedaço
Seg 25 Fev 2013, 1:10 pm por Arcturus Steelbreaker

» Dúvidas sobre ficha
Sex 22 Fev 2013, 8:21 pm por Peregrino

» [FP]Jason Stifler Grace
Sex 22 Fev 2013, 12:40 am por Jason Stifler Grace

» Nostalgia e Parabéns
Seg 18 Fev 2013, 6:48 pm por Bluesday




>Nuvens amaldiçoadas ameaçam cobrir a ilha!

> Leroooy!

> Casa é destruída no Vilarejo de Calm

> Mais notícias...






> Construção de Sede de Guilda

> "Entrega"

> Caçador de Hidra

> Ajudante de Porto

> Pesca em Calm

> Ovos de Dragão

Fortitudo Lapidum - Camp

Página 1 de 6 1, 2, 3, 4, 5, 6  Seguinte

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo

Fortitudo Lapidum - Camp

Mensagem por yoda em Seg 05 Dez 2011, 8:57 pm

Lodoss, 1606

Respiração intensa e assustada; exaustão e horror. Local: Floresta Endless, minutos antes da meia-noite. A floresta, intensa e cheia de perigos. Corria desesperada tropeçando em tudo que estava no caminho. As raízes pareciam estar mais largas e altas que antes, as árvores, mais grossas e de galhos mais longos e com mais espinhos para furar-lhe no caminho. Os arbustos, espalhados por toda a corrida dificultando ainda mais. Aparentemente a floresta estava contra a criadora. Criadora, que neste momento era a caça.

O que poderia ter dado errado? Qual palavra ou frase que não proferiu, ou proferiu errado? O pôde ter acontecido para que a criatura se revoltasse contra seu mestre? Uma bufada e rosnada quebrou sua linha de pensamento, a desesperando ainda mais. O horror estampado no rosto todo suado e coberto por terra. Estava mancando. Minutos atrás, tinha tropeçado numa raiz e torcido o pé, motivo pelo qual o rosto é coberto por terra.

Chegou numa bifurcação e mal pensou em qual seguir. Escolheria a dedo, na correria, temendo fazer a escolha errada. Pediu aos Deuses para que a ajudassem naquele momento, para que não errasse e acabasse morta. Mas nem mesmo os Deuses trariam tal criatura à tona novamente, e isso era imperdoável. Assim que chegou a encruza, virou para a esquerda, e foi aí que percebeu sua desgraça. De tanta fome para fugir, deparou-se em um desfiladeiro. As pontas de seus pés tocaram o nada e ela tentou equilibrar o corpo para trás num movimento só e um pingo de seu suor caiu desfiladeiro abaixo. Foi quando olhou para baixo e teve certeza de sua desgraça.

Agachou-se com pressa e cavoucou o chão rapidamente e fez um buraco de profundidade suficiente e tirou um colar do pescoço e jogou lá dentro, enterrando rapidamente e ficando em pé à sua espera.
Um movimento na folhagem chamou a atenção e ela surgiu. Mal teve tempo de falar com ela. Não era preciso, sua sentença estava tomada. Encararam-se por um longo momento, e a criatura avançou num pulo de braços e boca aberta, pronta para o bote. E neste momento, ela teve a ideia de sumir junto com a criatura: no instante em que as garras da criatura tocaram sua pele, se jogou para trás, e ambas caíram pelo precipício.

@ Todos

Tudo aconteceu pela manhã, o sol mal tinha acabado de nascer quando Zatoichi, Knock, Selena e Akkin Sei foram abordados por um indivíduo encapuzado, todos ao mesmo tempo. Selena estava indo para a Taberna Allnight quando aquele indivíduo se aproximou e jogou-lhe um jato verde no rosto, fazendo-a desmaiar. A única coisa que consegue ver é o homem segurando-a. Com Akkin, foi um pouco diferente. Estava voltando para seu quarto em Takaras depois de uma noite sangrenta, quando, em seu quarto, um homem o esperava. Mal abrira a porta e uma fumaça cinza encheu o quarto e ele tombou na cama, desmaiado.

Zato estava saindo de seu quarto quando foi abordado. Uma mulher, fingindo ser empregada, o esperava na porta para pegá-lo quando saísse. Em poucos minutos, pela surpresa, tombou nos braços da moça, que chamou mais um homem para ajuda-la. E o último, Knock, que estava encostado no tronco de uma árvore descansando após uma grande caminhada. Abriu os olhos ao sentir um cheiro estranho no ar e perceber do que se tratava. Assustado tentou fazer algo quando viu alguns vultos a sua frente. Não teve como reagir, tentou forçar a vista para enxergar melhor e viu um cetro apontado para sua direção, com a fumaça saindo dele. Não conseguiu falar, pois caíra no sono profundo.

Ao acordar, todos estavam nos quartos de algum lugar. Todos estavam deitados em uma única cama grande que cabia todos de uma forma confortável, cada um com seu espaço. Assim que acordam, sentem uma suave dor de cabeça e se recordam do que tinha acontecido. Embaixo, conseguiam ouvir barulhos de talheres batendo em uma mesa de madeira, e um cheiro forte de café.
avatar
yoda
Andarilho
Andarilho

Número de Mensagens : 244
Idade : 23
Localização : Brasília-DF
Reputação : Neutro Wanted :
0 / 1000 / 100

Data de inscrição : 06/03/2010

Ficha do personagem
Exp: 950 / 1000
Lvl: 2
HP: 100%

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Fortitudo Lapidum - Camp

Mensagem por Zatoichi em Seg 05 Dez 2011, 10:09 pm

Estava há alguns dias na taverna. Bem cansado desde sua ultima aventura. Plue como sempre ao seu lado, latia e brincava com Zato que ficava jogando a bola pro seu cachorro. Depois de algum tempo se cansou. Meio avoado com uma estranha calmaria em sua vida decidiu sair para dar uma volta.

Saiu do quarto sem prestar muita atenção. Coçando os olhos com a vista meio embaçada pela mudança de iluminação entre os dois lugares, estava se sentindo estranho aquele dia. Plue veio com ele. O cão começou a latir e Zato nesse minimo instante em que não conseguia enxergar nada não entendeu.

Ao recuperar a visão viu a empregada. Claro, o primeiro pensamento do garoto foi algo como o cãozinho quer apenas brincar. Porém não era isso, a moça falou algo que o meio-elfo não entendeu muito bem, Apenas balançou a cabeça assentindo e depois se tocando que podia ter feito besteira. Mais simples agora era segui-la.

Acordou não se lembrando de nada. Estava em uma cama com quatro outras pessoas sem noção nenhuma do que havia acontecido. Levantou e e olhou para os lados. examinando o local. Seu mascote não estava la e cada vez menos entendia o que se passava coçou a cabeça e pensou. Aquilo de fato era problema.

Sua cabeça doía de leve e retomava a memória aos poucos. Parecia que havia pulado alguma parte, se esquecido de alguma coisa. Andava com a mulher e de-repente estava naquela cama. Era definitivamente estranho. Sentiu um forte cheiro de café e escutou o barulho de talheres batendo e logo deduziu:

-Comida!

Correu para o andar de baixo para ver o que acontecia, comer e receber respostas, sobre o por que de estar ali, como tinha sido levado entre diversas outras perguntas ainda não respondidas.

_________________

Força Física: 6
Força Mágica: 1 +1
Velocidade de Ataque: 5
Velocidade de Movimento: 5
Precisão: 4 +1
Vitalidade: 3 +1
avatar
Zatoichi
Narrador em Teste
Narrador em Teste

Número de Mensagens : 656
Idade : 23
Localização : Rio de Janeiro-RJ
Reputação : +10 Wanted :
0 / 1000 / 100

Data de inscrição : 21/01/2009

Ficha do personagem
Exp: 180/1000
Lvl: 6
HP: 37%

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Fortitudo Lapidum - Camp

Mensagem por Selenna Walker em Ter 06 Dez 2011, 2:35 pm

Lá estava eu, deitada naquela cama. Tinha cautela para abrir os olhos, - e se percebessem que eu acordará? Fiquei parada alguns segundos, ou talvez minutos, repassando tudo que tinha acontecido, a ultima coisa que me lembrava era que estava a caminho da taberna Alnight e de ter sido atacada por um nuvem verde que me fez cair no sono. Por que diabos alguém faria isso?

Tudo bem então, - pensei, tomando coragem para abrir os olhos. - Olhei em volta e notei que havia mais pessoas dormindo ali, mas, não tive muito tempo para surpreender-me, entre eles um homem se levantará e começou a caminhar em direção a porta.

-Comida!

- Ei, espere. - disse, me levantando e indo até a porta. - Parece que alguém está esperando agente lá embaixo. - disse não muito animada. - Vamos ver o que tem pra comer.
avatar
Selenna Walker
Aventureiro
Aventureiro

Número de Mensagens : 164
Idade : 23
Localização : Lodoss
Reputação : Neutro Wanted :
0 / 1000 / 100

Data de inscrição : 31/01/2010

Ficha do personagem
Exp: 450/1000
Lvl: 1
HP: 80%

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Fortitudo Lapidum - Camp

Mensagem por Knock em Ter 06 Dez 2011, 6:24 pm

Knock estava andando em mais uma desventura, buscando completar sua missão, quando um cansaço atingira suas pernas e um pesar, provocada pela vestimenta que usava, começava a lhe incomodar, então este viu uma frondosa árvore e decidiu se escorar nela e comer uma das frutas que esta oferecia.

Pegou a fruta, encostou-se e pôs-se a desfrutar do enorme sabor da fruta e ao degustá-la fechava os olhos involuntariamente, o que indicava que esta realmente tinha um gosto surpreendente. Foi exatamente neste momento que todo seu êxtase fora quebrado por um odor terrível...

O golem, ao tentar ver do que se tratava se deparou em meio a vários vultos os quais lhe deixaram assustado, não pelo fato de serem vultos, porém pela surpresa que lhe impuseram, a qual quebrava todo o clima de êxtase que sentia segundos atrás. Não teve tempo para reagir ao suposto ataque, ao forçar os olhos para ver o que acontecia... Caiu em um sono pesado.

Acordou com duas pessoas falando sobre comida, ou algo do tipo, não sabia ao certo de que se tratava, só sabia que o tinham acordado de seu confortável descansar...

- Confortável sono?- Como se tivesse levado um choque lembrou-se de tudo o que ocorrera. Pulando rápido da cama perguntou:

- Onde estou?- viu um rapaz saindo do quarto e pôs-se a analisar o local e após o tumulto que se fazia em sua cabeça viu que tinham mais dois no quarto, então se sentou na cama e esperou os indivíduos acordarem, pareciam estar na mesma situação que ele e não se atrevia em sair sozinho... Seja quem fosse, seria melhor combatê-lo com um grupo.
avatar
Knock
Narrador em Teste
Narrador em Teste

Número de Mensagens : 148
Reputação : Neutro Wanted :
0 / 1000 / 100

Data de inscrição : 14/05/2011

Ficha do personagem
Exp: 350/1000
Lvl: 1
HP: 100%

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Fortitudo Lapidum - Camp

Mensagem por Kronos Hiily em Sab 10 Dez 2011, 10:50 pm

A noite fora sangrenta. Estava cansado e precisava realmente de um descanso e a casa de Alice era uma boa pedida. Entrou, subiu rapidamente as escadas e ao tocar na maçaneta, sentiu um arrepio brusco na espinha... Ora, o que diabos fora isso. Cogitou entrar com armas em mãos no seu quarto, mas não o fez. Pensou que poderia ser a presença do mago poderoso - o pai de Alice - que rondava a casa.

Sem mais delongas, abriu a porta e entrou. E para sua surpresa, um homem estava sentado em sua cama. Não tivera tempo para nada, pois vira uma fumaça negra inundando o quarto. Tentou voltar, mas a porta já se encontrava fechada. Prendeu a respiração e segurou a espada, mas pelo visto, o homem sumira em meio a fumaça. Aquilo era desvatajoso, e segurou até não conseguir mais, no que resultou em um sono profundo minutos depois, por inalação à fumaça.


------

Abriu os olhos calmamente e sentiu uma dor enorme no pescoço. Não porque fora acertado com algo, mas sim porque estava de mal jeito. Aproveitou-se e olhou ao redor. Era uma cama grande, ele adorava isso. Só ele e... um rapaz de armadura... Ficou um pouco receoso... Poderia ser algum tipo de estuprador e sentiu até um medo. Tocou em suas partes de trás, mas não sentiu nenhuma dor, logo, não fora arrombado durante a noite.

Outra coisa que lhe chamou a atenção, foi o barulho alto de talheres e o cheiro forte de café. Estava perto. Seu olfato e audição apurada, o deixou até um pouco zonzo. Mas a cama estava muito boa. Virou-se e ficou de frente para o golem. E antes de voltar a dormir, disse bem baixo.

- Eu tenho uma espada bem afiada... Se tentar alguma coisa, corto seu bago fora.

Na verdade, nem sabia onde estava aquela espada. Só queria dormir mais um pouco agora e foi o que o fez. Se cobriu e voltou a desfrutar de seu sono.
avatar
Kronos Hiily
Punk Demon
Punk Demon

Número de Mensagens : 261
Idade : 22
Localização : Belém - Pará
Reputação : Neutro Wanted :
42 / 10042 / 100

Data de inscrição : 06/03/2010

Ficha do personagem
Exp: 3400/4000
Lvl: 3
HP: 100%

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Fortitudo Lapidum - Camp

Mensagem por yoda em Dom 11 Dez 2011, 1:41 am

@ Zato
Como havia sido o primeiro a acordar, nem havia percebido direito as outras pessoas em sua volta, somente cheiro de comida lhe chamou atenção que retirou mais a dor que sentia na cabeça. Uma mulher que estava no recipiente o acompanhou, mais não havia dado tanta ateção para ela. Aquilo era estranho mais tinha suas perguntas em mente e prontas para serem feitas a qualquer pessoa que aparecesse e que aparentasse saber sobre tal, mais de estomago vazio era um incomodo para Zato, pois não conseguia organizar seus pensamentos entre fazer pergunta ou sobre comida.

Quando desceu a escadaria toda acompanhado da bela moça, percebeu que a casa não era grande, era somente o quarto, a cozinha que conectava com a sala, que era bem pequena. Ao ver a mesa, que estava farta de tanta comida e sem nenhuma outra pessoa, percebe um barulho estranho, parecendo que algum animal estava estrassalhando sua presa. Foi andando um pouco ao redor da mesa e logo viu o seu fiel companheiro Plue e percebeu que quem fazia o tal barulho era ele. Percebia que Plue estava se deliciando com a comida no pote. Sentando-se na mesa, pegou seu prato e começou a prepara-lo para comer.

@Selenna

Acordou bastante calma, somente com uma leve dor na cabeça, mais sem entender muito bem com o ocorrido. Levantou-se e viu um homem que estava a se retirar do quarto, o acompanhou tentando puxar conversa, mais o mesmo não lhe deu muita atenção. O seguiu até chegar na cozinha que continha uma mesa farta e sem nenhum ser além deles, e via que a casa era quase minuscula em comparação ao local onde estava indo. O homem a sua frente andou ao redor da mesa a procura de um barulho estranho que estava sendo feito por alguma coisa e depois de um tempo sentou-se e começou a comer. Como seu ofato é apurado, sentiu o cheiro que ela acha o mais delicioso que existe, o de sangue. Não incomodou-se mais com o barulho e foi direto a carne que, ao puxar para seu prato, escorria sangue e parecia que havia sido acabado de ser retirado da presa. Simplesmente enfartou-se.

@Knock

Knock somente sentou-se na cama e prestou mais atenção ao seu redor, viu um homem e uma mulher sair do quarto com até certa pressa. Mesmo com o pequeno incomodo da dor em sua cabeça, começou a pensar no que havia acontecido e por temer o desconhecido, espera o outro ser, que está deitado na cama, acordar.

(....)

Sentiu-se um pouco ofendido pelas palavras do rapaz, mais não deixou-se levar pelas palavras pois ainda continha a incoerencia do ocorrido de antes. Pelos barulhos vindos de baixo, percebia que as pessoas de antes já estavam a se alimentar o que ocasionou em seu estomago roncar dando o aviso de que necessitava comer o mais urgente possivel, parecia que não comia a semanas.

@ Kronos

Sentiu-se nada a vontade com o cara sentado na beira da cama, ajeitou-se da melhor forma, apaupou-se para verifica se estava tudo certo e fez uma ameaça, mais só por estar com sono.

Para Akkin, um bom sono é a melhor coisa e logo em seguida uma boa refeição. Isso o deixa bem mais disposto para o resto do dia. Como não havia dormido muito bem, escolheu dormir mais um pouco e depois seguir o maravilhoso cheiro de comida, que era até um pouco incomodante para quem estava com muita fome.
avatar
yoda
Andarilho
Andarilho

Número de Mensagens : 244
Idade : 23
Localização : Brasília-DF
Reputação : Neutro Wanted :
0 / 1000 / 100

Data de inscrição : 06/03/2010

Ficha do personagem
Exp: 950 / 1000
Lvl: 2
HP: 100%

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Fortitudo Lapidum - Camp

Mensagem por Zatoichi em Dom 11 Dez 2011, 1:54 pm

Enquanto saia do quarto foi abordado por uma moça, olhou para trás, só então percebendo que a cama em que se encontrava tinha mais três pessoas. Achou estranho e melhor nem comentar sobre aquilo. Não conseguiu entender boa parte do que ela falou, estava com a mente na comida, e foi isso que ouviu.

-Hmm... Aham!- Balançou a cabeça positivamente em sinal de que concordava.

Desceu as escadas e para sua surpresa la estava Plue, seu pequeno amigo se deliciava com a comida em seu pote, Zato chegou perto dele passou a mão em sua cabeça. O pequeno animal nem deu sinal de ter notado, era como o dono, ficava muito entretido com comida à sua frente.

Aproximou-se à mesa e começou a se servir. Pegou o máximo de comida possível, enchendo o prato. durante alguns segundos, encarou a moça que havia descido com ele. Não a conhecia nem sabia do que era capaz, mas achou melhor falar algo. Aquele silencio todo era muito estranho para ele.


-Desculpe se esqueci de perguntar, quem é você?- Estava serio, e apesar de parecer indiferente para aquela situação sabia que tinha se metido em alguma outra enrascada. -Ah é, e o que estamos fazendo aqui?-

Conforme a fome do garoto era saciada ele conseguia raciocinar melhor, perguntas começaram a surgir em sua mente e ele ficava mais atento a sua volta. Volta e meia bebia alguma coisa para ajudar a comida a descer melhor, se pudesse ficaria ali o dia inteiro.

_________________

Força Física: 6
Força Mágica: 1 +1
Velocidade de Ataque: 5
Velocidade de Movimento: 5
Precisão: 4 +1
Vitalidade: 3 +1
avatar
Zatoichi
Narrador em Teste
Narrador em Teste

Número de Mensagens : 656
Idade : 23
Localização : Rio de Janeiro-RJ
Reputação : +10 Wanted :
0 / 1000 / 100

Data de inscrição : 21/01/2009

Ficha do personagem
Exp: 180/1000
Lvl: 6
HP: 37%

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Fortitudo Lapidum - Camp

Mensagem por Knock em Seg 12 Dez 2011, 10:17 am

O golem estava à beira da cama a espera do rapaz que estava a dormir em seu lado, quando percebeu um movimento na cama, era o garoto acordando e se tocando... Falou algo sobre cortar os bagos de alguém e tals, mas não se importou.

O cheiro da comida se tornava tão intenso que seu estômago implorava para comer, assim Knock não teve outra opção a não ser descer e encarar o desconhecido atrás de comida.

- COMIDA, COMIDA, COMIDA, COMIDA- Era tudo o que o jovem de armadura conseguia pensar... Parecia estar semanas sem se alimentar... O cheiro do café estava deixando-o esfomeado e assim deixou o dorminhoco, saiu do quarto e desceu a fim de se alimentar.
avatar
Knock
Narrador em Teste
Narrador em Teste

Número de Mensagens : 148
Reputação : Neutro Wanted :
0 / 1000 / 100

Data de inscrição : 14/05/2011

Ficha do personagem
Exp: 350/1000
Lvl: 1
HP: 100%

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Fortitudo Lapidum - Camp

Mensagem por Selenna Walker em Ter 13 Dez 2011, 6:33 pm

Selenna mordia alegremente uma perna de algum animal, suas energias voltaram e ela parecia mais feliz do que o normal que até dispensava o uso do prato, comendo com as mãos.

Não poderia deixar de notar o cão que comia junto a eles, devorando vorazmente seu pote de comida. Havia comida de sobra, e portanto não haveria problema se em vez da comida de cachorro que comia, oferecessem ao cãozinho um pedaço de carne. Me abaixei e ofereci o pedaço de carne que comia ao cão. Foi quando Zato decidiu falar.

-Desculpe se esqueci de perguntar, quem é você?-

- Ah, eu sou Selenna. - disse, fitando-o. - E assim como você não tenho a mínima ideia do que está acontecendo aqui. - disse presumindo que assim como eu, Zato não sabia de nada do que estava acontecendo, num tom que poderia ser considerado até arrogante, porém verdadeiro. - E você... é?
avatar
Selenna Walker
Aventureiro
Aventureiro

Número de Mensagens : 164
Idade : 23
Localização : Lodoss
Reputação : Neutro Wanted :
0 / 1000 / 100

Data de inscrição : 31/01/2010

Ficha do personagem
Exp: 450/1000
Lvl: 1
HP: 80%

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Fortitudo Lapidum - Camp

Mensagem por yoda em Dom 18 Dez 2011, 8:20 pm

@Selenna, Zato e Knock.

Enquanto apreciavam sua refeição, que parecia escolhida perfeitamente para eles, Selenna e Zato puderam perceber a chegada de mais uma pessoa a cozinha. Esse ser era de certa forma estranho, mais por conta de sua armadura que parecia feita por seres fora do mundo onde vivem, mais viram que parecia tão perdido quanto. Quando Knock ia em direção a uma das cadeiras uma voz vindo próximo da porta anuncia a presença de mais uma pessoa. Quando observaram, puderam ver que aquele ser não estava lá antes e nem estava na cama onde praticamente se encontraram. Era um samurai com uma aparência cansada, parecia que estava constantemente em batalhas, suas vestias eram bem esfarrapadas e maltratadas. Cobria seu rosto com um chapéu de palha que também estava no mesmo estado que suas vestias.

Spoiler:



-- Acomode-se logo em uma cadeira que não tenho muito tempo a perder com vocês.-- Soava bem ranzinza, maldoso e sem vontade de estar ali. Levando sua mão a si mesmo, começa a vasculhar o interior de sua roupa procurando algo. Não demorou muito e puxou quatro pergaminhos, cada um contendo uma cor de ferente: Azul, vermelho, marrom e branco.

-- Quando o preguiçoso acordar entreguem o pergaminho a ele.. -- O samurai foi arremessando os pergaminhos para cada um e deixou um deles sobre a mesa. O vermelho Foi para Selenna, o Branco para Zato, o Azul para Knock e sabiam que o marrom era para o ser que ainda estava na cama.

-- Dispensados....-- Retirando-se do estabelecimento.

Aquilo havia sido algo muito estranho e sem sentido. Se eles já estavam com duvida antes, suas duvidas só fizeram aumentar com o ocorrido.

@Kronos

Ainda deitado, Akkin sonhava com Alice, sendo beijado por ela com os seus belos lábios vermelhos e carnudos, sendo envolvido por seus braços macios e leves, sentindo o calor que ela transmitia para ele. Akkin estava ficando bem envolvido com o sono, pois, quem o fosse ver na cama, estava fazendo gemidos leves e mexia-se muito na cama, representando que estava agarrando e beijando alguém ou algo. No êxtase do sonho, foi atrapalhado por um baque oco de madeira e por uma dor que sentia na parte frontal de seu corpo. Levantando-se, observa novamente o recipiente, estava sozinho, e somente naquele momento percebera que sua espada estava encostada na parede próximo ao armário.

tradução:Fala comum (aliados)
Fala comum (inimigos)
Fala principais (personagens quase constantes)
*Ação de ataque*
avatar
yoda
Andarilho
Andarilho

Número de Mensagens : 244
Idade : 23
Localização : Brasília-DF
Reputação : Neutro Wanted :
0 / 1000 / 100

Data de inscrição : 06/03/2010

Ficha do personagem
Exp: 950 / 1000
Lvl: 2
HP: 100%

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Fortitudo Lapidum - Camp

Mensagem por Kronos Hiily em Dom 18 Dez 2011, 8:58 pm

[Seu puto, eu ia postar hoje D= ]

Logo que fechou os olhos, apagou e de certo, não queria acordar tão cedo. Sonhava com uma das fantásticas garotas que conheceu em sua aventura: Alice. Provavelmente ela estaria sentindo falta dele - Ou não - já que tinha sumido sem dar sinal de vida. Mas isso já era rotineiro na vida do jovem guerreiro ex-combatente da Guarda Real. Tanto irrealismo, já fazia parte de sua medíocre vida.

Contudo, como nada era perfeito. Tudo se defez em fumaça. Uma certa dor fulminante o acerto, fazendo-o levantar rapidamente. Massageou o lugar por um instante e vendo que ainda demoraria para aquilo parar, decicidiu deixar que o seu próprio corpo fizesse o resto. Passou os olhos pelo quarto, e dessa vez, não viu ninguém. Ora, será que aquele monstro metálico do seu lado era um sonho? Bem, não importava.

Levantou-se e pegou sua espada que estava perto da cama. Com aquilo, ninguem ira sequer levantar um dedo. Outra constância que percebeu, foi que o cheiro de comida ainda não tinha sumido e as vozes no andar de baixo já se faziam aparecer. Deu um leve suspiro e simplesmente desceu com espada em mãos. Sentou-se na mesa e começou a comer despreocupadamente, antes de tudo, comprimentou a todos.

- Bom dia jovens senhores de quem desconheço o nome.
avatar
Kronos Hiily
Punk Demon
Punk Demon

Número de Mensagens : 261
Idade : 22
Localização : Belém - Pará
Reputação : Neutro Wanted :
42 / 10042 / 100

Data de inscrição : 06/03/2010

Ficha do personagem
Exp: 3400/4000
Lvl: 3
HP: 100%

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Fortitudo Lapidum - Camp

Mensagem por Zatoichi em Dom 18 Dez 2011, 11:04 pm

Zato ainda se mantinha sério mesmo com a resposta da garota. Realmente não tinha sido nem um pouco educado com ela, não que desse muita importancia, porém de vez em quando costumava mostrar algum senso de respeito, ele o tinha, mas não deixava tão amostra já havia algum tempo, sendo assim era melhor responder. Em seu ponto de vista Selenna tinha se dado bem com Plue, não podia ser uma pessoa ruim.

-Então não sou o único perdido por aqui, bom saber- Logo presumiu que os outros que estavam no quarto também não saberiam de nada. -Meu nome é Henry Van Zatoichi, costumam me chamar de Zato.- Fez uma pequena pausa para comer e logo voltou a falar. -Prazer em conhecê-la- Seu tom de voz deixava bem claro que não tinha prazer nenhum ali, desconhecia a situação e tinha uma sensação de que iria piorar muito.

Mais alguém acabara de chegar na sala, era um dos outros dois que estava na cama ainda pouco. Ignorou sua presença, aquele parecia estranhamente ocupado comendo. O banquete realmente estava delicioso, porém não era pra tanto, aquele homem exalava alegria.

Foi então que aparente samurai entrou na sala. Tinha uma postura de comandante, aquele parecia ser um homem respeitável. Ouviu tudo o que ele tinha pra dizer calado, de vez em quando olhando a sua volta ainda intrigado com o que acontecia ali. Nenhuma de sua dúvidas tinha sido esclarecida e o garoto esperava sinceramente que aquele pergaminho tivesse alguma resposta para elas.

Após todo discurso do homem Zato escutou outra voz, essa vindo da escada.
-Então o último finalmente acordou- Pegou o pergaminho marrom da mesa e o lançou para Akkin. Esperava que ele tivesse reflexos o suficiente para ao menos poder pegar.

Nem viu no que deu. Voltou a olhar seu próprio pergaminho e decidiu abrir. Por um lado ainda estava meio cansado, pelo outro estava curioso demais para se segurar e não ler o que estava escrito naquele pedaço de papel. O que mais intrigava o jóvem era o por que dos pergaminhos serem diferentes. Cada um teria objetivos diferentes ali? não tinham sido reunidos por uma unica razão?

_________________

Força Física: 6
Força Mágica: 1 +1
Velocidade de Ataque: 5
Velocidade de Movimento: 5
Precisão: 4 +1
Vitalidade: 3 +1
avatar
Zatoichi
Narrador em Teste
Narrador em Teste

Número de Mensagens : 656
Idade : 23
Localização : Rio de Janeiro-RJ
Reputação : +10 Wanted :
0 / 1000 / 100

Data de inscrição : 21/01/2009

Ficha do personagem
Exp: 180/1000
Lvl: 6
HP: 37%

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Fortitudo Lapidum - Camp

Mensagem por Selenna Walker em Seg 19 Dez 2011, 10:32 am

Não era de se surpreender que alguém aparecesse, afinal de contas deveria haver um motivo para tudo aquilo, deveria haver alguém que quisesse nos ver juntos. Quando arremessado pelo samurai, Selenna pegou seu pergaminho com calma, sem muita vontade para abri-lo, colocou Plue em seu colo, que mastigava alegremente o pedaço de carne, e então começou a beliscar as outras coisas na mesa, sem muita pretensão de realmente comer algo, apenas se entretinha com a presença do animalzinho.

Esperou o último dos homens descer as escadas, para abrir seu pergaminho de cor vermelha.

- Bom dia jovens senhores de quem desconheço o nome.
Bom dia - respondeu rapidamente, notando a espada que o homem carregava em mãos, sem entretanto dar muita importância para deselegância do rapaz, começou a ler.
avatar
Selenna Walker
Aventureiro
Aventureiro

Número de Mensagens : 164
Idade : 23
Localização : Lodoss
Reputação : Neutro Wanted :
0 / 1000 / 100

Data de inscrição : 31/01/2010

Ficha do personagem
Exp: 450/1000
Lvl: 1
HP: 80%

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Fortitudo Lapidum - Camp

Mensagem por Knock em Seg 19 Dez 2011, 3:53 pm

La estava o jovem golem indo em direção à mesa na qual dois jovens, cujas feições não fora bem analisadas por ele, pois este só conseguia pensar em comer... Sua fome parecia aumentar cada vez mais à medida que se aproximava da mesa, estavam assentados saboreando suas refeições.

Antes de Knock se sentar a mesa ouviu uma voz um tanto ranzinza e maldosa que se propagava de perto da porta... Era um homem que notavelmente não estava na mesma situação dos jovens, este trajava uma vestimenta de samurai bem usada, a qual remetia várias lutas, aparentava estar cansado como se estivesse acabado de sair de uma batalha e sendo assim são aparentava nenhum desejo de estar ali com o grupo juvenil.

-- Acomode-se logo em uma cadeira que não tenho muito tempo a perder com vocês.—
Vai te fu........ — A dor de cabeça e a fome pareciam entenebrecer a mente do jovem, porém antes que este pudesse terminar a frase respirou bem fundo; puxou a cadeira; disse um breve olá aos que estavam lá e pôs-se a comer deixando o samurai de lado, mas sem desviar a atenção de suas palavras.

Estava meio aborrecido com o velho, mas ficou prestando atenção em tudo que ele fazia, este vasculhava as coisas dele e começava a pegar uns pergaminhos os jogava para cada um dos que estavam ali presentes, cada pergaminho tinha uma cor diferente e o do golem era azul... Que segredos estavam guardados ali? O jovem saboreando sua comida ficava a encarar e a refletir sobre o conteúdo do objeto.

- Quando o preguiçoso acordar entreguem o pergaminho a ele.. –
Eu não vou entregar nada a ninguém— O golem ficava resmungando parecia que não estava gostando nada da presença do tal velho.
-Dispensados....-
Até parece que manda em mim— E pelo jeito a coisa ia demorar mais...

O jovem, mesmo com raiva daquele ser, mas não deixaria que sua mente se esquivasse do foco... Tinha alguma coisa estranha e mesmo que não parecesse o golem se armava, queria saber onde estava e o que fazia naquele lugar... Estava preparado para tudo.
avatar
Knock
Narrador em Teste
Narrador em Teste

Número de Mensagens : 148
Reputação : Neutro Wanted :
0 / 1000 / 100

Data de inscrição : 14/05/2011

Ficha do personagem
Exp: 350/1000
Lvl: 1
HP: 100%

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Fortitudo Lapidum - Camp

Mensagem por yoda em Seg 19 Dez 2011, 8:26 pm

@kronos

Enquanto descia, Akkin ia arrumando-se para ficar mais apresentável, pois suas roupas estavam amassadas. Ao chegar na cozinha cumprimentou as pessoas presentes e foi surpreendido por um pergaminho arremessado em sua direção, seus reflexos eram bons e pode pegar sem nenhuma preocupação. Ao sentar-se, preparou seu café da manhã com muita tranquilidade esperando que alguám falasse alguma coisa a respeito.


@Zato

Mesmo com todo o desrespeito de Selenna, não se deixou abalar, apresentou-se também e devolveu o sentimento passado pela mesma. Começou a concentra-se mais em sua comida, pois imaginava que, talvez, o resto do pessoal fosse tão "amigável" quanto Selenna, pois quando o ser de armadura apareceu, somente o olhou e ignorou quase que de imediato. Foi quando o samurai apareceu.

Apos o discurso do samurai, que havia esperado pacientemente, Zato esperava alguma resposta do que poderia ser aquela "reunião", mais nada havia sido respondido e provavelmente não seria com aquele ser que encontraria as respostas. Havia recebido um pergaminho e esperava que ele fizesse o trabalho que o samurai não fez, desfez o nó e o abriu cautelosamente lendo linha por linha.

“Se está lendo isso é porque foi convocado para uma grande missão solo designada pelo rei Sr. Royal Gamble. Provavelmente seu instrutor não explicou direito sobre o que está ocorrendo, mais logo mandaremos alguém para retirar suas duvidas e mostrar o caminho a seguir.

MISSÃO: Você foi designado para o pilar do Vento. As informações sobre esse pilar é desconhecido, e está localizado junto a uma pessoa. Mas informações sobre essa missão será dada pelo instrutor e guia de vocês. Quando terminar sua missão deveras se encontrar com a pessoa que pegou o pergaminho marrom.

Obrigado pela sua atenção. Boa sorte. “Assinado: Comandante Zing Shuan”

Era estranho o que estava escrito, mais pelo menos já era um começo.Novamente não havia sido respondido completamente, mais estava a espera da pessoa que iria realmente responde-los.

Ao termino de sua leitura, percebeu que o ultimo ser estava descendo e ao ver que já estava proximo o suficiente da cozinha arremessou o pergaminho para o mesmo.

@Selenna

Escutou o que era pronunciado pelo samurai. não se espantara nem mudara de expressão quando viu que não havia sido respondido nada, ainda mais quando ninguem fez nenhuma pergunta. Pegou o pergaminho com toda elegancia e leveza, mais om pouca vontade de abrir. Aproveitou para pegar Plue que, felizmente, comia sua carne como se não houvesse amanhã. Enquanto beliscava alguns aperitivos, respondeu ao bom dia do ultimo ser que estava se juntando a eles. Com uma unica mão, puxou a fita que segurava o pergaminho e começou a ler.

“Se está lendo isso é porque foi convocado para uma grande missão solo designada pelo rei Sr. Royal Gamble. Provavelmente seu instrutor não explicou direito sobre o que está ocorrendo, mais logo mandaremos alguém para retirar suas duvidas e mostrar o caminho a seguir.

MISSÃO: Você foi designada para o pilar do fogo. O pilar do fogo é o que trás força e magia para todos os soldados e também é responsável pela a euforia na hora do combate. Seu objetivo é destruir o pilar. A diferença desse pilar para os outros é que ainda não encontramos uma forma de destruir-lo, então boa sorte. Quando terminar sua missão deveras se encontrar com a pessoa que pegou o pergaminho marrom.

Obrigado pela sua atenção. Boa sorte. “Assinado: Comandante Zing Shuan”

Quão animador aquilo poderia ser? Já não tinha muita vontade de estar ali. Agora estava sem respostas, com uma missão em mãos e ainda teria de se encontrar com o deselegante para começar um ótimo dia. É nessas horas que gostaria de alguém para poder responder suas perguntas.

@Knock

Até parecia um pouco com o samurai, mais estava saindo da linha, ainda mais em algumas pronuncias que o samurai começou a fita-lo mexendo em sua espada. Estava tão irritado quanto, mais era por causa de sua fome que podia ser considerada até insaciável. Apos o discurso do samurai, Knock demonstrava muito a raiva que sentia, aparentava ser até sem lógica, respondia de forma mal educada, sendo que o samurai falava com todos, antes de sair o samurai para em frente a porta e o fita.

-- Arrependera-se de suas palavras, golem -- Dizia com um certo sorriso em seu roto. Voltou-se para porta e continuou seu camiho.

Como já havia sido entregue o pergaminho a Knock, ele, antes de abrir, começou a alimentar-se para que pudesse acalmar-se e pudesse ler com mais calma. Apos algumas bocanhadas, abriu o pergaminho, por qual achava que escondia segredos e que poderia responder algumas perguntas.

“Se está lendo isso é porque foi convocado para uma grande missão solo designada pelo rei Sr. Royal Gamble. Provavelmente seu instrutor não explicou direito sobre o que está ocorrendo, mais logo mandaremos alguém para retirar suas duvidas e mostrar o caminho a seguir.

MISSÃO: Você foi designado para o pilar da Água. O pilar da Água é o que oferece a cura para os que foram derrotados em batalha, fazendo-os se erguer novamente e é o responsável da grande habilidade para que os seus guerreiros possam fazer qualquer coisa sem ao menos ter conhecimento sobre o assunto. Seu objetivo é destruir os cinco pilares e capturar o sexto. Quando terminar sua missão deveras se encontrar com a pessoa que pegou o pergaminho marrom.

Obrigado pela sua atenção. Boa sorte. “Assinado: Comandante Zing Shuan"

Não era de se fazer muito sentido, mais ao menos sabia para o que foi chamado, começou a comer pacientemente em espera ao outro ser que iria aparecer.


mapas dos pergaminhos:
Spoiler:



[off: Perdão por qualquer erro ou dano sofrido, sabem que sou iniciante, mais a tendencia é melhorar. Kronos, sabes a minha situação, no momento não posso ficar aguardando até meia noite. Obrigado por sua atenção.]


tradução:Fala comum (aliados)
Fala comum (inimigos)
Fala principais (personagens quase constantes)
*Ação de ataque*
avatar
yoda
Andarilho
Andarilho

Número de Mensagens : 244
Idade : 23
Localização : Brasília-DF
Reputação : Neutro Wanted :
0 / 1000 / 100

Data de inscrição : 06/03/2010

Ficha do personagem
Exp: 950 / 1000
Lvl: 2
HP: 100%

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Fortitudo Lapidum - Camp

Mensagem por Knock em Seg 19 Dez 2011, 9:04 pm

Knock estava sentado à mesa e agora, alimentado, refletia sobre as suas atitudes e suas palavras...

-- Arrependera-se de suas palavras, golem –

A palavra do samurai não era necessária para que o golem se arrependesse ou se sentisse mal, mesmo antes de ter ouvido tais palavras já atormentava- se

O que é isso que estou fazendo?
Não sou assim... Meu pai não me ensinou a ser assim– O arrependimento era visível, porém de nada adiantaria... Ao cair em si o jovem de armadura tentou pedir perdão ao cansado samurai, porém este já havia partido.

Como não podia fazer mais nada, abriu o pergaminho no qual estavam escritos o porquê de Knock estar ali e qual seria sua primeira missão... Ainda não fazia muito sentido, mas pelo menos já tinha uma explicação plausível sobre o assunto, agora iria acabar de alimentar-se e esperar até que recebesse uma ordem para cumprir sua missão.
avatar
Knock
Narrador em Teste
Narrador em Teste

Número de Mensagens : 148
Reputação : Neutro Wanted :
0 / 1000 / 100

Data de inscrição : 14/05/2011

Ficha do personagem
Exp: 350/1000
Lvl: 1
HP: 100%

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Fortitudo Lapidum - Camp

Mensagem por Zatoichi em Seg 19 Dez 2011, 9:39 pm

Zato suspirou, estava meio decepcionado com tudo que ocorria ali. Queria respostas, mas agora apesar de saber como consegui-las, surgiam mais perguntas. O que diabos afinal era o tal pilar, e como chegaria até ele. Era de certa forma frustrante, mas a curiosidade começou a crescer dentro do garoto, não estava disposto a ficar parado ali por muito mais tempo.

-Ei!- Levantou o rosto olhando para Selenna -Pode dar o que quiser pra ele comer, parece gostar bastante de você- Plue era seu companheiro de longas aventuras, e por mais que fosse estranho, ultimamente tinha bem mais facilidade para fazer amizades do que o próprio dono. -Só não dê carne de porco, ele não é muito fã.-

Zato se levantou da mesa, estava impaciente demais para ficar parado. Colocou a mãos nos bolsos e andou até a parede mais próxima se apoiando nela. Dava longos bocejos em sinal de estar levemente entediado e mudava de lugar o tempo todo.

A cima de tudo observava quem mais estava ali e se perguntava por que teria de se encontrar com o outro espadachim ao fim da missão. Sua arma lembrava bastante o garoto da própria, teria ele um estilo de luta parecido com seu? Não fazia nenhuma questão de experimentar, mas estava curioso.

_________________

Força Física: 6
Força Mágica: 1 +1
Velocidade de Ataque: 5
Velocidade de Movimento: 5
Precisão: 4 +1
Vitalidade: 3 +1
avatar
Zatoichi
Narrador em Teste
Narrador em Teste

Número de Mensagens : 656
Idade : 23
Localização : Rio de Janeiro-RJ
Reputação : +10 Wanted :
0 / 1000 / 100

Data de inscrição : 21/01/2009

Ficha do personagem
Exp: 180/1000
Lvl: 6
HP: 37%

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Fortitudo Lapidum - Camp

Mensagem por Selenna Walker em Sex 13 Jan 2012, 5:00 pm

Só não dê carne de porco, ele não é muito fã.

- Então sem carne de porco pra você - disse brincando, apertando e batendo de leve em Plue que continuava a comer. - Foi então que peguei outro pedaço de carne para o cão - você deve ser o dono dele - perguntei a Zato que se mostrava um pouco impaciente com tudo aquilo, mas que entretanto se mostrava a pessoa mais amigável dali.

...

- Acho que agente devia dar uma saída, ver o que tem lá fora - propus então a todos enquanto guardava o pergaminho na bolsa. Me levantei, colocando Plue no chão e indo abrir a porta.
avatar
Selenna Walker
Aventureiro
Aventureiro

Número de Mensagens : 164
Idade : 23
Localização : Lodoss
Reputação : Neutro Wanted :
0 / 1000 / 100

Data de inscrição : 31/01/2010

Ficha do personagem
Exp: 450/1000
Lvl: 1
HP: 80%

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Fortitudo Lapidum - Camp

Mensagem por Kronos Hiily em Ter 17 Jan 2012, 10:20 pm

A comida estava tão boa que nem se deu conta cedo de que outro ser estava presente ali. Mas este logo saiu. Bem, não era culpa dele. Terminou sua comida e bebeu suco ou água, para se saciar. Limpou a boca com algum guardanapo e escutou alguém lhe chamar, mesmo que não fosse pelo nome. Quando viu, algo vinha em sua direção. Parecia um pergaminho e ele não tinha tempo para levantar as mãos e pegá-lo.

Não foi problema. Abriu a boca e pegou com a boca. Em seguida, o abriu. Leu o conteúdo e guardou na mochila novamente. Obviamente, memorizou tudo o que estava escrito. Não tinha tantas dúvidas sobre o que ocorria ali. Provavelmente ganhariam algo no final, então estava valendo a aventura.

Deu uma olhada a mais no compartimento, observando melhor as pessoas. Todas distintas e... Estranhas. Tinha até um cachorro no local. Mas não se importava muito com aquilo, pra ser sincero. Deu leves bocejos indicando que ainda estava com sono... Observou os bons modos da garota com o cão e logo em seguida, ela se levantara para saber o que havia lá fora. Bem, não era uma má idéia.

Pegou sua espada e colocou nas costas. Era grande e chegava até a dobra de seu joelho.

- É, pelo menos deve ter algo ai fora...


[FOI MAL. Eu posto mais cedo da próxima. ]
avatar
Kronos Hiily
Punk Demon
Punk Demon

Número de Mensagens : 261
Idade : 22
Localização : Belém - Pará
Reputação : Neutro Wanted :
42 / 10042 / 100

Data de inscrição : 06/03/2010

Ficha do personagem
Exp: 3400/4000
Lvl: 3
HP: 100%

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Fortitudo Lapidum - Camp

Mensagem por yoda em Qua 18 Jan 2012, 12:58 am

@kronos
Era um dos mais despreocupados presentes ali, comia como se estivesse em sua casa próximo de seus familiares. Após o termino de sua refeição, quis ler o que estava escrito no pergaminho que havia sido entregue a ele que o pegou com a boca.

“Se está lendo isso é porque foi convocado para uma grande missão solo designada pelo rei Sr. Royal Gamble. Provavelmente seu instrutor não explicou direito sobre o que está ocorrendo, mais logo mandaremos alguém para retirar suas duvidas e mostrar o caminho a seguir.

MISSÃO: Você foi designada ao pilar da terra. O pilar da terra é o que da resistência as tropas inimigas e a que as ajuda a transportar-los de um lugar para outro em questões mínimas de tempo. Seu objetivo é destruir o local, mais somente após seus companheiros estarem próximos de você, pois você será responsável pelo transporte.

Obrigado pela sua atenção. Boa sorte. “Assinado: Comandante Zing Shuan”

Não mudou nada de como estava antes, somente levantou-se e decidiu ir a uma pequena excursão com a bela mulher do cabelo vermelho.

@Todos
De repente ouviram uma voz diferente, não poderia ser de nenhum deles, pois pelo pouco tempo que passaram perto um do outro, poderiam reconhecer a voz de cada um.

-- Até que é uma boa idéia dar uma volta, este lugar está com cheiro de mofo. Que tal irmos ao jardim do castelo?

A voz vinha da mesa, e era no local onde o samurai estava.

--Espero que entendam a missão, se ainda não assimilou, continue lendo até entrar em suas cabecinhas – Quem o olhasse, poderia ver um sorriso leve, agradável, mais de certa forma irritante.—Como eu sei que aquele samurai não explicou muito bem alguns detalhes, acabaram de se encontrar com o seu guia. Quem ainda está comendo, leve sua refeição consigo, iremos dar uma volta e tirarei as duvidas de vocês. Tudo bem? – Fazendo novamente aquele sorriso, leve, agradável e ao mesmo tempo irritante.

Selenna e Akkin pararam na metade do caminho em direção a porta e subitamente olharam para o velho que aparecera lá. Zato e Knock pararam o que estavam fazendo e olharam também, nenhum deles estava surpreendido por um velho aparecer do nada, mais curiosos de como ele havia chegado ali sem nenhum deles ter sentido a presença, até mesmo Plue estava com cara de curioso. Tirando isso, ao menos poderiam ganhar algumas respostas, principalmente do premio.

tradução:Fala (aliados)
Fala (inimigos)
*Ação*
Obs: decidi deixar somente duas cores, fica melhor para todos. Obrigado por sua atenção.

Imagem do velho abaixo:
Spoiler:


avatar
yoda
Andarilho
Andarilho

Número de Mensagens : 244
Idade : 23
Localização : Brasília-DF
Reputação : Neutro Wanted :
0 / 1000 / 100

Data de inscrição : 06/03/2010

Ficha do personagem
Exp: 950 / 1000
Lvl: 2
HP: 100%

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Fortitudo Lapidum - Camp

Mensagem por Knock em Qui 19 Jan 2012, 8:10 pm

No momento no qual Knock baixou a cabeça para fazer uma reflexão sobre seus atos, uma voz a qual não pertencia a nenhuma das pessoas que estavam ali presentes surgiu...
-- Até que é uma boa idéia dar uma volta, este lugar está com cheiro de mofo. Que tal irmos ao jardim do castelo?
O golem olhou para o lugar de onde a voz se originava a fim de ver o ser que se apresentava perante os jovens. Se tratava de um senhor que estava no mesmo lugar onde o samurai aparecera, estava falando com uma voz meio estranha aos ouvidos de Knock e aquele sorrisinho em seu semblante o incomodava um pouco.

--Espero que entendam a missão, se ainda não assimilou, continue lendo até entrar em suas cabecinhas
Aquele sorriso parecia mais irritante, porém Knock não iria fazer mais nada que pudesse prejudicá-lo.
—Como eu sei que aquele samurai não explicou muito bem alguns detalhes, acabaram de se encontrar com o seu guia. Quem ainda está comendo, leve sua refeição consigo, iremos dar uma volta e tirarei as duvidas de vocês. Tudo bem?

Knock já havia acabado e não estava mais com fome, por ele estava tudo bem, a não ser por aquele tom de voz e pela aparente arrogância daquele ser, porém, como havia proposto em seu coração, não iria fazer nada que pudesse comprometê-lo e além do mais o velho parecia ser um sabichão e podia tirar algumas dúvidas e dar prestar alguns esclarecimentos sobre tudo o que ocorria naquele local.
avatar
Knock
Narrador em Teste
Narrador em Teste

Número de Mensagens : 148
Reputação : Neutro Wanted :
0 / 1000 / 100

Data de inscrição : 14/05/2011

Ficha do personagem
Exp: 350/1000
Lvl: 1
HP: 100%

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Fortitudo Lapidum - Camp

Mensagem por Zatoichi em Ter 24 Jan 2012, 12:45 pm

Zato ficou quieto durante um tempo, assistia os outros comerem. Aquilo estava um bocado entediante, claro que a aparição anterior do samurai não fez muito sentido, e agora a desse velho fazia menos ainda. Parecia ser sobre isso que o homem falava, o que tinha em mãos era apenas um pergaminho dizendo o que fazer.

O velho disse tudo que Zato queria escutar naquele segundo, agora as dúvidas do meio-elfo finalmente seriam respondidas. A curiosidade ali aumentou, e o rapaz tinha certeza que não era só ele, mas todos ali estavam apreensivos por saber o que aconteceria agora. Sorriu meio de lado em resposta ao que o homem disse.

-Perguntas?- Ainda tinha uma expressão estranhamente feliz no rosto -Tenho aos montes, pra começar eu queria saber o que dabos eu estou fazendo nesse lugar e como vim parar aqui.- O garoto não estava muito feliz, mesmo com a recepção que receberam ali e com a quantidade de comida.

Se silenciou após as perguntas e foi até o jardim do castelo com os demais. Não se lembrava de ter visto aquele lugar, e não há quem pudesse dizer que o rapaz não conhecia Lodoss muito bem. Leu sobre toda a geografia em livros e conheceu pessoalmente muitas das localizações em suas aventuras.

_________________

Força Física: 6
Força Mágica: 1 +1
Velocidade de Ataque: 5
Velocidade de Movimento: 5
Precisão: 4 +1
Vitalidade: 3 +1
avatar
Zatoichi
Narrador em Teste
Narrador em Teste

Número de Mensagens : 656
Idade : 23
Localização : Rio de Janeiro-RJ
Reputação : +10 Wanted :
0 / 1000 / 100

Data de inscrição : 21/01/2009

Ficha do personagem
Exp: 180/1000
Lvl: 6
HP: 37%

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Fortitudo Lapidum - Camp

Mensagem por Selenna Walker em Qui 26 Jan 2012, 11:06 am

- Perguntas? - perguntou o samurai.

- Tenho aos montes, pra começar eu queria saber o que diabos eu estou fazendo nesse lugar e como vim parar aqui. - disse Zato.

- É, e poderia falar um pouco da recompensa que teremos por essa missão. - acrescentou Selenna, que animada em conhecer esse tal castelo, também queria sair dali.

Spoiler:
Desculpe-me pelo post ridiculamente pequeno, mas é que não tinha muita coisa pra postar =P

avatar
Selenna Walker
Aventureiro
Aventureiro

Número de Mensagens : 164
Idade : 23
Localização : Lodoss
Reputação : Neutro Wanted :
0 / 1000 / 100

Data de inscrição : 31/01/2010

Ficha do personagem
Exp: 450/1000
Lvl: 1
HP: 80%

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Fortitudo Lapidum - Camp

Mensagem por Kronos Hiily em Sex 27 Jan 2012, 10:45 pm

Estava prestes a sair, quando algo ocorreu. Uma voz desconhecida fora emitida por um ser que estava atrás deles. De modo instintivo, sacou sua Claymore e apontou para o mesmo. As íris de seus olhos ficaram vermelhas por um tempo e um humor sádico apareceu no Hanyou, que sorria sem motivo aparente. Aquele velho não lhe incomodava em nada. Já tinha visto piores e talvez mais cínicos e irritantes, não era lá algo para se preocupar.

- Ora, ora ora... Que interessante.

Aos poucos, os olhos de Akkin voltavam ao normal e aquele ser extrovertido estava de volta. Guardou a espada e se encostou na parede, esperando todos terminarem de falar. Knock era o caladão e pelo visto, Zato o emburrado da história. Selenna não passava de uma mercenária que provavelmente só estava interessada no dinheiro e não mediria esforços para isso, talvez. Não era um ser bem confiável, ninguém ali era. Sorriu com seus pensamentos e virou-se para o velhote, indagando-o sobre algo que talvez ninguém havia notado.

- Você disse castelo? Qual deles? Hilydrus? Takaras? Ou não estamos mais no Continente? Hum... Deixe-me adivinhar, esse é o castelo do tal...

Pegou o pergaminho e abriu lentamente fazendo uma cara de surpresa. Guardou rapidamente e voltou-se para o pequeno "eremita" ali na frente.

- Sir Royal Gamble? Interessante, deveras interessante. Se você vai tirar nossas dúvidas, tudo bem para mim.

Voltou ao caminho original e simplesmente abriu a porta saindo. Ainda não tinha muitas perguntas quanto ao que deveria fazer, afinal, estava tudo no papel não é? Deixaria isso para mais tarde, quando talvez pudessem formular alguma estratégia mais elaborada com a ajuda de um mapa descente. Por enquanto, iria seguir o conselho do velho. Aproveitar o jardim daquele castelo.
avatar
Kronos Hiily
Punk Demon
Punk Demon

Número de Mensagens : 261
Idade : 22
Localização : Belém - Pará
Reputação : Neutro Wanted :
42 / 10042 / 100

Data de inscrição : 06/03/2010

Ficha do personagem
Exp: 3400/4000
Lvl: 3
HP: 100%

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Fortitudo Lapidum - Camp

Mensagem por yoda em Dom 29 Jan 2012, 8:49 pm

@Todos

A chegada deles ao jardim havia sido muito rápida, somente as vozes de Zato, Selenna e Akkin foram ouvidas durante o caminho, mais nenhuma resposta foi apresentada a eles. Como todos acabaram ficando calados, começaram a observar o local, e puderam ver como realmente é.

Spoiler:



-- Sentem-se por favor. Vamos começar com a primeira pergunta feita. – Direcionou seu olhar para Zato— Já que tem varias, faça uma melhor do que essa – Sorriu para o mesmo – Mesmo assim lhe responderei. Vocês estão aqui para cumprir uma missão e você veio sendo carregado nas costas. – Direcionou seus olhos para Selenna – Sabia que alguém faria essa pergunta cedo ou tarde... mais pergunta é pergunta. A recompensa ainda não foi totalmente firmada, mais talvez seja algo que vocês já estão atrás. – Novamente prosseguiu o olhar, e encarou Akkin. Sua expressão havia ficado tão seria que poderiam até mesmo sentir uma intenção assassina crescendo no velho – Essa foi uma excelente pergunta meu caro. Acho que você mesmo se respondeu. Mais sim, vocês não estão em um lugar conhecido, pode-se dizer que nem estão em suas respectivas épocas. Provavelmente só poderão voltar a sua ilha quando terminarem essa missão.

O velho ajeitou-se, retirou sua espada da bainha e fincou no chão para servir de apoio a suas costas.

-- Suas missões, como próprio fala, são para ir até esses pilares, que faz com que ocorra esse tipo de fenômeno, mais somente elas juntas, separadas são somente o que vocês leram. Uma explicação um pouco melhor sobre o que eu sei sobre os pilares é que, na busca de reconhecimento em que fui acompanhar para impedir alguns tipos de acontecimentos, pude presenciar tais pilares. São grandes estruturas da cor de seus pergaminhos, tão resistentes quanto a qualquer material existente até hoje, o único detalhe é a sua fraqueza, é um pedaço pequeno do pilar que é do tamanho de nossas mãos, essa é realmente sua fonte de energia o resto é somente um transportador da magia, se vocês encontrarem está feito a missão. Claramente terão de procurar, pois esses pequenos pedaços ficam em movimento na grande estrutura, quando virem algo brilhando é lá que devem atacar. Um dos que mais terá dificuldade será você Selenna, nem mesmo eu pude ver onde realmente é o ponto fraco do seu pilar. – Mostrou seu leve sorriso novamente

-- Continuando, como toda magia, é preciso de uma “alavanca” para que a magia funcione. Ela funciona de duas formas, ao toque, o que seria quase impossível por seu centro de poder estar sempre se locomovendo, o outro só podia ser a longa distancia e é ai que Zato entra. Essa informação não é certa por isso a mandamos para saber, só colocaram pilar em seu pergaminho por verem um grande pilar transparente próximo ao castelo mais este era o único que não brilhava, mais o que mais chamou a atenção foram alguns brilhos dentro do castelo só que não descobrimos o paradeiro. E por isso sou o guia sou o jeito mais fácil para vocês descobrirem onde está a fonte de energia, irei comandar o ataque de distração e irei ficar com Akkin esperando o restante de vocês.

Os observou por um tempo. – Partiremos ao cair dessa noite, se não tiverem mais nenhuma pergunta estão liberados. O ponto de encontro é na casa que vocês estavam.

Nem se passou dois segundos e o velho começou a dormir em frente a todos.
avatar
yoda
Andarilho
Andarilho

Número de Mensagens : 244
Idade : 23
Localização : Brasília-DF
Reputação : Neutro Wanted :
0 / 1000 / 100

Data de inscrição : 06/03/2010

Ficha do personagem
Exp: 950 / 1000
Lvl: 2
HP: 100%

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Fortitudo Lapidum - Camp

Mensagem por Conteúdo patrocinado


Conteúdo patrocinado


Voltar ao Topo Ir em baixo

Página 1 de 6 1, 2, 3, 4, 5, 6  Seguinte

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo

- Tópicos similares

 
Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum